Europa

Torre de Pisa: Curiosidades, História, Turismo, Cafés e Hospedagens

Torre de Pisa

A Torre de Pisa é um lugar encantador como nenhum outro e você precisa viver essa experiência incrível!

A Torre de Pisa é, sem dúvida, uma das mais famosas atrações da Itália. É que o monumento se inclinou e, desde então, se tornou um destino turístico certo do país europeu.

A inclinação da Torre de Pisa é de 3,9 graus na vertical. Com 58 metros de altura, a obra levou centenas de anos para ser concluída, tanto tempo que já estava caindo aos pedaços quando foi terminada.

Ela é uma torre sineira independente da catedral de Pisa, na Itália. É um destino turístico  muito famoso e é reconhecido como um dos edifícios arquitetônicos mais impressionantes da Europa medieval.

Inclinação da Torre de Pisa começa a diminuir

Ao longo dos anos entre 1993 e 2001, a Torre de Pisa passou por uma restauração e recebeu vários especialistas que tinham a missão de estabilizá-la. Após toda essa empreitada, que custou cerca de 200 milhões de libras, o monumento se endireitou em 45 centímetros, estabilizando-se e não apresentando riscos de queda.

Durante as duas últimas décadas, a inclinação da Torre também começou a diminuir, endireitando-se em quatro centímetros. Se esse endireitamento continuar, a Torre de Pisa pode perder o seu grande charme, que é justamente a inclinação. 

O que antes parecia um problema, agora é uma característica de interesse para os turistas, já que essa atração é conhecida e famosa por ela!

Histórias e curiosidades sobre a Torre de Pisa

A Torre de Pisa é um dos quatro edifícios que compõem o complexo da catedral do Campo dos Milagres de Pisa. Ali estão também inclui o batistério, o cemitério e a própria catedral. A torre foi construída afastada da estrutura principal, o que é raro nas catedrais da época.

A obra de construção levou quase 200 anos e na sua entrega a Torre de Pisa estava já com problemas. Ela ficou pronta em no ano de 1372, e foi construída como para ser a terceira e última estrutura do complexo da catedral da cidade de Pisa. 

Foi projetada especificamente para funcionar como o campanário e sua estrutura fica a alguma distância da catedral, pois a função específica da sua torre era sineira (tocar os sinos).

O Melhor da Itália: Curiosidades, História, Cultura e Fantásticas Atrações Turísticas

Onde fica e como chegar a Torre de Pisa

A Torre de Pisa fica na Piazza del Duomo ou na Praça da Catedral da cidade de Pisa, na região da Toscana, na Itália. Todavia, o comum é que os visitantes façam uma viagem de um dia de Florença para Pisa para visitar a torre e os outros monumentos da praça.

Aliás, você pode pegar um trem de Florença e descer na Pisa Centrale, a estação de trem de Pisa. Dali, a torre fica a apenas 20 minutos a pé. Por lá também tem o Aeroporto Galileo Galilei, que  é o aeroporto internacional de Pisa. Ao desembarcar nele, você pode pegar um serviço de transporte ou um táxi para visitar a torre.

America Chip: Conexão 5G na Itália

Conte com a America Chip Conexão 5G na Itália

Procurando maneiras de se manter conectado no exterior? O chip internacional Europa pode ser uma grande ajuda sem precisar se comprometer com o roaming de dados da sua operadora.

Aqui na AmericaChip oferecemos planos completos para qualquer local do planeta. Garanta a sua conexão 5G Ilimitada em toda Europa ativando o seu Chip de uma forma simples e prática. Aproveite e garanta agora o seu! 

Saiba por que a torre é inclinada

A inclinação da Torre de Pisa foi causada por uma camada de subsolo frágil. Por conta do solo muito macio debaixo de suas fundações, a torre começou a se inclinar logo após o início da construção.

Mesmo a torre sendo perfeitamente reta, o solo não suportou o peso do mármore branco sólido e muito pesado e começou a afundar. E a inclinação foi piorando lentamente com o tempo até que foi finalmente interrompida na década de 1990, após um enorme esforço de estabilização que consumiu tempo e muito dinheiro.

