Atrações

O Melhor de Milão: Curiosidades, Atrações, Gastronomia, Passeios e Dicas

Milao

A viagem perfeita tem endereço certo, e sem dúvidas Milão é a melhor opção, paisagens surpreendentes e vivências maravilhosas te esperam!

Viajar para Europa é se encantar com tanta história e beleza. Milão é uma cidade da Itália e que também é a capital da sua região. Com uma de mais de 1,3 milhão de pessoas, Milão é a segunda cidade mais populosa da Itália, depois de Roma. A cidade italiana é conhecida por suas indústrias de moda, design e finanças e é uma das mais cosmopolitas da Itália. Desvende hoje o melhor de Milão e saiba o que visitar durante a sua viagem pela Itália! 

A história de Milão remonta ao Império Romano. Sua importância foi maior durante a Idade Média e o Renascimento, mas também desempenhou um papel significativo na unificação da Itália no século XIX. Agora, aproveite para conhecer tudo sobre a segunda maior cidade italiana, curiosidades, história e cultura.

Conheça a encantadora história de Milão

A história de Milão remonta à era romana, quando ela foi fundada em 222 aC. A cidade rapidamente se tornou um importante centro de comércio, mas também muito relevante para a atividade militar romana no norte da Itália. Aliás, durante o Império Romano, Milão foi a capital da parte ocidental do império e foi o lar de vários imperadores, incluindo Maximiano e Constantino, o Grande.

No século XIX, Milão desempenhou um papel significativo na unificação da Itália, que foi alcançada em 1861. A cidade se tornou um importante polo industrial e comercial do país europeu. Contudo, na Segunda Guerra Mundial, Milão sofreu danos significativos com bombardeios, mas foi reconstruída no período pós-guerra.

Foi nas décadas de 1950 e 1960 que Milão experimentou um excelente período de crescimento econômico. A cidade se modernizou e se tornou uma das principais cidades da Itália em termos de indústria, finanças e moda. Hoje, Milão é uma metrópole próspera, com muitos museus, coleções de arte e marcos arquitetônicos.

Sem contar que a cidade italiana também oferece aos seus visitantes oportunidades de conhecer novos sabores, pois a  culinária é muito interessante. Por ser a segunda maior cidade da Itália, Milão conta com uma grande variedade de restaurantes e cafés que servem a tradicional cozinha milanesa. 

Além disso, a cidade é particularmente famosa por sua cultura do aperitivo, onde os moradores se reúnem à noite para desfrutar de bebidas e lanches antes do jantar. E ao visitar Milão, é uma boa ideia se hospedar na cidade, pois pode ser uma excelente base para explorar a região circundante da Lombardia, que oferece belos lagos, cidades charmosas e belas paisagens

EuroTrip: Dicas de Como Fazer Uma Viagem Pela Europa

Saiba onde fica Milão

Milão, capital da Lombardia, fica ao norte da Itália, é a segunda cidade mais populosa, depois de Roma. É considerada um importante centro cultural, econômico e financeiro da Itália. 

A cidade italiana está bem conectada a outras partes da Itália e da Europa. Suas conexões podem ser feitas por meio do aeroporto, estações de trem e rodovias. Pode-se ressaltar Milão como um importante centro de negócios internacionais, com muitas corporações multinacionais tendo suas sedes ou escritórios localizados lá.

Clima e melhor época para visitar Milão

O clima de Milão é subtropical úmido, com verões quentes e úmidos e invernos frios e chuvosos. A melhor época para visitar Milão é geralmente na primavera (entre abril a junho) ou outono (entre setembro e novembro), quando o clima é ameno e mais confortável.

Na primavera, a cidade italiana ganha vida com flores e temperaturas mais quentes. Desse modo, é um ótimo momento para explorar as muitas atrações ao ar livre e parques. O outono também é uma ótima época para visitar Milão, pois o clima é fresco, e a queda das folhas das árvores torna o cenário ainda mais interessante.

O verão (julho-agosto) é geralmente bastante quente e as temperaturas ficam acima dos 30°C. Sendo assim, o calor pode ser desconfortável para alguns visitantes. No entanto, é também quando muitos dos festivais e eventos da cidade acontecem, como o Milano Summer Festival e o Milano Latin Festival.

America Chip: conexão 5G em Milão

America Chip conexãi 4G em Milão

É essencial ter acesso a internet durante viagens, principalmente internacionais, não é mesmo? Se comunicar com familiares e amigos, usar redes sociais, postar e compartilhar fotos dos pontos turísticos, fazer pesquisas e utilizar aplicativos são ações fundamentais atualmente. 

Para ter uma internet de qualidade, 5G e ilimitada, você precisa de um chip Internacional. A America Chip tem as melhores condições do mercado para a sua aventura em Milão. O Chip Internacional Europa funciona perfeitamente na cidade italiana e deixará a sua vivência mais cômoda! 

Saiba qual é a moeda e o idioma de Milão

Saber a moeda e o idioma do lugar que você está visitando é fundamental para o seu dia-a-dia como viajante. Esses dois aspectos te acompanharão a cada segundo da viagem, e você não terá a melhor experiência possível se não entendê-los bem. 

