Europa

Se Encante por Toscana: Cultura, História e os Melhores Pontos Turísticos

Toscana

A Toscana é uma das regiões mais belas e famosas da Itália e uma parada obrigatória para quem fazer um roteiro de viagem pela Itália.

Com paisagens surpreendentes, a região tem uma história impressionante e conta também com uma importante influência artística e cultural. Sendo assim, a região é um destino muito popular para turistas que viajam para Itália! Saiba tudo sobre essa cidade italiana e programe suas férias na Europa.

Conheça a história e a cultura da Toscana

A história da Toscana impactou sua cultura de maneira profunda. Esta região da Itália é conhecida mundialmente por sua arte, arquitetura, culinária, vinhos e belas paisagens. Entretanto, quando pesquisamos sobre a história da Toscana, é relevante saber que ela foi inicialmente habitada pelos Etruscos, uma civilização avançada conhecida por sua arte, arquitetura e cultura.

Aliás, foram eles que deixaram um legado impressionante, incluindo muitos túmulos e artefatos. Os romanos conquistaram a região por volta do século III aC. Muitas cidades da Toscana, como Florença, Pisa e Lucca, foram estabelecidas durante a era romana. A região se beneficiou dos avanços romanos em estradas, infraestrutura e desenvolvimento urbano.

Após a queda do Império Romano, a Toscana passou por um período de instabilidade política. Foi nessa época que a região foi dividida em cidades-estados menores, por ser muito impactada pelo Renascimento, que começou em Florença no século XIV, também teve avanços significativos na arte, arquitetura, literatura e ciência.

Foi nessa época que  Florença se tornou um importante centro cultural e artístico, lar de grandes mentes como Leonardo da Vinci, Michelangelo e Dante Alighieri. Depois, no século XIX, a Toscana passou a fazer parte do Reino unificado da Itália. Hoje, a região italiana é conhecida por suas cidades históricas, paisagens deslumbrantes e vinhos reconhecidos mundialmente.

Em termos de cultura, a Toscana se destaca por sua arte e arquitetura, assim como na literatura. A região foi onde nasceu Dante Alighieri, considerado o pai da língua italiana e que se consagrou por sua obra, “A Divina Comédia”, que é um dos pilares da literatura mundial.

Roma: História, Curiosidades,Vida Noturna e Dicas de Turismo Incríveis

America Chip: Conexão 5G na Toscana

coimbra time

Outra dica fundamental na sua preparação e planejamento de viagem para a Toscana é adquirir um chip internacional. Isso porque não existe nada melhor do que viajar de maneira conectada do começo ao fim da sua viagem sem se preocupar com o quanto você vai gastar. Acredite: vale muito a pena comprar um chip internacional! 

Confira os planos da America Chip e viaje tranquilo para o exterior, com internet ilimitada,  de alta velocidade e sem surpresas na conta.

Como Comprar o Seu Chip Internacional Ilimitado: Dicas

Saiba onde fica e como se chega na Toscana

A Toscana está localizada no centro da Itália. Ela se estende desde da cordilheira  dos Apeninos até o Mar Tirreno e faz fronteira com as regiões da Ligúria a noroeste, Emilia-Romagna ao norte, marche a nordeste, Umbria a leste e Lazio a sudeste.

Chegar na Toscana é fácil e existem várias maneiras. O principal aeroporto da Toscana é o Aeroporto de Florença, Peretola (FLR), localizado perto de Florença. Ele conta com  várias companhias aéreas internacionais. O outro aeroporto importante é o Aeroporto Internacional de Pisa (PSA), que pode ter mais opções de voos, principalmente de dentro do continente europeu.

Se você estiver na Europa, especialmente na Itália, pegar um trem para a Toscana pode ser mais fácil. Os trens de alta velocidade da Itália (Frecciarossa ou Italo) conectam grandes cidades como Milão, Veneza, Roma e Nápoles á Florença, que é uma cidade central na Toscana. Outras cidades da Toscana, como Pisa, Lucca e Siena, também são bem conectadas por serviços de trens regionais da Itália.

Vale ressaltar que a Toscana está bem interligada pela rede de autoestradas italianas. Se você já está na Itália ou em países vizinhos, dirigir até lá pode ser uma excelente opção, principalmente se você quiser explorar a Toscana rural. No entanto, esteja ciente de que muitos centros históricos nas cidades toscanas são zonas “ZTL” (zonas de tráfego limitado) e podem ter acesso restrito para carros.

EuroTrip: Dicas de Como Fazer Uma Viagem Pela Europa

Curiosidades e peculiaridades da Toscana

A Toscana é uma região repleta de peculiaridades e curiosidades que agregam ao seu charme, conhecida como o berço da língua italiana, o dialeto toscano serviu de base para a língua italiana. Dante Alighieri, natural de Florença, é creditado por estabelecer a língua nacional por meio de suas obras, particularmente “A Divina Comédia”.

Também é reconhecida como a região onde nasce o Renascimento. Aliás, Florença, a capital da Toscana, é muitas vezes referida como o berço do Renascimento. A cidade foi o lar de muitos grandes artistas e pensadores, como Leonardo da Vinci, Michelangelo e Botticelli, que contribuíram para o movimento cultural transformador.

O vinho Chianti, natural da Toscana, é proveniente da região italiana. A região de Chianti está localizada entre Florença e Siena, e é famosa por seus vinhos produzidos sob rígidas normas para garantir a qualidade. 