História da construção

A construção da Torre de Pisa, também conhecida como torre do sino, começou em 1173. Ela foi a terceira e última parte do complexo da catedral da cidade. Embora não se saiba quem foi o arquiteto original da torre, o projeto foi iniciado sob a direção do arquiteto Bonanno Pisano. 

Logo no começo da construção ela começou a inclinar. Quando construíram três de seus oito andares, a inclinação havia piorado tanto que tiveram que interromper a construção em 1178 para tentar encontrar uma solução. Contudo, ao mesmo tempo, iniciou a guerra entre Pisa e a vizinha cidade-estado, Genova, e a construção foi interrompida por cerca de 100 anos.

Depois de 100 anos, as obras recomeçaram (ou continuaram) e o solo debaixo da estrutura estava em melhores condições. Em 1260, Giovanni di Simone assumiu a segunda fase da construção e começou a encontrar maneiras de corrigir a inclinação. A construção foi finalmente concluída em 1372.

O Melhor da Itália: História, Artes e Turismo

Obras de restauro

No ano de 1838, Alessandro della Gerardesca tentou aumentar o valor histórico da torre, expondo sua base lindamente esculpida. Embora isso permitisse que os visitantes aprendessem mais sobre a arquitetura da torre, piorou ainda mais a inclinação. 

O ditador italiano Mussolini argumentou que a inclinação da Torre de Pisa era constrangedora que isso deveria ser corrigido. Ele conseguiu que algumas pessoas fizessem furos ao redor da torre e despejassem concreto neles, o que novamente não ajudou com a inclinação e apenas piorou ainda mais. 

Então, em 27 de fevereiro de 1964, o governo italiano declarou que precisava de ajuda e de recomendações que ajudassem a impedir o colapso da famosa torre. Especialistas alertaram que a antiga estrutura corria o risco de desabar em caso de terremoto ou tempestade. Chegaram propostas para salvar a torre de todo o mundo, mas o trabalho de restauração bem-sucedido só começou em 1990.

Saiba quem tentou endireitar a Torre de Pisa

Um fato pouco conhecido sobre a Torre de Pisa é que um personagem histórico já tentou endireitá-la. Ninguém menos que o ditador Benito Mussolini, por achar que a torre comprometia a reputação da Itália, tentou consertá-la bombeando argamassa na base da sua estrutura. 

Porém, essa tentativa de endireitar a Torre de Pisa não funcionou nenhum pouco. Ao invés disso, o solo acabou se afundando ainda mais, devido ao peso da argamassa. Assim, a torre resistiu ao “conserto” e continuou sendo o marco que é até hoje.

Fatos que Galileu descobriu na experiência da Torre de Pisa  

onde fica a torre de ibiza

Segundo biografias e histórias, Galileu teria feito uma experiência na Torre de Pisa para comprovar uma de suas teorias. A teoria era a de que a massa não era responsável por determinar a velocidade de queda dos objetos. 

Com isso, ele foi até o topo da torre e lançou uma bola de chumbo e outra de madeira. O resultado, como já era esperado, foi que as duas bolas chegaram quase ao mesmo tempo no chão, comprovando, assim, a sua teoria.

Patrimônio da Humanidade – Unesco

A Torre de Pisa se tornou um dos destinos turísticos mais populares do mundo. Aliás, o monumento não é apenas uma das 7 maravilhas do mundo, mas também é um Patrimônio Mundial da UNESCO.

Ela deveria ter caído, mas milagrosamente permaneceu de pé enquanto engenheiros trabalhavam para tentar corrigir sua inclinação. Mal sabiam que haviam transformado a torre em uma verdadeira maravilha da engenharia. Todos os anos, o local recebe mais de 5 milhões de visitantes todos os anos.