A moeda oficial de Milão, assim como de toda a Itália, é o euro,unidade monetária utilizada em quase todos os países da União Europeia. Já o idioma oficial da capital mundial da moda é o italiano, e é interessante que você saiba o básico dessa língua para ter uma boa comunicação local!

Saiba qual é a documentação necessária para visitar Milão

Para conhecer a fabulosa cidade de Milão, você precisa estar com os documentos obrigatórios em mãos. Sem eles, a sua viagem será interrompida antes mesmo de começar, e você não quer passar por isso, né? 

Mas, se não sabe quais documentos são fundamentais para a sua ida a Milão, fique tranquilo, pois descobrirá agora! Confira a documentação necessária para visitar Milão:

  • Passaporte válido;
  • Seguro viagem;
  • Comprovante de hospedagem (pode ser solicitado);
  • Passagem de volta para o Brasil ou de saída do Espaço Schengen (pode ser solicitada);
  • Comprovante financeiro (pode ser solicitado). 

Curiosidades e Cultura de Milão

A riqueza da história e cultura de Milão chamam a atenção. Conhecida como a capital da moda da Itália, por lá atuam muitos estilistas de renome mundial, como Giorgio Armani, Versace e Prada. A cidade também é famosa por sua ópera, e o Teatro alla Scala que é uma das casas de ópera mais importantes do mundo.

Em Milão também estão marcos históricos como a famosa Catedral (Duomo di Milano), que é a maior igreja da Itália e levou mais de 600 anos para ser concluída. A Última Ceia, uma das pinturas mais famosas do mundo de Leonardo da Vinci, está localizada em Milão, na Igreja de Santa Maria delle Grazie.

A cidade italiana também é famosa pela gastronomia, destacando o risotto alla milanese, feito com açafrão, e o panetone, tradicional bolo natalino. Em Milão também estão dois grandes clubes de futebol, AC Milan e Inter de Milão, ambos com uma longa e histórica caminhada no futebol italiano.

Tour pela Europa: Custos, Dicas e 20 Roteiros Incríveis

Saiba como planejar uma viagem para Milão

Planeje uma viagem para Milão de uma forma mais prática e  rápida com essas dicas. Confira! 

Escolha a melhor temporada

A temporada é um fator muito importante para a sua viagem a Milão. Ela tem o poder de influenciar nos preços, na disponibilidade de hotéis e pontos turísticos e nas atividades que poderão ser realizadas ao longo da sua aventura. 

A alta temporada é aquela em que o clima é o mais favorável possível, permitindo a realização dos melhores passeios e uma melhor experiência no geral. Porém, justamente por isso, essa é a época que atrai a maioria dos turistas, então, os preços ficam elevados e a cidade tende a ficar superlotada. 

Já a baixa temporada apresenta mais instabilidades temporais, mas, sabendo escolher bem as datas da viagem, isso não é um empecilho. O ponto positivo é que os valores ficam menores e as ruas acabam tendo menos gente. 

Então, escolha a temporada que melhor atende aos seus critérios!

Estipule um orçamento

Se você já gastou mais do que devia em uma viagem, sabe o quão desesperador isso pode ser. A falta de controle financeiro é um grande problema, principalmente quando se trata de aventuras internacionais. Isso porque você precisa ter dinheiro suficiente para se manter no destino enquanto viaja e passeia por ele. 

Dessa forma, se durante os primeiros dias de viagem você fizer gastos exacerbados, provavelmente terá problemas no final da jornada em Milão. Por esse motivo, estipule um orçamento total e divida-o de acordo com a quantidade de dias que ficará na cidade. Com isso, você terá uma média  do quanto pode gastar diariamente, evitando perrengues.

Compre as passagens

As passagens aéreas são um aspecto fundamental para a sua viagem a Milão. Sem elas, seu sonho italiano não chega nem a se tornar realidade, não é mesmo? Então, você não pode deixar de priorizar a compra dos bilhetes aéreos. 

Inicie sua busca por opções de passagens com antecedência e reserve-as assim que encontrar bons preços! 

Reserve o hotel

O hotel é um ponto importante para se ter uma viagem tranquila. Ter um bom ambiente para guardar os seus pertences e para dormir é essencial, já que você poderá descansar ao máximo durante a noite e aproveitar a rotina de passeios diários. 

Então, para ter um hotel de qualidade na sua viagem, reserve o seu quarto com bastante antecedência.

Faça um seguro viagem

Ter um seguro viagem é obrigatório em solo italiano, já que o país faz parte do Espaço Schengen. Mesmo se não fosse exigido na Itália, contratar o serviço de um seguro viagem seria muito recomendado. Ele garante que você terá assistência médica e aeroportuária, cobrindo as despesas hospitalares e outras demais que possam surgir. 

Desse modo, você deve pesquisar as opções de seguro viagem disponíveis no mercado e analisar qual será o melhor para a sua jornada internacional e a deixará mais segura e tranquila. 

