O Que Fazer em Bruxelas: 10 Pontos Turísticos Incríveis

O que fazer em Bruxelas

Descubra o que fazer em Bruxelas, a capital da Bélgica e como montar seu roteiro de viagem. 

Bruxelas é um importante centro político da Europa e do mundo. Com a sede do Parlamento Europeu e da OTAN (Organização do Tratado do Atlântico), possui a maior área urbana da Bélgica. A região metropolitana de Bruxelas, conta com uma população de 1,8 milhões de habitantes. 

Divirta-se em família e descubra o que fazer na terra do chocolate, das batatas fritas e dos incríveis waffles. 

Bruxelas: vida cultural e particularidades

Uma curiosidade interessante é que cerca de 30% da população de Bruxelas é estrangeira. Como um importante local de decisões políticas, muitos europeus moram em Bruxelas. 

Além da população de fora da Europa que imigra para trabalhar na Bélgica em busca de empregos em multinacionais. 

Bruxelas encanta seus visitantes principalmente pela bela arquitetura e gastronomia. O chocolate belga é o destaque e existem lojas espalhadas por todo centro histórico. Entre as principais marcas de chocolate belga estão: 

  • Leonidas;
  • Godiva;
  • Neuhaus;
  • Guylian;
  • Callebaut;
  • Belcolade. 

Com chocolates deliciosos, a Bélgica é conhecida em todo o mundo pelo seu rigor e controle de qualidade de seus chocolates. A composição dos produtos é regulamentada por lei. Por isso, desde o ano de 1884, o país  garante através de lei que o sabor e a qualidade do chocolate não seja adulterado pela adição exagerada de gorduras não provenientes do cacau. 

De acordo com a lei belga é preciso ter no mínimo 35% de cacau puro para ser considerado um chocolate. Bem diferente do que vemos no Brasil, não é mesmo? 

Saiba onde fica e como chegar em Bruxelas

A cidade de Bruxelas fica bem no centro da Bélgica. Bruxelas faz parte da Comunidade francesa da Bélgica. A maioria dos voos que chegam na Bélgica vem pelo Aeroporto Internacional de Bruxelas

Também é possível chegar na Bélgica pelos aeroportos da Antuérpia, Oostende ou Charleroi. 

Se você estiver viajando na Europa, você também pode chegar em Bruxelas de trem. A Estação Central de Bruxelas (Gare Centrale de Bruxelles) é a mais movimentada do país. 

Ou então, se você quer saber como chegar em Bruxelas, também pode utilizar os ônibus europeus que ligam várias cidades da Europa. Por exemplo, o FlixBus. Que é uma maneira bem tranquila de viajar para Amsterdã, por exemplo. Viajar de ônibus na Europa é bastante seguro.

Quantos dias são necessários para conhecer Bruxelas?

Para conhecer Bruxelas você precisa de 1 a 2 dias na cidade. Se tiver apenas um dia, foque no centro da cidade e conheça as atrações mais próximas. Além disso, não deixe de experimentar a deliciosa batata frita belga. 

Dicas sobre o que fazer em Bruxelas à noite

Se você gosta de passear durante o dia, mas não quer ficar no hotel à noite, pode aproveitar para sair para jantar fora em Bruxelas. Ou então, sair para dançar e aproveitar os bares e baladas. 

Duas dicas do que fazer em Bruxelas à noite são: o Hard Rock Cafe Brussels (na Grand Place, 12A) e o Delirium Café (fica Galeries Royales Saint-Hubert), um bar incrível, super tradicional e com vários tipos de chopes! Vale a pena conhecer! 

Os 10 melhores pontos turísticos de Bruxelas

Descubra o que fazer em Bruxelas e os pontos turísticos mais importantes para visitar na capital belga:

01 – Grand Place

A Grand Place é o principal ponto turístico de Bruxelas e uma das praças mais bonitas da Europa (e do mundo). A arquitetura impressiona e o lugar fica cheio de turistas. Existem muitas lojas de chocolate, de macarons, restaurantes e cafés. 

Você pode aproveitar para tomar uma cerveja belga, comer um tradicional waffle ou comprar chocolates belgas das marcas tradicionais. Há várias opções de restaurantes próximos para almoçar. 