Torre Pisa: dicas de planejamento de viagem

Existe uma aventura completa em torno da Torre de Pisa, isso mesmo, estou falando da própria cidade de Pisa. Aproveite para descobrir o que mais há nessa cidade super charmosa. Para isso, não deixe de planejar seu roteiro com as dicas a seguir:

Decida as datas certas

Pisa recebe quase 5 milhões de visitantes anualmente apenas para visitar a própria Torre de Pisa, principalmente na primavera e outono. Por isso mesmo espere passar longas horas em filas para acessar o interior do monumento.


A dica valiosa é visitar a Torre de Pisa no final de junho, onde o clima começa a esquentar, mas ainda não é considerado alta temporada de turismo na cidade. Além disso, chegar até o monumento antes das 9h da manhã é um belo motivo para encontrar o local mais calmo. 

Compre as passagens com antecedência

A melhor forma de economizar em passagens áreas é a compra com antecedência. Acesse o site das companhias aéreas para simular diferentes datas de viagem. Você perceberá que, quanto maior o tempo até o embarque, menor o valor das passagens. É um ótimo benefício para quem for paciente.

Além disso, passagens com antecedência são uma excelente maneira de se preparar com carinho para aproveitar o melhor que a Itália tem a oferecer. Lembrando que de Pisa, é apenas um pulo para visitar outras cidades próximas através dos serviços ferroviários.

Feche a hospedagem

Em cidades turísticas é comum a alta demanda de oferta de hospedagens, mas nem por isso devemos deixar para fazer reservas na hora. Inclusive, existem muitos relatos de pessoas que ficaram sem onde se hospedar por fazer esse processo em alta temporada.

Além disso, fazendo reservas com antecedência, os valores praticados tendem a ser bem mais em conta. Evite gastar seu dinheiro desnecessariamente, reserve tudo o que puder através da internet e com dias de antecedência.

Tenha um seguro viagem

Assim como o passaporte, o seguro viagem é item obrigatório na maioria dos países. Vale lembrar que nem todos possuem um sistema público de saúde, então os valores podem ser exorbitantes mesmo que você tenha sofrido um acidente de grau leve.

Embora represente mais um gasto na sua viagem, acredite, ter um seguro é extremamente importa para você, pois é mais uma proteção para viajar para locais desconhecidos. E, além disso, muitos planos de seguro viagem cobrem até mesmo o extravio de bagagens, o que é mais comum de acontecer do que você imagina.

Tenha em mãos os documentos

Como ir na Torre de Pisa

Visitar um país novo é sempre motivo de dúvidas, em relação aos documentos, então, nem se fala. Por isso, existem duas documentações que precisam ter sua atenção na hora de arrumar as malas. Veja:

Passaporte

O passaporte é o item mais valioso que você deve carregar. Com ele você se manterá seguro onde quer que esteja, além disso, este é usado até mesmo para realizar check-in em diversos estabelecimentos pelo mundo. 

Ao contrário do visto, o passaporte é item obrigatório em qualquer país e a emissão é bem simples já que não requer uma entrevista com consulados, basta se dirigir ao posto mais próximo da Polícia Federal e buscar pelas informações da jurisdição do seu estado.

Visto ETIAS

O Visto ETIAS (Sistema Europeu de Informação e Autorização de Viagem, em tradução livre) é um novo documento que visa diminuir as filas de imigração em países que fazem parte do Espaço Schengen e passa a valer a partir de 2024.

Para ficar mais claro, o ETIAS nada mais é que um documento afirmando que você veio de um país que não precisa de visto para entrar na UE. É uma forma de se ter mais controle de quem entra e sai da Europa, além de agilizar o processo de embarque e desembarque.

Embora o sistema comece a operar a partir de 2024, no primeiro ano não será obrigatório.

Saiba como a Torre de Pisa é por dentro

Se de fora é possível ver a inclinação, de dentro é possível sentir. Depois de subir os 251 degraus dentro da Torre de Pisa, você é presenteado com uma deslumbrante vista panorâmica da cidade. 