Por fim, na Toscana estão sete locais que são patrimônios Mundial da UNESCO, são eles: Florença, Pisa, Siena, San Gimignano, Pienza, Val d’Orcia e as Villas e Jardins Medici. Que você deve incluir no seu roteiro de viagem.

Toscana: Planejamento de viagem completo

Se você quiser conhecer a Toscana, confira um planejamento de viagem para Itália e comece a montar seu roteiro:

Compre as passagens

Quando for comprar passagens, faça uma comparação entre companhias aéreas. O ideal é utilizar sites de pesquisa e comparação de voos como Passagens Promo, Skyscanner, Google Flights ou Kayak para comparar preços de voos em diferentes companhias aéreas. Além disso, indicamos que você reserve com antecedência, pois quanto mais cedo você reservar, mais baratos serão as passagens.

O ideal é planejar uma viagem para Europa com pelo menos três meses de antecedência e viajar fora da alta temporada. A alta temporada na Europa vai de junho a setembro, durante o verão europeu.

Contrate um seguro de viagem

O seguro viagem é um bom investimento na hora de planejar uma viagem para o exterior e isso também vale para sua viagem para Toscana, na Itália. Estes seguros são pensados e servem para cobrir perdas inesperadas durante a viagem, como emergências médicas, cancelamento de viagem, perda de bagagem, acidentes, etc. Sendo assim, é essencial contratar um seguro de viagem quando for visitar a Toscana. Uma dica é usar o Seguros Promo, que compara os preços das seguradoras e você pode fazer tudo online. 

Melhor época para ir para a Toscana

Uma viagem à Toscana é fenomenal em qualquer época do ano, independentemente de ser em dias chuvosos ou muito quentes. Porém, sempre há períodos mais favoráveis para conhecer as praias, os montes dos Apeninos e os vinhedos da região.  

Devido ao clima ameno, os melhores meses para visitar a Toscana são de junho a setembro. Nesse intervalo do ano, as temperaturas são mais altas e não há muitos dias de chuva. Justamente por isso, os turistas conseguem aproveitar, infinitamente mais, as 

belezas naturais e os passeios dessa porção italiana. 

Principais pontos turísticos na Toscana: 15 dicas imperdíveis

Agora aproveite para conhecer os principais pontos turísticos da Toscana e conhecer algumas dicas imperdoáveis:

01 – A vinícola de Mona Lisa

A Vignamaggio é uma vinícola histórica localizada na região de Chianti Classico, na Toscana. Ela é uma das propriedades agrícolas mais antigas da Toscana, com uma história que remonta ao século XIV. Com mais de 200 hectares, a vinícola conta com vinhas, olivais, bosques e hortas.

Reza a lenda que foi em Vignamaggio que nasceu a Mona Lisa, a mulher que inspirou a famosa pintura de Leonardo da Vinci. Dizem que ela nasceu na mansão e passou seus primeiros anos lá.

O que fazer em Paris: Os 21 melhores pontos turísticos

02 – Muralhas de Lucca

As muralhas de Lucca está entre os principais marcos da cidade de Lucca, além de estarem muito bem preservadas, elas têm um grande significado histórico, pois foram originalmente construídas como uma estrutura defensiva na era renascentista e se tornaram uma das muralhas renascentistas mais bem preservadas da Europa.

A construção durou cerca de 150 anos, de meados do século XVI ao início do século XVII. Contudo, o que torna as muralhas particularmente únicas não é apenas sua notável preservação, mas sua adaptação para uso público na era moderna.

O topo das muralhas foi transformado em um passeio de pedestres, conhecido como “Passeggiata delle Mura Urbane”, oferecendo um lugar maravilhoso para caminhar, andar de bicicleta ou simplesmente apreciar a vista da cidade.

03 – Ópera dos Três Tenores

Santo Stefano al Ponte é uma igreja localizada perto da Ponte Vecchio, em Florença. A estrutura românica remonta ao século XI e é conhecida por sua impressionante fachada e significado histórico. Ao longo dos anos, foi reaproveitado e atualmente serve como um espaço multifuncional.

Atualmente, Santo Stefano al Ponte é palco de exposições, shows e eventos culturais, graças à sua excelente acústica e aos modernos equipamentos multimídia instalados durante o processo de restauração. 

Uma das notáveis séries de concertos realizadas em Santo Stefano al Ponte são os concertos “Ópera de Florença” ou “Os Três Tenores”, que são homenagens aos Três Tenores originais – Luciano Pavarotti, Plácido Domingo e José Carreras.

04 – O Castello di Gargonza

sochi palace

O Castello di Gargonza é uma vila medieval fortificada na Toscana. Localizado na comuna de Monte San Savino, na província de Arezzo. A aldeia tem uma história impressionante que remonta ao século XIII e está intimamente associada ao poeta toscano Dante Alighieri, que supostamente se hospedou em Gargonza em 1302.

Um dos aspectos definidores do Castello di Gargonza é a sua preservação. Em meados do século XX, o declínio da população rural levou ao abandono da aldeia. No entanto, foi cuidadosamente restaurado na década de 1970 e transformado em complexo residencial e resort de férias.

05 – Massa Marittima

Massa Marittima é uma cidade na província de Grosseto, na parte sul da região da Toscana. Ela é conhecida por sua arquitetura medieval bem preservada, assim como importante arte e história. A cidade oferece vistas deslumbrantes da paisagem circundante da Toscana e do Mar Tirreno devido à sua localização no topo de uma montanha.