Monte o roteiro de passeios

Você é um daqueles viajantes que ficam ansiosos para conhecer todos os pontos turísticos do destino escolhido? Se sim, sabe como a visita às atrações do local faz toda a diferença na experiência final. 

Milão tem várias localidades que despertam o interesse dos turistas. A cidade é maravilhosa, com uma arquitetura fenomenal e belas paisagens. Então, é importante que você monte um bom roteiro de passeios, para separar as atrações que serão visitadas em cada dia da viagem! 

Cidadania Italiana: Como Funciona e Quem Tem Direito [Guia]

O que fazer em um dia em Milão: as melhores dicas   

Vai a Milão, mas só tem um dia para aproveitar a cidade? Isso definitivamente não será um problema! Essa localidade possui diversos atrativos, e você pode curtir muitos deles em um único dia. 

Confira as melhores dicas e monte o seu próprio roteiro:

  • Palácio Real;
  • Catedral de Milão (Duomo);
  • Galeria Vittorio Emanuele II;
  • Parque Sempione;
  • Castelo Sforzesco;
  • Quadrilátero da Moda (Via Montenapoleone);
  • A Última Ceia – Leonardo Da Vinci.

Conheça os principais eventos culturais de Milão

Milão é conhecida como a capital da moda, o centro do design e o polo dos estilos. A cidade é responsável por criar tendências e atrair visitantes à Itália. Com o lado artístico e cultural tão pulsante, é claro que Milão possui eventos fantásticos. 

Conheça, então, os principais eventos culturais de Milão:

  • Semana de Moda de Milão; 
  • Carnevale Ambrosiano di Milano;
  • Semana de Design de Milão;
  • Festival de Jazz de Milão;
  • Grande Prêmio da Itália de Fórmula 1;
  • Festival del Naviglio;
  • Milan Food Week;
  • Festival Latino de Milão;
  • Arianteo;
  • Festival Villa Arconati.

Roma: História, Curiosidades,Vida Noturna e Dicas de Turismo

Conheça os 20 melhores pontos turísticos de Milão

milao fica na italia

Caso você esteja se organizando para conhecer a cidade de Milão na Itália, confira os 09 melhores pontos turísticos:

01- Catedral de Milão

A Catedral de Milão, também conhecida como Duomo di Milano em italiano, é uma catedral que ficou famosa em todo o mundo. Ela é uma das maiores catedrais góticas do mundo e considerada como um símbolo da história e da cultura de Milão. A construção da igreja iniciou em 1386 e levou quase 600 anos para ser concluída.

Seu exterior é diferenciado e existem estátuas e decorações em estilo gótico. Já o seu interior é impressionante e sua nave elevada chama a atenção, assim como os vitrais e as belas obras de arte. A catedral também abriga inúmeras capelas, criptas e altares, cada um com seu próprio design e história.

02- Castello Sforzesco

O Castello Sforzesco, também conhecido como Castelo Sforza, é uma fortaleza histórica localizada em Milão. A obra foi edificada no século XV por Francesco Sforza, duque de Milão, e posteriormente reformado e ampliado por seus descendentes. Hoje, é um dos marcos culturais e históricos mais importantes de Milão.

Sua arquitetura tem diferentes estilos, com elementos de design gótico, renascentista e barroco. Nele estão diversos museus e coleções de arte e o castelo se tornou um destino bem popular para turistas e moradores. Os museus do castelo contam com uma ampla gama de tópicos, incluindo arte, história e ciência.

03- Galeria Vittorio Emanuele

A Galleria Vittorio Emanuele II é muito famosa e fica no centro de Milão. É considerada como um dos shoppings mais antigos e bonitos do mundo. Sua arcada foi construída no século XIX e recebeu o nome de Vittorio Emanuele II, o primeiro rei da Itália. 

A Galleria é um edifício de quatro andares com teto abobadado de vidro que cobre o pátio central. O design da Galleria é caracterizado por seus belos mosaicos, esculturas e afrescos, que adornam as paredes, chão e tetos. A Galleria é o lar de algumas das marcas de luxo mais famosas do mundo, incluindo Prada, Gucci e Louis Vuitton.

Tudo sobre Mônaco: Turismo, Hospedagens

04- Teatro alla Scala

O Teatro alla Scala, também conhecido como La Scala, é uma casa de ópera reconhecida mundialmente e que fica em Milão. Inaugurado em 1778, o teatro se tornou uma das casas de ópera mais famosas e prestigiadas do mundo e já recebeu alguns dos mais famosos compositores, maestros e cantores da história.

Por lá se apresentaram Giuseppe Verdi, Arturo Toscanini, Maria Callas e Luciano Pavarotti. A casa de ópera é conhecida por sua excelente acústica, que foi aperfeiçoada ao longo de séculos de apresentações. Sem contar que seu interior é uma obra-prima do design neoclássico, com sua decoração ornamentada, detalhes em folha de ouro e lustres de cristal.

05- A última ceia

A Última Ceia é uma famosa pintura mural do artista italiano Leonardo da Vinci. A obra fica no refeitório da igreja Santa Maria delle Grazie e é amplamente considerada uma das maiores obras-primas da arte ocidental. A pintura retrata a última ceia de Jesus com seus discípulos, pouco antes de sua crucificação.