Como ela foi inicialmente projetada para funcionar como uma torre sineira na Praça da Catedral, ela conta com brilhantes colunas de mármore em cada andar do lado de fora e dois conjuntos de escadas em espiral no interior. A entrada leva você a uma área de espera onde você terá que esperar sua vez de subir na torre.

A torre é iluminada com a luz que vem das janelas dos andares superiores. Séculos e séculos de existência fizeram como se ocorresse uma erosão ligeira nos degraus dentro da torre, mas são eles que levam você até o topo. De lá, além de desfrutar da vista panorâmica, você poderá ouvir o toque dos sinos antigos.

EuroTrip: Dicas de Como Fazer Uma Viagem Pela Europa

Cafés e restaurantes próximos a Torre de Pisa

Nem só de atrações turísticas se vive na Itália, não é mesmo? Outra característica italiana que desperta o interesse de todos os visitantes é a culinária. Então, nada melhor que combinar uma visita à Torre de Pisa e uma parada em algum café ou restaurante próximo a esse local. 

Confira, portanto, bons cafés e restaurantes próximos à Torre de Pisa e escolha quais deseja conhecer! 

  • Ristoro Dantesca;
  • Po’stò Cafè Pisa; 
  • Ristoro Pecorino;
  • Cavalieri – Specialty Coffee;
  • I Porci Comodi;
  • La focacceria dei sani;
  • Bistrot dell’Opera;
  • Paninando “Verso la torre” Pisa;
  • The Tower House – Wine and Sandwiches;
  • Ars Café & Bistrot.

Dicas de hospedagem próximos a Torre de Pisa

pq a torre de pisa e torta

Por ser um destino turístico muito procurado, se hospedar próximo da Torre de Pisa não é difícil. Primeiro porque a cidade tem apenas 90 mil habitantes, ou seja, tudo é perto. Depois, por ser muito visitada, existem diversas opções de hotéis, desde os mais baratos, aos médios e os de luxo e que são mais caros.

Entre os hotéis mais em conta, você encontra marcas como Time Out, Hotel Cecile ou Smile Tower House por preços bem acessíveis. 

Caso tenha uma maior disponibilidade financeira, pode se hospedar nos hotéis médios como B&B La Sicilia a Tavola, Affittacamere La Candelaria e Hotel Bologna ou ficar em hotéis de luxo como o Relais B&B The Miracles e o Wanderlust Bed & Breakfast.

Melhor época para conhecer a Torre Pisa

Os meses da primavera são ideais para visitar Pisa, principalmente se você estiver em busca de férias na Europa mais em conta. É que nesse período os preços são mais acessíveis e o clima é bastante agradável.

Os meses de abril a junho, setembro e outubro são os melhores meses de baixa temporada para visitar e conhecer a Torre de Pisa. Geralmente em outubro e novembro são mais chuvosos e os meses de inverno são feitos de dias úmidos. 

Não esqueça, é melhor visitar a torre mais cedo pela manhã, quando está menos cheia. A multidão geralmente chega as 10h da manhã e no meio da tarde. 

Tour pela Europa: Custos, Dicas e 20 Roteiros Incríveis

Torre de Pisa: dicas de turismo incríveis

Como estamos falando de um destino turístico muito procurado na Itália, veja algumas dicas de turismo incríveis para quando você for visitar a Torre de Pisa:

Evite guia turístico: para não gastar dinheiro de maneira desnecessária, busque informações e leia você mesmo a história da torre. Aliás, você pode até baixar um aplicativo de guia turístico da cidade que funciona com a programação.

Faça um planejamento de viagem para Itália: para evitar filas longas para conseguir um ingresso para entrar na Torre de Pisa, compre o ingresso com antecedência. Além de serem em conta, você pode escolher a hora que quer entrar, sem contar que não perde tempo em filas. 

Fuja da multidão: para evitar multidões e longas filas para entrar (caso você não compre o ingresso antecipado) é chegando bem cedo ou antes do horário de encerramento.