Tour pela Europa: Custos, Dicas e 20 Roteiros Incríveis

06 – Torre de Pisa

A Torre de Pisa é uma das estruturas arquitetônicas mais famosas do mundo, particularmente reconhecida por sua inclinação não intencional. Está localizada na cidade italiana de Pisa, na região da Toscana. Vale muito a pena visitar, pois é um dos pontos turísticos mais importantes da Europa.

07 – Galleria degli Uffizi

A Galleria degli Uffizi é um dos museus de arte mais importantes do mundo. Localizado no Centro Histórico de Florença, o museu guarda um acervo de obras de valor inestimável, principalmente do período do Renascimento italiano. Por lá estão milhares de pinturas, esculturas e outras obras de arte desde a antiguidade até o século XVIII.

Algumas das obras mais renomadas do Uffizi incluem “O Nascimento de Vênus” e “Primavera” de Botticelli, “Anunciação” de Leonardo da Vinci, “Doni Tondo” de Michelangelo, “Baco” e “Medusa” de Caravaggio, e “Madonna of the Goldfinch”, de Raphael, entre outros.

08 – Ponte Vecchio

A Ponte Vecchio é um dos marcos mais emblemáticos da cidade de Florença. Como o nome sugere, é a ponte mais antiga da cidade, com uma história rica e arquitetura distinta que a tornam um local popular para moradores e turistas. Ela foi construída pela primeira vez durante a época romana, mas foi destruída e reconstruída várias vezes ao longo dos séculos devido a inundações.

09 – Santa Maria del Fiore

Santa Maria del Fiore, também conhecida como Catedral de Florença ou Duomo di Firenze, é um dos edifícios mais emblemáticos de Florença. É considerada uma obra-prima da arquitetura gótica italiana. Seu nome se traduz em “Santa Maria da Flor”, em referência ao lírio, símbolo de Florença.

10 – Mercato Centrale

toscana hotel

O Mercato Centrale, ou Mercado Central, é um mercado gastronômico de referência localizado em Florença. A cidade, que é a capital da Toscana, é considerada um paraíso para os amantes da gastronomia e o Mercato Centrale é uma das áreas mais vibrantes da cidade.

Explore o Melhor do Coliseu de Roma: História, Curiosidades e Dicas de Turismo na Itália.

11- Piazzale Michelangelo

Localizada em Florença, a Piazzale Michelangelo é um ponto turístico bastante famoso da Toscana. Ela é uma praça que proporciona uma maravilhosa vista panorâmica da cidade de Florença. De lá, é possível admirar grandes atrações florentinas, como o Palazzo Vecchio e o Duomo. 

Na praça, você também encontrará uma réplica da escultura de David, que é uma das obras artísticas mais conhecidas de Michelangelo, artista que dá nome ao local. Então, aproveite sua ida à Toscana para passear pela Piazzale Michelangelo e desfrutar do clima italiano oferecido por ela. 

12- Castello di Albola

O Castello di Albola é uma vila medieval construída sob as colinas de Chianti, sendo repleta de história, paisagens naturais e arte. Além disso, o local tem os vinhedos como grande destaque, uma vez que boa parte dos seus hectares são destinados ao cultivo de uvas para vinho. 

Se você tem interesse em degustar diversos vinhos de prestígio enquanto conhece um ponto turístico fantástico, o Castello di Albola deve ser incluído no seu roteiro de passeios na Toscana. 

13- Tempio di San Biagio

Situado em San Biagio, o Tempio di San Biagio é uma obra arquitetônica esplêndida, feita pelo arquiteto Antonio da Sangallo il Vecchio. Esse templo católico é um dos principais monumentos representantes do Renascimento Italiano, e a sua localidade isolada o torna ainda mais interessante para os visitantes. 

Sem dúvidas, essa atração turística está entre as mais bonitas que você verá na Toscana. Então não deixe de visitá-la, pois não irá se arrepender, e o seu feed do Instagram também agradecerá, já que as paisagens do local são incríveis!

14- Museo dell’Accademia Etrusca

O Museo dell’Accademia Etrusca é um museu de arte e de arqueologia que fica na comuna de Cortona, na Toscana. Sua coleção é composta por uma série de itens históricos e artísticos, como: estátuas, pinturas, instrumentos científicos, exemplares de minerais e lampadários. 

Um passeio por esse ponto turístico é como uma volta no tempo. Você terá acesso a diversos objetos e artefatos interessantes, que representam a história e a cultura dos etruscos

15- Giostra del Saracino

roteiro toscana 8 dias

A Giostra del Saracino é uma grande festa medieval que ocorre duas vezes por ano na Toscana. Ela remete a um antigo jogo de cavalaria, que se originou como um exercício de treinamento militar. 

Se estiver na Toscana no terceiro sábado de junho ou no primeiro domingo de setembro, considere essa festa como atração quase obrigatória para a sua viagem à região italiana. Você se divertirá bastante e aprenderá muito sobre a cultura local!

Dica dos melhores restaurantes em Toscana

Não é segredo para ninguém que a culinária italiana está entre as melhores do mundo, não é mesmo? Os sabores provenientes da Itália conquistaram todos os continentes, e é muito difícil encontrar alguém que não aprecie essa gastronomia. 

Durante sua jornada pelas cidades da Toscana, você encontrará bastante pão, carne, azeite e vinho. Esses itens são primordiais para a culinária da região, então estão presentes em quase todos os pratos típicos. 