Por conta do seu significado histórico e artístico, A Última Ceia é uma atração popular para os turistas que visitam Milão. Contudo, os interessados em ver a obra devem reservar com antecedência, pois apenas um número limitado de pessoas é permitido no refeitório por vez. É uma atração imperdível para qualquer pessoa interessada em arte e história.

06- Pinacoteca Ambrosiana

A Pinacoteca Ambrosiana é uma galeria de arte e é uma das instituições de arte pública mais antigas da Europa. Nela fica uma coleção de pinturas, desenhos e esculturas de alguns dos artistas mais renomados da história. Sua coleção inclui obras de mestres italianos como Leonardo da Vinci, Caravaggio, Ticiano e Rafael.

Aproveite para ler também: O que fazer em Paris: Os 21 melhores pontos turísticos.

07- Quadrilátero da moda

A Praça da Moda em Milão é um apelido dado à área que engloba as ruas Via Montenapoleone, Via della Spiga, Via Sant’Andrea e Via Manzoni no centro histórico da cidade. É considerada o coração do distrito da moda de Milão, pois abriga algumas das mais prestigiadas e luxuosas butiques de moda e showrooms de designers do mundo.

A Fashion Square é conhecida por sua atmosfera elegante e sofisticada, com ruas largas e arborizadas. Por lá você encontra cafés e restaurantes sofisticados, mas também luxuosas vitrines exibindo as últimas coleções de moda de grandes estilistas como Armani, Prada, Versace, Dolce & Gabbana e muitos outros.

08- Brera

O bairro de Brera é histórico. Ele se localiza no centro da cidade, ao norte do Duomo e do Castelo Sforza. É conhecida por sua atmosfera charmosa e boêmia, suas ruas estreitas e sinuosas e seu rico patrimônio cultural e artístico. No coração do bairro de Brera está a Piazza del Carmine, que é cercada por edifícios históricos e abriga a bela Igreja Carmine do século XIV.

Descubra o Que Fazer em Amsterdam

09- Navigli

Outro bairro histórico de Milão é Navigli. Ele é conhecido por seus charmosos canais, que já foram as principais vias de transporte de mercadorias e pessoas da cidade. Hoje, a área de Navigli é um destino popular para moradores e turistas, graças à sua atmosfera animada, arquitetura histórica e bares e restaurantes da moda.

10- Museu Nacional da Ciência e Tecnologia Leonardo da Vinci

Com cerca de 14 mil peças e 16 áreas de exposição, o Museu Nacional da Ciência e Tecnologia Leonardo da Vinci é um ponto turístico muito interessante e repleto de informações bacanas. 

Ele é todo voltado para curiosidades de ciência e tecnologia, temas extremamente valiosos para o mundo atual. Há várias exposições que são interativas, como os laboratórios, onde você poderá participar dos experimentos que estão sendo realizados. Com certeza, esse museu vai agregar bastante conhecimento e diversão à sua viagem a Milão. 

11- Basílica de Santo Ambrósio e a Coluna do Diabo 

A Itália é muito conhecida pelas suas exuberantes e numerosas igrejas. Entre elas, a Basílica de Santo Ambrósio se destaca, já que é uma das mais antigas e foi construída pela pessoa que a nomeia. É isso mesmo, a Basílica foi construída por Santo Ambrósio, que é o padroeiro de Milão. 

A Coluna do Diabo é uma coluna romana que fica do lado de fora da Basílica e possui dois furos. De acordo com as lendas, esses furos teriam sido feitos por uma chifrada do diabo. É um monumento que carrega uma história atrativa e que torna a Basílica de Santo Ambrósio ainda mais legal. 

12- Parque Sempione 

Situado ao lado do Castelo Sforzesco, o Parque Sempione é um lugar muito prazeroso para um passeio ao ar livre. Ele foi inspirado no modelo dos jardins ingleses e possui um ambiente agradável, repleto de árvores e construções. 

Entre as principais construções, há um aquário com mais de 100 espécies, um anfiteatro e um lago artificial que abriga alguns patos. Essa localidade é perfeita para descansar e relaxar, esquecendo dos afazeres e das responsabilidades e focando apenas na observação da natureza e dos pontos turísticos do parque! 

13- Piazza del Duomo e Duomo di Milano

A Piazza del Duomo é uma praça que, traduzindo, se chama Praça da Catedral. Assim como o próprio nome diz, essa praça abriga uma catedral, que é a  tão famosa Catedral de Milão. A praça sempre fica cheia de turistas e possui diversos cafés, lojas e restaurantes em seu entorno.

Já a Duomo di Milano é uma catedral belíssima. Sua magnitude e riqueza de detalhes impressiona a todos que a visitam. A sua arquitetura gótica, juntamente com os seus detalhes internos, como vitrais e pilares, merece ser admirada, pois é fenomenal. 

14- Palácio Real de Milão

O Palácio Real de Milão foi construído com o objetivo inicial de ser a sede administrativa de Milão e a residência da realeza da cidade. Atualmente, em um estilo neoclássico, o Palácio funciona como um centro cultural, contando com exposições de obras de arte. 

