Viagens Internacionais 2022: Países Abertos Aos Brasileiros

Quanto e a passagem para fora do Brasil

As viagens internacionais já estão sendo normalizadas em vários países e isso ocorre porque a vacinação contra o coronavírus segue avançando em todo o mundo. Dados da OMS, Organização Mundial da Saúde, mostram que mais de 40% da população mundial já tomaram a primeira dose da vacina contra o covid 19.  

Diante disso, os novos casos da doença e os óbitos permanecem em queda. Essa notícia vem sobre a forma de alívio e esperança para todos nós. As viagens internacionais já podem estar novamente em seus planos profissionais, estudantis ou nos planos de férias em família.

Confira a seguir a lista dos países que já estão recebendo brasileiros e as regras propostas por eles.

Entenda porque o Brasil foi barrado durante a pandemia

Os primeiros casos de coronavírus começaram no final de 2019 na China. Já no Brasil, o primeiro caso de coronavírus confirmado foi em 26 de fevereiro de 2020, quando um empresário brasileiro retornou da Itália (região da Lombardia) para São Paulo. 

Já a Organização Mundial da Saúde declarou o vírus como uma pandemia mundial no dia 11 de março de 2020. 

Durante quase todo o ano de 2020 o Brasil foi “persona non grata” em quase todos os países do mundo. Isso não é para menos, o Brasil obteve números de contágio e mortes alarmantes, sendo o segundo país do mundo em número de casos do coronavírus, atrás apenas dos Estados Unidos. 

Com  o avanço das vacinas e a diminuição no número de casos, essa história começa a mudar. Confira a seguir como está a liberação de entrada de brasileiros para os principais países pelo mundo.

Documentos para passaporte: veja quais você vai precisar, quanto custa e como fazer o seu, ante de viajar.

Países abertos aos brasileiros no mundo 

É hora de comemorar! Mais de 100 países já estão abertos aos brasileiros. No entanto, existem uma série de regras que precisam ser cumpridas. Já é possível planejar e realizar a tão sonhada viagem, porém antes de reservar as suas passagens confirme as informações publicadas diariamente nos sites governamentais.

Desta forma, você poderá evitar algum contratempo. Confira a seguir os países abertos e as principais regras impostas. 

Países Europeus abertos aos brasileiros 

Quais as viagens internacionais mais baratas

Se você anseia em realizar suas viagens internacionais pelo velho mundo, já pode começar a fazer as malas. Os principais países europeus já estão de braços abertos aos brasileiros.

Os países europeus que permitem a entrada de brasileiros são Alemanha, Bélgica,  Croácia,  Espanha, Finlândia,  França, Irlanda, Islândia, Portugal, Reino Unido, Suíça, Turquia e Ucrânia. Cada país possui o seu protocolo de controle ao Covid criando algumas regras que devem ser obedecidas. Entre essas regras estão:

  • Comprovante de vacinação completa há pelo menos 14 dias  com os imunizantes Pfizer, AstraZeneca, Janssen, Moderna e CoronaVac. Verificar o site do governo antes de agendar a viagem, pois alguns países não reconhecem a CoronaVac como um imunizante válido.
  • Resultado negativo  para um teste RT-PCR 96 horas antes da chegada; 
  • Contratação de um seguro de saúde com cobertura para Covid-19. 

Países nas Américas abertos aos brasileiros

Algumas viagens internacionais para países nas Américas também já podem ser realizadas sem muitas restrições. Entre esses países estão: Estados Unidos, Antígua, Bermuda, Anguilla, Argentina, Aruba, Bahamas , Barbados, Belize, Bolívia, Canadá, Colômbia, Costa Rica, Cuba, Curaçao, Equador, Guatemala, Jamaica, México, Panamá, Paraguai, Porto Rico, República Dominicana, Turks e Caicos, Uruguai e Venezuela. Entre as exigências realizadas para entradas nesses países estão: 

  • Comprovante de vacinação com os imunizantes Pfizer, AstraZeneca, Janssen, Moderna e CoronaVac. A vacinação também deve estar completa a pelo menos 14 dias antes da chegada. Alguns países também não reconhecem a CoronaVac como imunizante válido.
  • Resultado negativo  para um teste RT-PCR 72 horas antes da chegada; 
  • Contratação de um seguro de saúde com cobertura para Covid-19.
  • Alguns países exigem ainda quarenta de brasileiros que estejam vindo de países com surto da doença e taxa sanitária de US $30 como é o caso de Cuba.  

Países Africanos abertos aos brasileiros

Alguns países da África com seus encantos exóticos e selvagens já estão com os braços abertos aos brasileiros. Desde de que, é claro, obedeçamos às suas regras. Entre esses países estão África do Sul,  Egito, Marrocos, Quênia, Seychelles, Tanzânia e Tunísia. Entre as regras impostas pelos países africanos estão:

  • Formulário de saúde preenchido pelo menos 24 horas antes da chegada;  
  • Resultado negativo para um teste RT-PCR feito no máximo 72 horas antes do primeiro embarque. 
  • Comprovante da vacinação completa com os imunizantes Pfizer, AstraZeneca, Janssen, Moderna e CoronaVac.

Países Asiáticos abertos aos brasileiros

Muitos países asiáticos ainda estão com as portas fechadas para os brasileiros, como é o caso da China, porém já se vê uma luz ao fim do nutel. Entre os países asiáticos liberados para brasileiros estão: Camboja, Emirados Árabes, Jordânia, Líbano, Maldivas, Qatar e Tailândia. 

Além das exigências mais comuns como teste RT-PCR realizado no máximo 72 horas antes do primeiro embarque e vacinação completa, alguns pais ainda exigem a contratação de um seguro da FORTE com pelo menos US$ 50 mil de cobertura.  