02 – Manneken Pis

Bruxelas Manneken Pis
Manneken Pis

Um monumento bem tradicional da Bélgica é o Manneken Pis, que fica bem pertinho da Grand Place. É uma pequena fonte de bronze de um menino fazendo xixi. Ele é um símbolo de Bruxelas e da sua população, conhecida pelo bom humor. A estátua de 1619 fica no endereço 1000 Brussels, Bélgica. Se você não sabe o que fazer em Bruxelas, não esqueça de colocar a atração no seu roteiro.

03 – Les Galeries Royales Saint-Hubert

As Galeries Royales Saint-Hubert ficam bem no centro de Bruxelas e é uma atração que vale a pena conhecer. As galerias são lindas e lembram bastante as de Milão, Londres e Paris. Cheia de cafés e lojas, com certeza você precisa fazer um pit stop para lindas fotos.

04 – Catedral de São Miguel e Santa Gúdula

A Catedral de São Miguel e Santa Gúdula é uma igreja católica para visitar em Bruxelas. A catedral tem entrada gratuita e para visitar a cripta e os tesouros da catedral, os turistas devem pagar € 1,00. Com uma arquitetura gótica, a história da igreja tem mais de 1.000 anos.

Veja também, o que fazer em Paris em 2022: os 10 melhores pontos turísticos.

05 – Museu dos Quadrinhos de Bruxelas

Importantes personagens de quadrinhos foram criados na Bélgica, como é o caso dos Smurfs e do Tintim. O Museu dos Quadrinhos de Bruxelas fica em um importante edifício do país, projetado em 1905 pelo arquiteto Victor Horta. 

O museu conta com exposições permanentes e itinerantes e é um lugar perfeito para quem gosta de quadrinhos. Na parte térrea do museu está a Livraria Slumberland com um enorme acervo de artigos para presentear e levar de lembranças. Desde revistas, livros, miniaturas de personagens, etc.  

06 – Museus Reais de Belas Artes

Para quem gosta de arte e está em busca de o que fazer em Bruxelas, não deixe de visitar o Museus Reais de Belas Artes (Musées royaux des Beaux-Arts de Belgique), que conta com importantes obras de arte. Ao todo são mais de 20.00 pinturas, esculturas e desenhos. Entre elas, a famosa “A Morte de Marat” de Jacques-Louis David (de 1793).

Como planejar uma viagem internacional: um guia completo.

07 – Museu Magritte

Já o Museu Magritte fica bem no centro de Bruxelas e é dedicado à obra do artista belga René Magritte. Ao todo são mais de 250 obras e documentos, esculturas, pinturas, fotos distribuídos em três andares. 

O artista surrealista René Magritte nasceu na Bélgica em 1898 e faleceu em 1967. Ele foi um dos nomes mais importantes do Surrealista, ao lado de Salvador Dali e Max Ernst. Para quem é apaixonado por história e cultura, com certeza, vale a pena conhecer o Museu Magritte. 

08 – Palácio Real de Bruxelas

O  Palácio Real de Bruxelas fica do lado oposto do Parlamento belga e o palácio oficial do rei. O edifício foi erigido onde estava localizada a antiga corte dos duques de Brabante, que sofreu um incêndio no ano de 1731. 

As alas laterais do Palácio são do século XVIII e são rodeadas por dois pavilhões: do lado esquerdo, o da Casa Civil; do lado direito, o Hotel Bellevue. Que atualmente é ocupado pelo Museu BELvue (Musée BELvue), que apresenta a história da Bélgica.

A construção do Palácio iniciou em 1820, no reinado do rei Guilherme, tendo sido modificada em 1904, por Leopoldo II, que a reconstruiu ao estilo de Luís XVI. 

O endereço do Palácio Real de Bruxelas fica na Pl. des Palais 7, 1000 Bruxelas, Bélgica,

09 – Parlamento Europeu

O Parlamento Europeu está localizado em Bruxelas e recebe todos os anos milhares de visitantes, com exposições e eventos, é possível visitar o Parlamento. O Parlamentarium conta com guia multimídia interativos e está disponível nas 24 línguas faladas na União Europeia. O centro de visitantes está aberto 7 dias por semana e a entrada é gratuita. Veja mais informações para visitar no site oficial

Endereço: Esplanada Solidarność 1980. Rue Wiertz / Wiertzstraat 60

B-1047 Bruxelas, Bélgica.