Vale a pena visitá-lo, admirar suas peças e ter contato direto com um pouco de história e cultura italiana! 

 15- Chinatown de Milão

milão, o que fazer

Milão é a cidade italiana com o maior número de imigrantes chineses. Por isso, ela possui um bairro dedicado especialmente a essa parte da população, o famoso Chinatown. Nessa localidade tão singular, você encontrará estabelecimentos de todos os tipos: restaurantes, lojas, bares, supermercados, farmácias e muito mais! 

Sem dúvidas, sua viagem a Milão ficará bem mais interessante se você tirar um momento para conhecer a Chinatown, descobrir informações da cultura chinesa e se aventurar pelo comércio de lá. 

16 – Pinacoteca de Brera

A Pinacoteca de Brera é o museu mais importante de Milão e, certamente, um dos principais de toda a Itália. Esse ponto turístico é o lar de várias obras de arte e de muita história. 

Uma curiosidade bem interessante sobre a Pinacoteca de Brera é que ela teve grande influência de Napoleão Bonaparte e, consequentemente, da Revolução Francesa na sua construção. Durante a invasão à Itália, esse personagem histórico fechou as ordens religiosas do país e ordenou que as obras presentes nelas fossem levadas para esse estabelecimento. 

Então, diversos trabalhos artísticos disponíveis no museu atualmente chegaram até ele por esse contexto histórico, o que o torna ainda mais interessante. Sem dúvidas, um passeio na Pinacoteca deixará sua viagem ainda melhor!

17 – Santa Maria delle Grazie

Santa María delle Grazie é uma das igrejas mais visitadas em Milão e de toda a Itália.  Para mensurar tamanha importância, ela está na lista de Patrimônios Mundiais da UNESCO.

Mas, o que a torna tão especial? Simples, a igreja (que também é um convento) abriga a já citada obra “A Última Santa Ceia”, de Leonardo da Vinci, que é uma pintura conhecida mundialmente! Essa obra de arte foi pintada em uma das paredes do convento e atrai uma quantidade exorbitante de visitantes. 

Se você gosta de atrações históricas e artísticas, essa é mais uma fantástica opção para você. 

18 – Cimitero Monumentale di Milano

Apesar de parecer um ponto turístico estranho à primeira vista, o Cimitero Monumentale di Milano é um cemitério que atrai visitantes. Isso é explicado porque ele não é como os cemitérios tradicionais,pois possui obras de artistas prestigiados e construções que chamam atenção. 

Nesse local, é possível observar esculturas, capelas, estátuas e sepulturas bem interessantes. Por isso, se você se sentir confortável, inclua esse passeio ao seu roteiro e se impressione! 

19 – Estádio Giuseppe Meazza

Tendo sido o maior estádio de futebol do mundo por alguns anos, o Giuseppe Meazza (que também é chamado de San Siro) é majestoso e moderno. Esse estádio é palco de jogos de grandes times italianos, o Internazionale (Inter de Milão) e o Milan. 

Para os fascinados por futebol, um tour pelo Estádio Giuseppe Meazza é indispensável. Além de conhecer um importante estádio, nesse passeio você também pode descobrir mais informações sobre os times que jogam por lá e explorar todos os itens do museu San Siro.

20 – San Maurizio al Monastero Maggiore 

httpselquarto.comblogmilao

San Maurizio al Monastero Maggiore é uma belíssima igreja de Milão. Sua arquitetura externa não mostra toda a beleza que há em seu interior, mas, como o ditado popular diz, não julgue o livro pela capa.

O ambiente interior de San Maurizio al Monastero Maggiore é repleto de cores, ouro e decorações. Em cada canto que você olhar, certamente terão diversos detalhes a serem analisados. 

Tire um tempo da sua viagem para admirar tamanha obra artística/arquitetônica e observar cada mural e pintura presente nessa igreja.

Dicas para economizar em Milão

Milão é uma cidade que não foge do padrão europeu quando o assunto é o custo da viagem. Mas, assim como em qualquer lugar do mundo, é possível economizar nessa localidade italiana. 

A principal dica para isso é com relação às passagens aéreas. Elas são o aspecto que mais influenciam no custo total, já que costumam ter preços exorbitantes. Para contornar essa situação, comece a procurar bilhetes aéreos com antecedência e busque por promoções e descontos. Além disso, tente priorizar voos low cost, por terem valores abaixo dos convencionais. 

Ao chegar em Milão, pesquise restaurantes frequentados pelos moradores locais, pois eles tendem a ser mais baratos e continuam tendo qualidade. Também tenha cuidado e foco nas compras, pois a empolgação pode fazer com que você gaste mais do que deveria/poderia. 

Conheça os melhores restaurantes Milão

É impossível falar sobre uma cidade italiana sem mencionar a culinária local, né? A gastronomia da Itália é apreciada mundialmente, sendo, inclusive, considerada uma das melhores. Então, você não terá problemas para encontrar boas refeições em Milão. 

Veja alguns dos melhores restaurantes da cidade, para facilitar a sua escolha no momento da viagem:

  • II Carminio;
  • Pasta D’Autore; 
  • II Panino Del Laghetto; 
  • Galleria Restaurant;
  • Paper Moon Giardino;
  • El Porteño Gourmet; 
  • Nerino Dieci Trattoria;
  • Ristorante Coraje;
  • Al Politico;
  • Sadler Restaurant.

Pratos típicos e valores

Como a Itália é uma referência culinária, é claro que há muitos pratos típicos em Milão. Entre os mais famosos, estão o Carpaccio, o Arancini, o Tiramisú, a Salada Caprese e o Gnocchi. Também há algumas bebidas tradicionais por lá, como Campari, licores e cafés. 

Os valores das refeições não costumam fugir da média dos restaurantes encontrados em cidades turísticas. Essa questão varia bastante conforme as escolhas de cada pessoa. Um prato principal, por exemplo, pode custar de 40 até mais de 80 euros. Por isso, você precisa analisar os cardápios e as avaliações de cada estabelecimento, para encontrar aqueles que estão dentro do seu orçamento.

Tenha cuidado quando for pedir bebidas nos restaurantes de Milão. Geralmente, elas têm preços absurdos, que podem, até mesmo, ultrapassar os cobrados pelos pratos. Então, esteja sempre atento para não ter surpresas desagradáveis quando for pagar a conta.

Saiba como se locomover em Milão

time inter de milão

Para conhecer pontos turísticos, comer em restaurantes e turistar pelas ruas de Milão, é necessário saber se locomover por lá. Por isso, se informar sobre os meios de transporte e as melhores opções de deslocamento na cidade é bastante importante. 

Como Milão não é muito grande, uma dica é aproveitar essa característica para realizar locomoções e passeios a pé. Assim, além de economizar, você consegue desfrutar de paisagens incríveis pelo caminho, observar de perto o movimento da cidade e, até, encontrar atrações que não estavam no roteiro. 

Tipos de transporte

Em Milão, há vários tipos de transporte disponíveis para os turistas. Em relação às alternativas públicas, você pode optar por ônibus, bonde ou metrô. Todos eles funcionam muito bem e oferecem alta qualidade aos usuários. 

Se prefere possibilidades mais práticas e confortáveis, também dá para alugar carros ou utilizar táxis e aplicativos de transporte. Essa opção é ótima para viagens em família e com crianças. 

Dicas de hospedagens em Milão

Ter uma má noite de sono durante as viagens pode estragar os passeios e a rotina do dia seguinte. Já pensou como seria péssimo perder o horário de uma atração ou estar cansado demais para curtir as experiências em Milão? Pois é, não seria nada agradável! 

Para que isso não aconteça com você, procure estabelecimentos que garantam todas as comodidades essenciais para boas noites de sono. Se ainda não encontrou lugares que atendam às suas necessidades, confira dicas de hospedagens em Milão:

  • B&B Hotel Milano Central Station;
  • Grand Visconti Palace Hotel;
  • DoubleTree by Hilton Milan;
  • NH Collection Milano Touring;
  • B&B Hotel Milano Sant’Ambrogio; 
  • Atlantic Hotel Milano;
  • Heart Hotel Milano;
  • Palazzo delle Stelline;
  • Belstay Milano Assago;
  • Duomo Hotel & Apartments. 

Os melhores lugares para fazer compras em Milão

Assim como a maioria dos destinos turísticos, Milão é um local bastante utilizado para compras. Alguns lugares se destacam nesse quesito, veja os melhores: 

  • Via Montenapoleone;
  • Via Manzoni;
  • Via Brera;
  • Via della Spiga;
  • Bairro Navigli;
  • Corso Venezia;
  • Corso Buenos Aires.

Conheça os melhores restaurantes de Milão

A culinária italiana está entre as melhores do mundo, e você não pode deixar de incluir passeios gastronômicos em seu roteiro de Milão. Sem sombra de dúvidas, você terá experiências esplêndidas e repletas de sabor. 

Mas, para que sua vivência gastronômica seja ainda melhor, você precisa saber bons lugares para comer. Descubra, portanto, alguns dos melhores restaurantes de Milão e selecione quais devem estar em seu roteiro:

  • Nerino Dieci Trattoria;
  • Pasta d’Autore;
  • Panificio Luini;
  • Sadler Restaurant; 
  • Un’Altra Pasta;
  • Piz;
  • Nàpiz’ Milano;
  • Pasto – Laboratorio di pasta con cucina; 
  • Marea Seafood & Beverage;
  • Pomet Food – Consolato Calabrese.

Custo de vida em Milão

região metropolitana de milão

Milão é uma das cidades mais caras da Itália, mas claro que o custo de vida pode variar muito dependendo do seu estilo de vida. No entanto, o custo de vida em Milão é superior à média nacional, mas ainda é inferior ao de outras grandes cidades europeias, como Londres ou Paris.

De ressaltar que os gastos com aluguel e moradia será a sua a maior despesa em Milão, e os preços podem variar dependendo da localização e tamanho do apartamento. 

Os custos de transporte também são relativamente altos em Milão, já os preços dos alimentos em Milão são semelhantes aos de outras grandes cidades italianas.