Certamente, você já percebeu que comida não será um problema para você na Toscana. Mas, para deixar sua experiência ainda melhor, veja alguns dos melhores restaurantes desse destino tão maravilhoso:

Mercato Centrale

O já mencionado Mercato Centrale, que é o Mercado Central de Florença, é um excelente estabelecimento para fazer refeições. Apesar de não ser um restaurante propriamente dito, ele conta com diversas lojas alimentícias. Lá, você encontrará pizzas, queijos, vinhos, massas, gelatos, peixes e muito mais. 

Assim, além de passear por esse ponto turístico, você pode aproveitá-lo para comer alimentos super saborosos, de entradas até sobremesas! 

Trattoria Mario

Se você é um daqueles viajantes que ama explorar a cultura do destino e experimentar pratos típicos do local, o Trattoria Mario vai te agradar bastante. Ele é um restaurante especializado na gastronomia da região Toscana, então é o estabelecimento perfeito para conhecer mais dessa vertente da culinária italiana. 

Os alimentos são de altíssima qualidade, sendo provenientes do Mercato Centrale de Florença e servidos frescos. A carne, principalmente a bisteca, é o grande destaque do restaurante. Fora isso, o atendimento dos funcionários costuma ser muito bom e simpático. 

Cibrèo

O Cibrèo é um restaurante cujo nome significa, na linguagem popular, “um conjunto de coisas boas”. Seu nome realmente está certo, pois o estabelecimento oferece um serviço cheio de coisas boas, desde o atendimento até a comida em si. 

O menu muda diariamente, mas os alimentos sempre são servidos frescos e com muito capricho. Assim como o Trattoria Mario, o Cibrèo prepara pratos típicos da culinária italiana e toscana. Sem dúvidas, esse restaurante é mais uma excelente alternativa para a sua viagem.

Osteria Personale

roteiro toscana 5 dias

Imagine como seria jantar em um restaurante sofisticado durante sua viagem à Toscana. Muito legal, não?! Pois bem, o Osteria Personale é um local que proporciona justamente essa experiência. 

Sendo digno de uma estrela Michelin, o estabelecimento oferece aos seus clientes pratos requintados e com uma apresentação belíssima. Então, se quer conhecer um restaurante refinado na Toscana, o Osteria Personale deve ser levado em consideração. 

Melhores lugares para fazer compras em Toscana

Fazer compras é uma atividade que faz parte das viagens e interessa a muitos viajantes. É ótimo chegar a um destino e analisar quais itens valem a pena ser adquiridos por lá, não é mesmo? Além disso, cada localidade possui seus objetos típicos, que são ótimas opções para as famosas lembrancinhas, seja para familiares, seja para amigos. 

Em Toscana, essa realidade não é diferente. Lá, há vários locais bons para fazer compras, e, provavelmente, você encontrará ótimas promoções. Confira os melhores lugares para comprar em Toscana! 

Mercato Centrale  

O Mercato Centrale é o mercado central de Florença, capital da região de Toscana. Ele reúne o melhor da cidade italiana, contando com diversas barracas de comidas tradicionais. Frutos-do-mar, especiarias, verduras e frutas são apenas alguns dos alimentos que você encontrará por lá.

O Mercato Centrale é um lugar incrível para quem gosta de comprar produtos alimentícios. Sem dúvidas, você terá muitas possibilidades nesse mercado, podendo escolher as que mais te interessarem! 

Leonardo Shoes

Se você gosta de comprar sapatos, principalmente em viagens, vai amar a Leonardo Shoes. Essa loja está no coração da região de Toscana e é especializada em calçados de couro. Ela é reconhecida mundialmente por sua qualidade, excelência e cuidado com os detalhes de cada peça. 

Além de sapatos, a Leonardo Shoes oferece bolsas, jaquetas e diversos acessórios. A loja conta com três unidades em Florença, então, você pode aproveitar a que estiver mais próxima do seu hotel ou a que mais te agradar. 

Mercato di Sant’Ambrogio

Quem se interessa por comprar alimentos durante as viagens com certeza vai ficar bem satisfeito na região da Toscana. Além do Mercato Centrale, a cidade de Florença conta com o Mercato di Sant’Ambrogio. Esse mercado funciona como um sacolão, oferecendo frutas, vegetais e especiarias aos clientes. 

Dicas para economizar em Toscana

principais cidades da toscana

As viagens internacionais para destinos europeus costumam ser extremamente caras, certo? Infelizmente, essa é uma realidade que todos os viajantes brasileiros precisam enfrentar. Mas, é possível reduzir os gastos e economizar bastante durante essa aventura memorável. 

A economia já começa antes da efetivação da viagem, na compra das passagens. Vários viajantes deixam para comprar os bilhetes aéreos com pouca antecedência. Isso faz com que eles encontrem preços bem mais altos, já que a demanda começa a aumentar. Então, para não ter que lidar com essa situação, comece a procurar passagens alguns meses antes da viagem. Opte também por voos low cost, já que eles são bem mais baratos que os tradicionais. 

Ao longo da sua viagem à Toscana, procure realizar passeios gratuitos. Prefira ir a parques, mercados, praças, centros históricos e outros pontos turísticos que não exigem ingressos pagos para serem visitados. Isso gera uma grande redução de gastos na sua jornada internacional. 

Com relação à alimentação, dê preferência a estabelecimentos frequentados por residentes da região da Toscana. Geralmente, os restaurantes mais famosos são bem caros, o que causa um grande aumento nos custos totais da viagem. Se você for em locais menos requisitados pelos turistas, terá refeições de qualidade e com bons valores. 

Por fim, se você gosta de vivenciar novas experiências, tente se hospedar em hostels. Esse tipo de acomodação é, geralmente, bem mais barata que hotel. Lá, você terá que compartilhar o quarto e os demais cômodos com outras pessoas, mas isso proporcionará uma economia muito considerável para o seu bolso. 

Documentação necessária para conhecer Toscana

Para que a sua viagem à Toscana realmente aconteça, e você possa conhecer essa região italiana fenomenal e aproveitar todas as suas atrações, algumas documentações são necessárias. Sem elas, você não consegue entrar na Itália, e a sua aventura internacional será encerrada, antes mesmo de ter começado de fato. 

Por essa razão, os documentos exigidos para viajar a esse destino são de extrema importância. Então, você deve prestar bastante atenção neles e organizá-los com antecedência. Isso evitará muita dor de cabeça e perrengues desnecessários, tornando a sua experiência mais tranquila. 

Confira qual é a documentação necessária para conhecer Toscana: 

Comprovante de hospedagem

O comprovante de hospedagem é fundamental para a sua entrada na Itália. Esse documento é a prova de que você não tem a intenção de ficar no país ilegalmente e de que não precisará de amparo governamental. 

Todos os países que fazem parte do Espaço Schengen exigem esse comprovante, e a Itália está inclusa nisso. Felizmente, é bem tranquilo conseguir essa documentação, uma vez que reserva de hotel/hostel, reserva de aluguel por temporada e carta-convite são aceitas como comprovante de hospedagem. 

Com esse simples documento em mãos, você não terá problemas no momento da imigração. Mas, apesar de ser fácil adquiri-lo, não deixe para a última hora. Providencie-o e separe-o com antecedência! 

Visto ETIAS

O ETIAS (Sistema Eletrônico para a Autorização de Viagem) é uma autorização de entrada de turistas nos países-membros da União Europeia. Sua criação ocorreu como uma estratégia para combater o terrorismo e a grande crise migratória no Velho Continente. Ele começará a valer a partir de 2024, e deverá ser emitido por todos os cidadãos que não fazem parte desse bloco. 

Felizmente, para os brasileiros, é muito tranquilo adquirir essa autorização. Basta preencher um formulário online, informando os seus dados pessoais, e responder um pequeno questionário. Vale lembrar que o visto ETIAS é válido para viagens a turismo de até 90 dias, então, se tiver que ficar por mais tempo no território europeu, terá que solicitar o prolongamento da autorização.   

Passaporte válido

Assim como na maioria das viagens internacionais, o passaporte está entre os documentos obrigatórios e fundamentais para a sua aventura na Toscana. Ele deve estar no período de validade, sendo válido por, no mínimo, 6 meses a partir da sua entrada na Europa. 

Caso ainda não tenha essa documentação, tire-a e resolva essa pendência quanto antes. O processo é muito simples, então não tem porque deixá-lo para a última hora! 

Saiba qual é a cidade mais bonita da Toscana

o que é toscana linguiça

A Toscana é conhecida pelas belezas naturais e atrações turísticas, e as cidades encantam os seus visitantes. Escolher a cidade mais bonita desse território não é uma tarefa fácil, já que todas elas possuem suas singularidades e charme. 

Porém, Montepulciano e Livorno estão, com toda certeza, no topo do meu ranking. Elas são repletas de beleza natural e pontos turísticos, e a arquitetura dessas cidades é de tirar o fôlego! Não tem como não se apaixonar por essas localidades da Toscana, elas são cativantes e muito acolhedoras. 

Dicas de como escolher os melhores hotéis em Toscana

Escolher bons hotéis faz toda a diferença em viagens. Eles permitem que você tenha momentos satisfatórios de descanso e relaxamento. Isso proporciona dias de passeios mais prazerosos, já que você estará descansado após uma noite renovadora de sono e conforto. 

Além disso, alguns estabelecimentos de hospedagem também oferecem refeições a preços acessíveis. Dessa forma, você também pode economizar na alimentação, desfrutar, mesmo assim, de bons pratos e experimentar comidas locais. 

Para escolher os melhores hotéis na Toscana, você precisa ter alguns critérios em mente e realizar algumas ações estratégicas. Confira como fazer isso:

  • Procure hotéis localizados em áreas estratégicas e próximas (ou com fácil acesso) aos pontos turísticos que estão no seu roteiro; 
  • Defina os seus critérios e as características que não podem faltar no hotel; 
  • Estabeleça o seu orçamento e busque opções que se adéquem a ele;
  • Comece a sua busca pelos hotéis com antecedência; 
  • Analise as avaliações de todos os hotéis; 
  • Procure fotos das acomodações, das comodidades e das demais áreas do hotel; 
  • Faça as reservas antecipadamente. 

Saiba quanto custa viajar para Toscana

Se você tem o desejo de viajar para Toscana e não sabe quanto precisa para realizar essa vontade, irá descobrir agora! Assim como grande parte dos destinos europeus, a região italiana da Toscana exige um orçamento considerável, mas, com um bom planejamento, você pode juntar o dinheiro necessário e partir para essa aventura inesquecível. 

Como a Toscana é uma região com várias cidades, a resposta sobre quanto custa viajar para lá acaba sendo variável. Isso depende do seu roteiro, do seu estilo de viagem e das suas escolhas. Mas, como Florença é a capital e a localidade da Toscana mais escolhida pelos turistas, ela será usada como base. 