Políticas de cancelamento e reembolso das principais companhias aéreas

Mesmo diante da evolução da vacinação em todo o mundo, as viagens internacionais ainda são instáveis. Imprevistos e fechamento de fronteira podem acontecer a qualquer momento caso os números epidemiológicos do Convid 19 voltem a crescer. 

A ANAC Agência Nacional de Aviação Civil, possui várias leis que protegem o passageiro principalmente nestes tempos instáveis de pandemia. E você precisa ficar atento a essas leis para garantir os seus direitos. 

No caso de  cancelamento de voo por parte da companhia aérea, você deve entrar em contato com a companhia responsável para obter o reembolso. Você pode escolher entre reembolso integral da passagem, reacomodado em outro voo da mesma companhia aérea ou remarcar o voo para uma nova data e horário sem nenhum custo.

Caso você deseje cancelar a sua passagem em virtude da Pandemia, o que ultimamente tem sido extremamente normal, você será obrigado a pagar uma multa de cancelamento, prevista já na compra dos bilhetes. Se você aceitar receber reembolso da passagem em forma de crédito, a multa  é retirada. A devolução do dinheiro se dá em até 12 meses, a partir da data do voo. 

Dica bônus: viagens internacionais mais baratas

Como ficam as viagens na pandemia

As coisas não estão fáceis e muitas pessoas ainda sentem o impacto da crise financeira provocada pela pandemia. Nem por isso você precisa deixar de lado o seu sonho de realizar as suas viagens internacionais. É possível encontrar lugares incríveis para conhecer sem gastar muito Confira:

  • O México é um  lugar incrível que vai muito além das praias, resorts e baladas de Cancún. A  Lagoa de Bacalar, conhecida como as Maldivas do México é um desses lugares. Visitar a cidade do México com museus, ruínas e restaurantes também fica super em conta.
  • República Dominicana: alugue um carro e conheça a ilha caribenha. No roteiro você pode visitar ainda Santo Domingo, considerada Patrimônio Cultural da Humanidade pela UNESCO e Punta Cana.
  • Egito – uma viagem exótica que muitas pessoas acham que é um absurdo de caro, mas não é bem assim. Os valores de passagens aéreas não sofreram tanto impacto e o custo de vida é bem baixo.
  • Bolívia – além de ser uma opção de viagem extremamente econômica na  América do Sul, o lugar esbanja charme sem falar em sua riqueza cultural. Existem várias cidades históricas muito bem preservadas. 

Saiba como se planejar para a volta das viagens internacionais

As restrições de viagens internacionais por conta do coronavírus têm sido atualizadas a cada 15 dias pelas autoridades de cada país.

Mas enquanto não é possível viajar tranquilamente, você pode ir pesquisando as opções de destinos para voltar a passear e a fazer viagens nos próximos meses, quando tudo voltar a normalidade. 

Lugares para viajar na América do Sul: os destinos imperdíveis bem pertinho do Brasil.

Ao escolher um destino para curtir as férias, você deve avaliar qual o seu estilo de viajante e qual o objetivo da viagem: descanso, passeios diurnos, passeios noturnos, festas, baladas, praias, serra, neve, grandes cidades, etc. 

Descobrir qual melhor viagem internacional vai depender do que você busca. Normalmente, os mais jovens gostam mais dos Estados Unidos e optam por viajar para as cidades da Califórnia, Flórida e Nevada (Las Vegas). 

Já as pessoas mais experientes amam viajar para a Europa, visitar museus, castelos, igrejas, palácios, galerias de arte, teatros e óperas. 

A Europa é um verdadeiro museu a céu aberto e a Itália é um dos países mais desejados para viajar. Cidades como Roma, Florença e Veneza são os destinos preferidos para as viagens internacionais. Além dos museus e igrejas, a comida italiana já é uma atração por si só.  

Durante o verão europeu, lugares como as ilhas gregas de Santorini e Mykonos são os mais badalados e também a Ibiza, na Espanha. Os três destinos possuem praias belíssimas e são destinos românticos e com gente jovem e bonita. 

Tour pela Europa: veja um roteiro de viagem, dicas e passeios incríveis para você se programar.

Dicas para programar suas próximas viagens internacionais

Qual o melhor lugar para fazer pacotes de viagens

Nesse momento, o ideal é comprar pacotes de viagens reembolsáveis e com possibilidade de remarcação. Até dezembro, o mundo já deve ter voltado a normalidade, portanto, você já pode começar a pesquisar suas próximas férias. 

Ao escolher um hotel para se hospedar, por exemplo, opte sempre pela opção do cancelamento gratuito. Assim você tem flexibilidade para remarcar, se for necessário. 

Os passeios turísticos do destino, você pode fazer uma lista do que visitar e fazer uma programação, mas espere para comprar alguns dias antes da viagem ou até mesmo na hora. 

Com as companhias aéreas, já há mais flexibilização para as viagens internacionais. Quando um voo for cancelado por conta da companhia, você tem direito de remarcação ou do reembolso do dinheiro (fique atento aos seus direitos). 

Para finalizar, a nossa dica é: esteja atento às notícias sobre as viagens internacionais coronavírus, quais as atualizações semanais e acesse sempre os sites oficiais dos governos para verificar como está a entrada de turistas e quais as regras solicitadas antes de embarcar. 

O que fazer em Nova York: veja dicas com os melhores roteiros e passeios na Big Apple, com atrações para todas as idades. 

Antes de preparar as malas e viajar, compre o melhor Chip Internacional do mercado que garante uma conexão de alta qualidade para mais de 200 países e receba na sua casa. Compre aqui o seu e viaje conectado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *