Europa

Apaixone-se por Veneza: História, Curiosidades, Atrações e Guia de Viagem Completo

Veneza

Veneza é mundialmente conhecida por sua rede de canais, edifícios históricos e artes impressionantes. Localizada no coração de Vêneto, a cidade italiana encanta os visitantes com seu charme e beleza únicos. 

Com seu labirinto de canais sinuosos, arquitetura centenária e rica herança cultural, Veneza conquistou seu lugar entre os destinos mais cativantes do mundo, sendo  apontada, em 1987, como o primeiro patrimônio mundial da UNESCO.

Conheça mais sobre o passado histórico da cidade e veja como planejar sua visita e conhecer as atrações imperdíveis que fazem de Veneza uma experiência inesquecível.

História e curiosidades sobre Veneza

Fundada no século V, Veneza tem uma história muito interessante. A cidade serviu inicialmente como refúgio para os habitantes locais que fugiam das invasões bárbaras e, com o tempo, acabou se tornando uma próspera e importante república marítima. A localização estratégica de Veneza na encruzilhada do Mar Adriático e do Mediterrâneo fez dela um centro vital para o comércio, e sua influência se espalhou por toda parte.

Uma curiosidade sobre Veneza é que a cidade foi construída sobre mais de 100 pequenas ilhas conectadas por mais de 400 pontes. Sua fundação é uma obra de engenharia, com estacas de madeira cravadas no terreno pantanoso para suportar o peso das construções. Aliás, muitas dessas pilhas de madeira permaneceram intactas por séculos, graças ao ambiente pobre em oxigênio que dificulta a decomposição.

Saiba onde fica e como chegar em Veneza

Veneza é uma cidade bem conectada por via aérea, ferroviária e rodoviária. O aeroporto mais próximo é o Aeroporto Internacional Marco Polo (VCE), localizado a cerca de 13 quilômetros do centro da cidade. Do aeroporto, você pode pegar um táxi aquático, ônibus aquático Alilaguna ou ônibus terrestre para chegar à cidade.

Caso você prefira viajar de trem, a principal estação ferroviária de Veneza, Venezia Santa Lucia, conecta as principais cidades italianas e europeias. 

Como alternativa, também é possível dirigir até Veneza, mas você precisará estacionar seu carro em um dos estacionamentos no continente e depois pegar um ônibus aquático ou um táxi aquático para a cidade. A distância de Veneza a Bolonha é de 155 quilômetros, uma viagem de 1h34 minutos de carro.

Leia também: O Melhor da Itália: Curiosidades, História, Cultura e Atrações Turísticas

America Chip: conexão 5G em Veneza

America Chip conexão 5G em Veneza

Acredite, as belezas e maravilhas de Veneza vão te marcar para sempre e você vai querer registar cada momento, compartilhar com amigos e parentes aqui no Brasil ou mesmo publicar tudo nas redes sociais no momento em que tudo acontece. Nesta hora, uma conexão de qualidade faz toda a diferença.

Se mantenha altamente conectado com o Chip virtual ou o Chip Europa da America Chip e garanta ligações e internet 5G ILIMITADA durante toda a sua viagem. Isso permitirá que você use seu smartphone para navegação, comunicação e pesquisa de viagens sem incorrer em pesadas tarifas de roaming.

Saiba quanto custa uma viagem para Veneza

Uma viagem para Veneza é uma experiência fantástica e extremamente enriquecedora para a sua vida. Conhecer uma localidade tão encantadora traz um sentimento de realização e de felicidade genuínos. Porém, assim como em qualquer outra vivência internacional, é necessário pensar nos custos associados a essa viagem. 

Em média, contando com passagens aéreas, alimentação, hospedagem, transporte, seguro viagem e passeios, você terá que desembolsar cerca de 15 mil reais. Isso considerando uma viagem de uma semana, mas, claro que tal valor pode ser alterado, a depender da quantidade de dias e do seu estilo de viagem! 

Coisas que você deve saber antes de visitar Veneza

Antes de iniciar a sua aventura italiana em Veneza, você precisa estar preparado para lidar com costumes e as particularidades dessa localidade. Isso tornará a sua viagem mais cômoda e menos estressante, uma vez que já saberá o que pode acontecer ao longo dos seus dias como turista. 

Portanto, confira o que saber antes de ir visitar Veneza:

  • Muitas pontes venezianas são compostas por escadas, o que dificulta a locomoção com bagagens. Por isso, é interessante contratar um serviço de transporte de bagagem;
  • Não há carros pela cidade, uma vez que as ruas são super estreitas e destinadas apenas a pedestres. Assim, a melhor forma de se locomover por Veneza é a pé ou de barco;
  • Fique atento ao fenômeno da “acqua alta”, que é a subida dos níveis da água e ocorre entre novembro e março;
  • Como há muitas pontes, escadas e ruas estreitas em Veneza, você precisa estar preparado para dias de muita caminhada. Então, leve calçados confortáveis e que facilitem a locomoção;
  • Se for visitar Veneza durante o verão, esteja preparado para enfrentar o calor intenso da cidade; 
  • Por ser um ponto extremamente turístico, Veneza fica muito cheia ao longo do ano. Não se estresse com as multidões e tenha paciência para curtir a sua viagem ao máximo!

Saiba o que há de mais belo em Veneza

Veneza é uma cidade repleta de paisagens deslumbrantes. Seus aspectos mais bonitos incluem as gôndolas, os canais sinuosos, a arquitetura histórica e as praças vibrantes. O Grande Canal, a principal via navegável da cidade, oferece vistas deslumbrantes dos palácios que ficam nas margens.

Durante a noite, o brilho suave dos postes de luz lança um ambiente romântico pela cidade, criando uma atmosfera mágica que é verdadeiramente inesquecível. Com certeza Veneza vai demorar para sair do seu imaginário!

Veneza: melhor época para conhecer

A melhor época para visitar Veneza na Itália é durante a primavera (final de março a junho) ou no outono (final de setembro, outubro e novembro). Isso porque nestes meses as temperaturas são amenas, porém melhor do que isso é que a cidade não fica tão lotada de turistas. Além disso, você consegue encontrar melhores opções de acomodação e que, nos meses de primavera ou outono são bem mais acessíveis.

Outra boa justificativa para evitar ir para Veneza no verão (junho a setembro) é que a cidade fica insuportavelmente lotada e com dias muito quentes. Já nos meses de inverno (dezembro a março) você pode dar azar e passar pela ‘acqua alta’, ou enchente, que pode inundar algumas partes da cidade e dificultar o seu passeio.

EuroTrip: Dicas de Como Fazer Uma Viagem Pela Europa

Planejamento de viagem para Veneza

Para aproveitar ao máximo sua viagem a Veneza, planeje seu itinerário com antecedência. Por isso, tente encontrar tempo suficiente para visitar as principais atrações, explorar as jóias escondidas da cidade e saborear a culinária local. Não se esqueça de reservar um tempo para caminhadas e passeios de gôndola, que são experiências venezianas por excelência.

Saiba o orçamento

Um orçamento ideal para uma viagem a Veneza varia de acordo com suas preferências e estilo de viagem. Em média, você pode gastar cerca de € 150 a € 200 euros por dia em acomodações, refeições, atrações e transporte. Você pode economizar dinheiro optando por acomodações econômicas, refeições em trattorias locais e uso de transporte público (o ônibus aquático).

Compre as passagens

Comprar passagens de avião e trem para Veneza não é difícil. Para encontrar passagens de avião, use os portais de busca e sites que comparam os preços como Passagens Promo, Skyscanner, Google Flights ou Kayak. Com eles você consegue comparar preços de voos de diferentes companhias aéreas. Isso ajuda a encontrar as melhores ofertas e economizar dinheiro.

Não esqueça de reservar com antecedência. Portanto, procure reservar seu voo pelo menos 2 a 3 meses antes da viagem, especialmente durante a alta temporada. Uma boa dica é ser flexível com as datas, pois voar durante a semana costuma sair mais em conta. Outra opção é reservar diretamente com a companhia aérea e pesquisar as low cost (baixo custo) como Ryanair e Easyjet, por exemplo.

Companhias Aéreas Low Cost: Conheça as Melhores

Caso você já esteja na Itália e queira visitar Veneza de trem, reserve com antecedência. É que fazendo isso você consegue passagens de trem na Europa mais baratas. Não esqueça de pesquisar no site oficial da ferrovia italiana, Trenitalia, ou no operador privado de trem de alta velocidade, Italo. Esses sites fornecem informações precisas sobre horários, preços e disponibilidade de assentos.

Ingressos para as atrações

Historia de Veneza

Para economizar tempo e evitar longas filas, compre os ingressos para as principais atrações com antecedência, seja online ou através de revendedores autorizados. Para museus e galerias, considere a compra de um ingresso combinado, como o St. Mark’s Square Museums Pass, que dá acesso a várias atrações a um preço com desconto.