Passagens

Saindo de São Paulo, as passagens para Florença ficam em torno de R$3.500 a R$6.500. Os valores sofrem muitas variações, e ficam bem maiores durante as altas temporadas. Então, é importante observar e monitorar os preços ao longo dos meses, para encontrar ofertas e descontos satisfatórios. 

Hospedagem

A hospedagem é um aspecto que depende muito mais das suas escolhas que as passagens. Os seus critérios, gostos e exigências fazem toda a diferença nesse cálculo. Além disso, o tipo de acomodação também influencia, já que são cobrados valores diferentes em hotéis, hostels, airbnb, etc. 

Considerando os hotéis como as opções mais escolhidas, você pode encontrar diárias em estabelecimentos, com avaliações acima de 4 estrelas, a partir de R$700 na Toscana. Porém, é possível conseguir descontos e promoções, basta acompanhar a variação dos preços e entrar em contato com os hotéis de interesse! 

Passeios

Os passeios na Toscana também são um quesito que varia bastante nas viagens. Isso porque cada roteiro possui atrações diferentes, a depender dos interesses de cada viajante. Além disso, diversos pontos turísticos podem ser visitados gratuitamente, então acabam proporcionando boas economias aos turistas. 

No geral, os ingressos dos passeios mais conhecidos, como Duomo, Galleria Degli Uffizi e Museu San Marco, geram custos em torno de 80 euros. Então, se quiser visitar as atrações mais famosas da Toscana, precisa se programar e ter um orçamento mais flexível.

Conheça as festa típicas e culturais de Toscana

A Toscana é uma região italiana que não decepciona quando o assunto é festa típica. Todos os meses são preenchidos por eventos e comemorações nesse destino, e isso o torna ainda mais atrativo para os viajantes que curtem boas festas e muita diversão. 

Nessas festas tradicionais, é possível conhecer mais aspectos da cultura, da história e do cotidiano da Itália, principalmente das cidades da própria Toscana. Sem dúvidas, são celebrações enriquecedoras que ficam marcadas na memória dos turistas.   

Se quer participar dessas festas enquanto viaja pela Toscana, conheça quais são as principais e em quais meses elas acontecem:

  • Carnaval de Viareggio → fevereiro;
  • Capodanno Medievale → março;
  • Scoppio del Carro → abril;
  • Palio del Baluardo → maio;
  • Luminara di San Ranieri →  junho;
  • Calcio Storico → junho;
  • Monteriggioni Festa Medievale → julho;
  • Palio di Siena → agosto;
  • Giostra del Saracino → setembro;
  • Palio dei Caci → outubro;
  •  Mostra Mercato Nazionale del Tartufo Bianco → novembro;
  • Gioco del Panforte → dezembro.

Leia também: Cidadania Italiana: Como Funciona e Quem Tem Direito [Guia]

Descubra como é viver em Toscana

A Toscana é ou não é uma região italiana encantadora e apaixonante? Ao longo desse post, pode ter passado à sua cabeça a ideia de morar por lá. Então, se considera viver em Toscana, descubra como é ser um habitante dessa região: 

Custo de vida

O custo de vida na Toscana é maior que a média italiana, estando entre os cinco mais altos do país. Porém, a qualidade de vida da região é muito boa, o que conquista os imigrantes. Em média, para ter uma vida estável e confortável na Toscana, é necessário cerca de 1000 a 1500 euros.

Isso inclui moradia, alimentação, transporte, internet, assistência médica, utilidades (gás de cozinha e energia, por exemplo), passeios e todos os outros aspectos cotidianos de qualquer residente. 

Oportunidades de emprego

Encontrar oportunidades de emprego na Toscana não é uma tarefa muito simples. Se você tiver boas qualificações, falar italiano com fluidez e ter um bom currículo no geral, provavelmente será mais fácil conseguir trabalhos atrativos. 

Porém, se você não domina a língua nativa e não possui qualificações que chamem a atenção dos contratantes, terá mais dificuldade em encontrar boas oportunidades. Por isso, seja inovador, pense criativamente e busque qualificações. 

Moradia

toscana é uma cidade

A moradia costuma ser a parte mais complicada do processo de viver na Toscana. Isso porque a demanda, principalmente nas grandes cidades, é muito alta. Em contrapartida, há pouca oferta, o que dificulta o encontro de boas moradias para os imigrantes e, até mesmo, para os moradores. 

Lazer

Lazer é o que não falta para quem vive na Toscana. As cidades dessa região são repletas de pontos turísticos, e muitos deles são amplamente conhecidos em todo o mundo. Outro benefício é que há entretenimento para todos os gostos, faixas etárias e orçamentos. Então, basta escolher as atrações que mais combinam com você e partir para momentos de diversão! 

Descubra mais em: O Melhor da Itália: Curiosidades, História, Cultura e Fantásticas Atrações Turísticas

Cidades da Toscana e suas proximidades para não deixar de visitar em um bate e volta

Fazer um bate e volta durante a sua viagem pela Itália é a opção perfeita para conhecer outras cidades italianas sem precisar gastar com hospedagem extra! 

Por sinal, você sabia que a Itália possui uma área total de, aproximadamente, 301.340 km²? O Estado do Mato Grosso do Sul, no Brasil, por sua vez, conta com uma área de 357.145 km² — ou seja, a Itália é menor (em área) em relação ao Mato Grosso do Sul.