Outras despesas, como entretenimento e saúde, também são relativamente mais caras em Milão. No entanto, a cidade italiana oferece uma ampla gama de atividades culturais, museus e festivais que muitas vezes são gratuitos ou com valores acessíveis. No geral, o custo de vida em Milão é alto, mas é possível viver com menos se você economizar.

Saiba como Milão é conhecida

Além de ser reconhecida como um gigante econômico e comercial na Itália, Milão também é chamada de “Capital da Moda” — e isso se deve à sua influência global no design, na moda e no luxo, já que a cidade sedia a Semana de Moda de Milão e outros eventos importantíssimos do ramo.

Mas não é só isso; Milão também é conhecida por sua rica história artística, já que é lar de grandes obras-primas — entre elas, “A Última Ceia”, de Leonardo da Vinci. E não podemos nos esquecer dos monumentos históricos da cidade, que narram séculos de história na Europa.

Após a Segunda Guerra Mundial, Milão começou a deixar sua marca na indústria têxtil, destacando-se pela qualidade e preços competitivos de seus produtos. Enquanto a França viu o surgimento de seus grandes estilistas nos anos XX, a Itália seguiu um caminho parecido — e isso resultou na criação da Camera Nazionale della Moda em 1958. 

Por que Milão é a capital da moda?

Além da Semana de Moda de Milão, quando a cidade se torna o centro das atenções para estilistas, modelos, jornalistas e fãs da indústria da moda, há alguns motivos que fazem com que a cidade seja a Capital da Moda. Mas, quais seriam eles?

Em Milão, nasceram algumas das marcas de moda e design mais prestigiadas e influentes do mundo —  entre elas: Prada, Armani, Versace e Dolce & Gabbana, que, além de influenciarem as tendências da moda global, também contribuem (e muito) para a economia italiana.

A cidade ainda conta com o famoso Quadrilátero della Moda entre seus pontos turísticos, uma área comercial cheia de butiques, antiquários, museus, cafés e mansões no Centro Histórico de Milão. 

Milão, assim como Paris, tornou-se um polo importantíssimo de educação em moda, e, hoje, abriga instituições de prestígio na área, como o Instituto Marangoni e a Domus Academy.

Por todas essas razões, Milão é considerada a Capital da Moda, mantendo seu status como um dos centros mais importantes do mundo para a indústria da moda e do luxo. Lá, as tendências são definidas, e a moda é considerada uma forma de arte e expressão. 

Conheça alguns pratos típicos de Milão

A gastronomia milanesa é tão rica quanto sua história. Entre os pratos típicos que você não pode deixar de experimentar, estão:

Risotto alla Milanese: Um prato simples, mas cheio de sabor, feito com arroz arbóreo, açafrão, caldo de carne e queijo parmesão. Sem erro!

Cotoletta alla Milanese: Essa costeleta de vitela empanada e frita é um clássico da culinária local — e lembra o famoso schnitzel austríaco!

Ossobuco: Esse prato é, nada mais nada menos do que uma carne com molho de tomate acompanhada, tradicionalmente, de risotto alla milanese. 

Uma curiosidade: ossobuco significa, literalmente, osso (com) um buraco.

Panetone: O Panetone milanês é sinônimo de tradição, e, em sua receita original, leva frutas cítricas cristalizadas e passas.

Leia também: Cidadania Italiana: Como Funciona, Tipos de Vistos e Dicas para Adquirir

Se planeje financeiramente: Quanto custa uma viagem para Milão?

O custo de uma viagem para Milão pode variar. Mas, por quê? É simples. Tudo depende do estilo da viagem, da hospedagem escolhida e, claro, do roteiro final. 

Perguntas como “o que eu mais gosto de fazer durante uma viagem?”, “como é a minha alimentação quando estou viajando”, “em que estação do ano eu gosto de viajar?” devem ser respondidas mesmo que mentalmente durante o planejamento da viagem — itinerário e financeiro!

Para uma viagem confortável (e sem extravagâncias), estime um orçamento diário que inclui hospedagem, refeições, transporte local e entradas para pontos turísticos, podendo variar entre € 150 e € 250 por pessoa (por dia).

Lembre-se: esse valor pode aumentar (e muito) se você estiver com uma experiência de viagem mais cara em mente ou até mesmo pensando em conhecer restaurantes de alta gastronomia durante a sua estadia em Milão.

O que conhecer nos arredores de Milão

Aqui estão alguns lugares imperdíveis nos arredores de Milão — e, acredite: pelo menos um deles precisa estar em seu roteiro de viagem!

Lago de Como

o que fazer em milão

O Lago de Como, no norte da Itália, é conhecido por ter o formato de um “Y” invertido.

Este ponto turístico ganhou ainda mais fama internacional após ser escolhido como uma das locações para o filme “Star Wars: Episódio II — Ataque dos Clones” (2002). 

Neste filme, o lago serviu como cenário para o planeta Naboo, particularmente para as cenas românticas entre Anakin Skywalker (interpretado por Hayden Christensen) e Padmé Amidala (interpretada por Natalie Portman).