Dica de boas fotos: eu sei que você vai querer tirar aquela fotinho empurrando a Torre de Pisa para o lugar, porém você e todo mundo quer fazer isso. Por isso, o ideal é tentar buscar outros ângulos e lugares menos disputados para que a sua foto fique mais exclusiva.

Atenção à segurança: A torre atrai milhões de visitantes todos os anos, e os batedores de carteira vêem ali um bom negócio. Por isso, sempre tenha muita atenção aos seus pertences. Os batedores de carteira são mais comuns na Piazza dei Miracoli (‘a Praça dos Milagres’) e nas lojas turísticas.

Reserve um dia inteiro: ao invés de fazer a visita na correria, reserve um dia da sua viagem para conhecer a cidade de Pisa. Aproveite para passear pela cidade e conhecer todos os edifícios nas proximidades e assim ter uma perspectiva diferente do local.

Conheça os Melhores Destinos Internacionais

Horário de visitação

O horário de visitação da Torre de Pisa varia durante o ano. Geralmente ela abre às 9h da manhã, mas dependendo mês fecha às 18h, 19h ou 20h. Nos meses de verão o horário é mais alargado e a torre abre 8h30 da manhã e fica aberta até às 22h.

Para visitar a Torre de Pisa, você vai levar cerca de meia hora somente para subir os degraus dentro da torre e chegar ao topo. Você também pode passar meia hora no topo e depois será convidado a voltar para baixo para permitir que o próximo grupo suba.

Melhores restaurantes

Visitar Pisa pode ser uma excelente oportunidade de experimentar a deliciosa culinária italiana. Existem bons restaurantes na cidade, mas o portal Italy We Love You listou os oito melhores da cidade, confira:

  • Osteria i Miei Sapori;
  • Osteria dei Cavalieri;
  • Foresta;
  • Osteria Taviani;
  • Galileo;
  • Il Granaio;
  • Il Campano;
  • La Panacea.

Veja também: O que fazer em Paris: Os 21 melhores pontos turísticos

Atrações próximas

É claro que você vai querer visitar por conta da Torre de Pisa. Entretanto, apesar dela ser a atração mais popular da cidade, você pode aproveitar para admirar a Catedral de Santa Maria Assunta e o Batistério. No Campo dei Miracoli, a Catedral de Pisa fica ao lado da famosa torre inclinada.

Visite também o Museu Opera Del Duomo e dê uma paradinha no Museu Nacional de San Matteo. Nele está uma bela coleção de pinturas e esculturas dos séculos XII a XV. Veja também a Praça dos Cavaleiros (Piazza Dei Cavalieri) e visite o Campo Santo, um cemitério monumental é um lugar sagrado com obras de arte medievais e afrescos impressionantes.

Outra oportunidade é fazer uma caminhada à tarde ao longo do rio Arno. É que ao fazer isso, você pode passar por alguns marcos famosos de Pisa, como Santa Maria della Spina e Palazzo Medici. 

Aproveite para tomar um café em uma das cafeterias fofas, ou experimentar um saboroso sorvete italiano (gelato) e apreciar a bela paisagem.

Roma: História, Curiosidades,Vida Noturna e Dicas de Turismo

Dicas para economizar em sua viagem

Qual o grau de inclinação da Torre de Pisa

A Itália, como um todo, é um dos países mais buscados para passar as férias, por isso o custo de vida nesses territórios tendem a ser mais caros. Além de realizar reservas de hotéis e passagens aéreas com antecedência, veja mais algumas formas de economizar em viagens:

  • Voos e datas flexíveis: Existem promoções aéreas com até 80% de desconto em viagem com mais de 12 meses de espera;
  • Acomodação econômica: Albergues, pousadas ou apartamentos alugados como Airbnb são uma forma de economizar em hospedagem;
  • Refeições conscientes: Experimente os mercados locais e não deixe de degustar a culinária da região, alguns dos melhores restaurantes não serão os mais visados pelo público;
  • Transporte público: A Itália possui um excelente transporte público. Ônibus e trens são super organizados e possuem passes de transporte acessíveis até mesmo entre cidades;
  • Passeios gratuitos ou com desconto: Acesse os sites dos pontos turísticos que você tem interesse e descubra se possuem dias da semana mais baratos e/ou gratuitos, os ingressos para subir a Torre de Pisa, por exemplo, podem custas por 20 euros. 
  • City cards: Algumas cidades italianas oferecem cartões turísticos que incluem acesso a várias atrações e transporte público por um preço fixo. Avalie se vale a pena para você, considerando suas preferências de visita;
  • Evite taxas de conversão: Troque sua moeda antecipadamente em casas de câmbio. Realizar essa troca em pontos turísticos pode não ser vantajoso;
  • Lembre-se de que a economia durante a viagem não significa renunciar a todas as experiências. Planeje sabiamente para aproveitar ao máximo sua viagem à Torre de Pisa sem comprometer seu orçamento.

Conclusão

Visitar a Torre de Pisa vale a pena, mas tenha em mente que estará indo para uma cidade pequena e que não tem tantas atrações como outras da Itália. Contudo, se você sonha em ver a torre inclinada mais famosa (e linda) do mundo, inclua a pequena e charmosa Pisa no seu roteiro.

O ideal mesmo é não criar muita expectativa e buscar o máximo de informação para evitar frustrações. É que as opiniões divergem no quesito valer a pena, mas se viajar e conhecer lugares excepcionais está no seu DNA, vá até Pisa e passe um dia na cidade. Se permita e aproveite ao máximo, com certeza trará uma experiência da sua visita!

Antes de viajar para Europa não esqueça do seu chip internacional de alta velocidade para viajar conectado. Conheça os planos da America Chip

Comentários:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pesquisar

Positano: Onde Fica, Pontos Turísticos, Praias e Belezas Naturais

Vai Viajar? Simule seu plano de internet

arrow-dropdown.png
arrow-dropdown.png
arrow-dropdown.png
arrow-dropdown.png

Amalfi: Melhores Pontos Turísticos, História, Cultura e Curiosidades

Costa Amalfitana: História, Curiosidades, Praias e Atrações Turísticas

Leia mais

Viajar com conexão e liberdade transforma qualquer viagem internacional. Quando se trata da Bolívia, um de nossos países vizinhos, pode acreditar: estar conectado faz toda a diferença.  O ch(...)

Leia mais

Descubra como o eSIM Argentina pode transformar sua experiência de viagem, oferecendo conexão imediata e flexível diretamente no seu smartphone. Chegue preparado e conectado ao desembarcar no paí(...)

Leia mais

Quando se trata de chips internacionais, a AmericaChip te oferece as melhores soluções. Viva o melhor da Austrália 100% conectado! Poder contar com um plano de comunicação confiável durante a sua(...)

Leia mais

A localização costeira de Positano, na Itália, faz com que suas paisagens tirem o fôlego de qualquer turista.  Falando em fôlego, prepare o seu para as inúmeras ladeiras e escadas deste pequ(...)

Leia mais

A conexão digital fez e continua fazendo a diferença na era atual — em todos os sentidos possíveis. Mas, como? Na era moderna, a conexão digital se tornou essencial — afinal, não é todo dia que a(...)

Leia mais

Um chip internacional confiável pode transformar sua próxima viagem à Armênia. O chip celular Armênia da AmericaChip oferece, além da confiabilidade, inúmeros benefícios e vantagens. Conexão de a(...)

Leia mais

Você vai viajar para Espanha? Conheça a cidade de Girona, na região nordeste da Catalunha. Com mais de dois mil anos de história, conta com verdadeiras maravilhas arquitetônicas que vão desde sua(...)

Leia mais

A região alpina da Suíça, que fica na região central e leste do país, vai muito além dos alpes. Conheça as principais atividades e atrações dos Alpes Suíços e se surpreenda! Os Alpes Suíços repre(...)

Leia mais
Clique aqui e tire suas dúvidas 24h