Por esse e outros motivos, fazer um bate e volta na região da Toscana e suas proximidades é uma excelente ideia. Conheça as cidades que você precisa visitar no seu próximo bate e volta italiano: 

Pisa

É praticamente impossível nunca ter ouvido falar da famosa Torre inclinada de Pisa, construída sob um solo instável e pantanoso na região da Toscana.

Apesar de ser conhecida mundialmente por sua torre, essa cidade com mais de 91 mil habitantes conta com mais de 20 outros edifícios históricos — por isso: chegue cedo em Pisa para explorar a cidade com calma. No ano de 1987, a Torre inclinada de Pisa foi declarada Patrimônio Mundial e, desde esta data, pertence à UNESCO.

Na Piazza dei Miracoli, além da torre, você poderá conhecer a Catedral, o Batistério, o Camposanto e os dois museus: Museo dell’Opera e Museo delle Sinopie — e, sem dúvidas, há muito o que se ver, fazer e comer em Pisa.

Siena

O centro histórico de Siena foi classificado pela UNESCO como Patrimônio da Humanidade no ano de 1995. Os patrimônios históricos e artísticos de Siena dão vida à cidade, que, por sua vez, é dividida em três partes: Camollia, Città e San Martino.

É na Piazza del Campo onde acontece a competição do Palio di Siena, duas vezes por ano. Nada mais é do que uma tradicionalíssima corrida de cavalos em homenagem à Nossa Senhora – e um dos eventos mais importantes de toda a Toscana.

San Gimignano

San Gimignano é uma pequena cidade murada na província de Siena, na Toscana. A cidade é conhecida por sua arquitetura medieval, e, principalmente, suas torres, que podem ser vistas a vários quilômetros de distância. 

A cidade é conhecida como “Manhattan da Idade Média” — por conta de algumas torres medievais que ainda permanecem de pé em San Gimignano desde… bom, a Idade Média. 

Uma das torres remanescentes é a mais alta da cidade, e tem 54 metros de altura — quase a mesma altura da Torre inclinada de Pisa. Você pode visitar a Torre Grossa durante um bate e volta a essa cidade cheia de história.

Durante a Idade Média, a cidade funcionou como uma rota comercial importantíssima da Itália, e o açafrão foi o “tempero que enriqueceu a cidade”. Por sinal, o açafrão não só fez, como ainda faz parte da história da cidade. 

É em San Gimignano que fica a Gelateria Dondoli, que, entre tradição e inovação, valoriza os produtos locais típicos — e de alta qualidade — da região. Entre eles, claro: o açafrão! Não deixe de tomar um gelato na Dondoli (ou mais). É impossível se arrepender!

Monteriggioni

Monteriggioni, que, assim como San Gimignano, fica na província de Siena, conta com menos de 10.000 habitantes. A cidade é famosa por suas muralhas medievais bem preservadas e, inclusive, é mencionada na Divina Comédia de Dante.

“(…) sobre o muro arredondado, Monteriggioni é coroada por torres, então na margem infernal que o fosso circunda, guerreavam os terríveis gigantes, apenas com a metade de seu corpo encouraçado (…)” 

Essa cidade foi construída como uma fortificação de fronteira para se proteger de sua maior inimiga da época: Florença. Vista de longe, a cidade de Monteriggioni parece um grande castelo — e, de certa forma, é. A estrutura da cidade é praticamente a mesma desde a época de sua construção. 

O seu bate e volta por Monteriggioni certamente não será longo — e, caso você escolha ficar para um almoço ou jantar, sua passagem pela cidade continuará sendo rápida.

Cinque Terre

wikipedia toscana

Cinque Terre é uma área ao longo da costa na Riviera Italiana, e consiste em cinco aldeias: Monterosso al Mare, Vernazza, Corniglia, Manarola e Riomaggiore. 

A paisagem de Cinque Terre é considerada Patrimônio Mundial da UNESCO, e suas aldeias são conhecidas por suas casas coloridas e vinhedos em colinas íngremes que, junto ao mar, fazem jus ao título de uma das paisagens mais imperdíveis da Europa.

É aqui que o filme Luca (2021), da Pixar, se passa.

Assis

Assis é uma cidade e sede de comuna italiana na região da Umbria, província de Perugia. É famosa por ser o local de nascimento de São Francisco de Assis, o fundador da ordem franciscana, e Santa Clara (Chiara d’Offreducci), a fundadora da ordem das Clarissas.

Apesar de ser um destino super religioso, um bate e volta até essa cidade vale super a pena. Fuja do óbvio e conheça todas as suas atrações passando apenas algumas horas em Assis, que, por sua vez, fica bem no meio do caminho entre Florença e Roma.

Cortona

Cortona é uma comuna italiana da região da Toscana, que fica a 600 metros de altura, no topo de uma colina. Se você já assistiu ao filme Sob o Sol da Toscana, você já “conhece” Cortona – mas, convenhamos: conhecer uma cidade pessoalmente não tem preço!

Alugue um carro ou vá de trem até Cortona — o que fizer mais sentido para você e a sua viagem. Independente de qual seja a sua escolha, não deixe de fazer uma excursão em português por Cortona. Ela é super rápida e te fará conhecer essa cidade especial ainda melhor. 