A Villa del Balbianello foi transformada no refúgio de Naboo (onde Anakin e Padmé se refugiam e, eventualmente, se casam em segredo).

Bergamo

Bergamo fica na região da Lombardia, sendo conhecida por sua estrutura, que divide a cidade em duas partes diferentes: a Città Alta (cidade alta), sendo a parte histórica cercada por muralhas, e a Città Bassa (cidade baixa): a parte moderna.

Bergamo é conhecida por seus queijos — como o Taleggio e o Strachitunt, por exemplo — e pratos tradicionais, como a polenta, o casoncelli e o stinco di maiale.

Florença

Florença, a capital da região da Toscana, é uma das cidades mais importantes e admiradas da Itália. Considerada o berço do Renascimento italiano, não poderia ser diferente. 

Florença foi fundada no período romano, mas foi do século XIV ao XVI que a cidade viveu um período inesquecível — graças ao patrocínio da família Médici, que atraiu alguns dos maiores gênios da humanidade, como Leonardo da Vinci, Michelangelo e Botticelli até Florença.

Uma viagem às regiões vinícolas do Chianti, Montalcino ou Montepulciano é a oportunidade perfeita para degustar alguns dos melhores vinhos do mundo.

Verona

Verona é riquíssima em história, cultura e romance, famosa na Itália (e ao redor do mundo inteiro) como o cenário da trágica história de amor de “Romeu e Julieta”, de Shakespeare.

Milhares de turistas visitam a cidade todos os anos para conhecer a famosa varanda de Julieta — apesar de a história ser 100% fictícia e a varanda ter sido construída apenas no século XX com apenas um objetivo: o de atrair turistas.

Na região do Vêneto, no norte da Itália, o centro histórico de Verona foi considerado Patrimônio Mundial pela UNESCO — graças à sua arquitetura urbana e militar. 

Verona é o exemplo perfeito de uma cidade que se desenvolveu progressiva e ininterruptamente por dois mil anos, incorporando elementos artísticos de altíssima qualidade (e de diferentes épocas).

Conclusão

Visitar Milão definitivamente vale a pena. Por ser uma das maiores e mais vibrantes cidades da Itália, Milão oferece uma riqueza de atrações culturais, históricas e artísticas. Visitar os principais pontos turísticos é uma excelente oportunidade, assim como apreciar a cena de moda e design e suas inúmeras lojas sofisticadas e showrooms de designers..

No geral, Milão é uma cidade dinâmica e empolgante com algo a oferecer a todos, desde amantes da história e da arte até fashionistas e gourmets. Se você está planejando uma viagem para a Itália, não deixe de incluir Milão no seu roteiro de viagem!

Antes de viajar para Europa, não esqueça de comprar seu chip internacional e viajar conectado com a América Chip. Conheça os planos

Comentários:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pesquisar

Catedral de Notre Dame: História, Curiosidades, Custo da Reforma e Passeios Próximos

Vai Viajar? Simule seu plano de internet

arrow-dropdown.png
arrow-dropdown.png
arrow-dropdown.png
arrow-dropdown.png

Festival das Lanternas: O que é, Curiosidades, Onde Acontece e Programações

Museu do Louvre: História, Curiosidades, Planejamento de Visitação e Dicas

Leia mais

O 6G promete causar uma grande mudança no universo tecnológico e na indústria de telecomunicações que conhecemos hoje. Com velocidades ultra rápidas, comunicação por terahertz e uma ligação com a(...)

Leia mais

Descubra como o iSIM, a evolução do eSIM, está revolucionando o universo da tecnologia que, por sua vez, está em constante movimento também. Conheça o iSIM, a evolução do eSIM, o chip do futuro, (...)

Leia mais

A viagem perfeita tem endereço certo, e sem dúvidas Milão é a melhor opção, paisagens surpreendentes e vivências maravilhosas te esperam! Viajar para Europa é se encantar com tanta história e bel(...)

Leia mais

Fort Lauderdale é uma das belíssimas cidades praianas da Flórida, um dos principais estados dos Estados Unidos da América.  Os EUA possuem diversos destinos extremamente interessantes para o(...)

Leia mais

A cidade do Porto é ideal para você que deseja iniciar o seu mergulho cultural pela Europa, uma experiência única! Trata-se da segunda cidade mais visitada de Portugal e também não é para menos, (...)

Leia mais

Países da Europa Ocidental e Oriental: conheça um pouco sobre o velho mundo e planeje sua viagem. O Ocidente Europeu está repleto de belas paisagens, grandes metrópoles, aromas e sabores. A proxi(...)

Leia mais

Mónaco é um pequeno país europeu, e super bem localizado no Mar Mediterrâneo e oferece o  melhor de uma viagem internacional. Você já imaginou conhecer as maravilhas de um dos menores países(...)

Leia mais

Matosinhos é uma cidade metropolitana com boa qualidade de vida, praias, museus, construções históricas e um dos maiores aquários de Portugal. Quando pensamos em viajar para Portugal, logo vêm à (...)

Leia mais
Clique aqui e tire suas dúvidas 24h