10 – Atomium

Bruxelas Atomium
Atomium

O Atomium é um dos símbolos de Bruxelas. Ele foi construído no ano de 1958 para a Expo 58. Ele é uma das atrações da Bélgica e tem 102 metros de altura. O design do Atomium é uma obra de André Wtarkeyn e representa um átomo de ferro ampliado 165 bilhões de vezes.

Na parte interna do Atomium há exposições e também um restaurante. Os ingressos custam € 15 para adultos e € 8 para estudantes, mas visitar do lado de fora e tirar fotos do exterior já é suficiente. 

Também é possível comprar bilhetes combos com outras atrações, como o Mini Europa, que fica a apenas 200 metros de distância do Atomium.

A Mini Europa conta com mais de 350 maquetes e conta com 80 cidades europeias reproduzidas em miniaturas. 

Qual o melhor Chip Internacional: Dicas Para Sua Viagem em 2022.

Gastronomia da Bélgica

A Bélgica possui as melhores batatas fritas do mundo! Sem dúvida, uma das melhores invenções da gastronomia. Além disso, um dos trapos típicos do país é o Moules frites, os mexilhões com batatas fritas, também bastante consumidos na França. 

Outro prato típico que você não pode deixar de comer na Bélgica são os Waffles. Ele possui dois formatos diferentes. O Gaufre de Bruxelles é retangular e pode ter como cobertura chantilly, chocolate, sorvete. Já a outra opção é o Gaufre de Liège, com um açúcar junto. As opções são deliciosas e você consegue provar em diversas padarias e barraquinhas espalhadas pela cidade. 

Além disso, os chocolates belgas são os melhores do mundo (junto com os suíços) e existem marcas muito famosas e chiques para provar. Na minha opinião, o Godiva é um dos melhores. 

Outro prato típico para provar na Bélgica são as salsichas. Elas podem ser porco, frango ou vitela e são deliciosas. Normalmente elas são servidas ou com batata frita ou com purê de batatas e compota de maçã. 

Roteiro de viagem: dicas para montar a seu [passo a passo].

Comprar passagem aérea para Bélgica

o que fazer em bruxelas a noite

Agora que você já sabe o que fazer em Bruxelas, comece a pesquisar as passagens aéreas para a Bélgica. Existem muitas opções de sites que comparam os preços das passagens aéreas e uma das melhores opções para pesquisar passagens aéreas para Europa é o site Passagens Promo

Nele você pode pesquisar voo de ida e volta, o tempo de cada um deles, comparar qual é o mais barato, quantas bagagens estão inclusas e quantas conexões terá que fazer para chegar no seu destino europeu.

No site Passagens Promo você pode comparar os preços e economizar muito na sua viagem internacional! Uma dica bastante importante é: comprar as passagens aéreas com tempo de antecedência para conseguir os melhores preços. 

Você deve fazer a sua compra alguns meses antes da sua viagem para conseguir as melhores tarifas. Outra dica é ter flexibilidade de datas para sua viagem para o exterior. 

Conclusão

Visitar Bruxelas é possível em poucos dias e você deve evitar os meses de janeiro e fevereiro, que são os mais frios do ano. Na Bélgica faz bastante frio e vários dias com neve, por isso, escolher a melhor época do ano para visitar Bruxelas é fundamental. 

Se você puder escolher entre maio a setembro, com certeza terá um clima melhor e mais probabilidade de dias de sol. 

Importante saber que a Bélgica está localizada em um lugar bem central da Europa, por isso, vale a pena fazer um roteiro pelo continente europeu que possa englobar mais países, como a França, Luxemburgo, Alemanha e os Países Baixos. 

Para você ter uma ideia, a cidade de Paris fica apenas 3h20 de carro ou ônibus. Já a capital dos Países Baixos, Amsterdã, fica a apenas 2h50 de carro de Bruxelas. 

Por isso, programe-se para ficar pelo menos 15 dias na Europa e conhecer vários países na mesma viagem!

E claro, viaje sempre conectado com um chip de alta velocidade da America Chip, tendo internet ilimitada o tempo todo, usando o seu WhatsApp com o mesmo número, todos seus apps, emails, GPS no celular para se localizar durante toda sua viagem para o exterior. Você já sai do Brasil com um chip de telefone para viajar conectado na Europa! A melhor forma de viajar, com internet o tempo todo!  
Aproveite para ler: 10 Melhores Atrações Turísticas de Barcelona: dicas para viajar para Europa em 2022.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.