Toscana: Dicas para viajar com a família

A Toscana é um excelente destino para se visitar durante uma viagem de férias em família. Exatamente por isso, aqui estão algumas dicas para viajar com crianças por essa região italiana:

Escolha um hotel (ou outra hospedagem) adequado para crianças. Mas, como saber quais hospedagens são adequadas e quais não são? É simples: priorize as que oferecem piscinas, áreas dedicadas aos pequenos (como playgrounds e outras áreas kids) e quartos espaçosos.

A Toscana conta com muitas atrações e passeios que costumam agradar crianças de todas as idades e, por isso, visitar o Museu Leonardo da Vinci, em Florença, é uma ótima ideia para incluir em seu roteiro. As exposições interativas do museu são imperdíveis! Outra ótima opção é o Parco Preistorico em Peccioli, onde as crianças podem ver e explorar diversas réplicas de dinossauros.

Se você estiver visitando a região durante o verão, considere passar um dia em uma das muitas praias da Toscana. As praias de Viareggio e Forte dei Marmi, por exemplo, são super populares entre as famílias.

Muitos restaurantes oferecem menus para crianças – e são poucas as que não gostam de uma boa pizza ou uma boa massa, não é mesmo? Outra dica valiosa é tentar planejar as suas viagens de carro ou trem durante o horário de soneca de seus filhos menores.

As cidades da Toscana são perfeitas para passeios a pé. Planeje rotas que incluam parques ou praças onde as crianças possam correr e brincar e, por fim, lembre-se de que viajar com crianças requer um ritmo mais lento. Planeje bastante tempo para descansar e relaxar durante o dia e, claro: aproveite o melhor da Toscana!

Conclusão

Com certeza vale muito a pena visitar a região da Toscana e motivos não faltam. Seja pela cultura, gastronomia, bons vinhos, história ou belezas naturais, a região também conta com um belo litoral ao longo do Mar Tirreno, perfeito para velejar e realizar outras atividades aquáticas.

Além disso, o litoral da Toscana oferece belas praias e charmosas cidades litorâneas. Lugares como Forte dei Marmi, Viareggio e Castiglione della Pescaia são populares por suas praias arenosas, águas cristalinas e com atrações vibrantes de verão. Eles também oferecem oportunidades para esportes aquáticos, desde natação e surf até snorkeling e mergulho.

Por fim, a região costeira da Toscana oferece uma fantástica culinária de frutos-do-mar, uma deliciosa variação dos pratos toscanos mais centrados em carne e massa encontrados no interior. Desfrute de peixe fresco, marisco e outras iguarias, em restaurantes e mercados ao longo da costa. Aproveite sua viagem para Toscana! 

Comentários:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pesquisar

A Vibrante Cultura de Bilbao: Passeios, Curiosidades e Turismo Completo

Vai Viajar? Simule seu plano de internet

arrow-dropdown.png
arrow-dropdown.png
arrow-dropdown.png
arrow-dropdown.png

Chip Portugal AmericaChip: Mais Conectividade e Economia em sua viagem

Chip de Celular na Albânia Com Conexão 5G Ilimitada: Benefícios

Leia mais

A cidade de Bilbao fica na Espanha, mais precisamente no País Basco, no norte do país europeu. Além disso, é conhecida por conseguir misturar seu patrimônio industrial com um renascimento cultura(...)

Leia mais

Conhecer os riscos associados à internet grátis no exterior é importante antes de escolhê-la como sua opção de conectividade internacional. Entenda por que um bom chip internacional confiável faz(...)

Leia mais

A cultura e a história do Camboja são riquíssimas e, apesar de similares às de outros países do Sudeste Asiático em alguns sentidos, é fato: ambas são únicas – e você precisa conhecê-las. N(...)

Leia mais

O chip de celular Bermudas oferece aos viajantes o acesso à internet 5G (e outras gerações de rede móvel) e a outros serviços telefônicos nos territórios ultramarinos britânicos no Caribe.  Vai p(...)

Leia mais

A oitava maior cidade da Califórnia é o destino ideal para os mais variados estilos de viagem. Viva o melhor dos Estados Unidos em uma de suas cidades mais diversificadas: Oakland!  Vizinha (...)

Leia mais

Um roteiro bem planejado transforma qualquer viagem à Capital do Entretenimento Mundial – que, por sinal, vai muito além de seus cassinos. Conheça Las Vegas!  Não há destino como Las V(...)

Leia mais

A cidade de Split fica na Croácia e é a segunda maior do país, atrás somente da capital Zagrebe. Localizada na costa oriental do Mar Adriático, na região da Dalmácia, ela consegue combinar sua hi(...)

Leia mais

Simplifique seu dia a dia e suas tarefas diárias através de um relógio inteligente confiável, que conta com funcionalidades avançadas, integração com smartphones e outros dispositivos, monitorame(...)

Leia mais
(function(e,t,o,n,p,r,i){e.visitorGlobalObjectAlias=n;e[e.visitorGlobalObjectAlias]=e[e.visitorGlobalObjectAlias]||function(){(e[e.visitorGlobalObjectAlias].q=e[e.visitorGlobalObjectAlias].q||[]).push(arguments)};e[e.visitorGlobalObjectAlias].l=(new Date).getTime();r=t.createElement("script");r.src=o;r.async=true;i=t.getElementsByTagName("script")[0];i.parentNode.insertBefore(r,i)})(window,document,"https://diffuser-cdn.app-us1.com/diffuser/diffuser.js","vgo"); vgo('setAccount', '652428075'); vgo('setTrackByDefault', true); vgo('process');
Clique aqui e tire suas dúvidas 24h