No caso do transporte público, considere adquirir o Venezia Unica City Pass, que oferece viagens ilimitadas em ônibus aquáticos e descontos adicionais em outros serviços. É sempre uma boa maneira de economizar dinheiro fazendo reservas com antecedência.

Reserve o hotel

Quando for reservar um hotel em Veneza, não esqueça de escolher um local próximo às atrações que planeja visitar, pois isso minimizará o tempo de deslocamento. Outra dica é ler os comentários de hóspedes anteriores para obter informações sobre a qualidade do hotel e seus serviços.

Por fim, sempre reserve com antecedência para garantir as melhores ofertas e disponibilidade. Além disso, procure hotéis que ofereçam café da manhã de cortesia, pois isso pode ajudar a economizar nos custos das refeições e deixar sua viagem para Veneza mais em conta.

Contrate um seguro de viagem

O seguro de viagem é essencial ao planejar uma viagem para Veneza. Ele vai proteger você de despesas imprevistas relacionadas a emergências médicas, cancelamentos de viagens ou extravio de bagagem.

Para comprar um seguro de viagem, compare diferentes apólices online e selecione aquela que melhor se adapta às suas necessidades e orçamento. Não esqueça de se atentar e ler as letras miúdas para entender bem sobre a  cobertura e exclusões antes de finalizar sua compra.

Viajar barato pela Europa: Guia Com As Melhores

Monte o roteiro de passeios

Crie um roteiro turístico com os passeios que pretende fazer em Veneza. Isso é importante por vários motivos, primeiro porque vai melhorar sua experiência na viagem e possibilitar que você aproveite ao máximo seu tempo nesta cidade única. Lembre-se: Veneza é uma cidade com inúmeras atrações, museus, igrejas e tesouros escondidos.

17 Principais pontos turísticos de Veneza

Veja agora os cinco principais pontos turísticos de Veneza e os motivos que fazem com que você tenha que visitá-los:

01- Piazza San Marco

A Piazza San Marco, muitas vezes chamada de Praça de São Marcos, é a principal praça pública de Veneza e um dos marcos mais emblemáticos da cidade para visitar. Ela é o centro da vida veneziana há séculos e abriga alguns dos mais importantes tesouros históricos e arquitetônicos da cidade. 

A praça foi fundada no século IX, quando a Basílica de São Marcos original foi construída. Com o tempo, a praça se expandiu e evoluiu, com a adição de vários edifícios e monumentos. Ela é cercada por impressionantes obras arquitetônicas que exibem uma mistura dos estilos bizantino, gótico e renascentista.

Você viu? Cidadania Italiana: Como Funciona e Quem Tem Direito [Guia]

02- Basilica di San Marco

A Basílica di San Marco é a principal catedral da cidade, está localizada no coração da Piazza San Marco e serve como um símbolo arquitetônico e artístico de Veneza.A igreja original no local data do século IX, construída para abrigar as relíquias de São Marcos, o Evangelista, que foram trazidas de Alexandria, Egito, para Veneza.

Contudo, a atual basílica foi construída entre os séculos XI e XII e passou por inúmeras adições e restaurações ao longo dos anos. Sua arquitetura é um exemplo requintado da arquitetura ítalo-bizantina, refletindo as influências culturais e artísticas do Oriente e do Ocidente. 

O exterior da basílica é adornado com uma infinidade de arcos, cúpulas e esculturas ornamentadas, bem como mármore e pedra importados de várias partes do Mediterrâneo.

03- Torre do Campanário

A Torre do Campanário, ou Campanile di San Marco, é um símbolo importante de Veneza. Também na Piazza San Marco, a torre oferece vistas panorâmicas da cidade e da lagoa circundante. Ela foi originalmente construída no século IX como torre de vigia e farol. Ao longo dos séculos, a torre sofreu várias modificações, incluindo a adição de um campanário e a substituição da estrutura de madeira por uma de tijolo mais durável.

No entanto, em 14 de julho de 1902, a torre desabou inesperadamente, causando danos significativos aos edifícios circundantes, mas, felizmente, sem perda de vidas. A estrutura atual é uma reconstrução fiel do original, concluída em 1912. Tem uma altura de 98,6 metros e apresenta uma mistura de estilos arquitetônicos, incluindo românico, gótico e renascentista.

Tour pela Europa: Custos, Dicas e 20 Roteiros Incríveis

04- Palazzo Ducale

O Palazzo Ducale é um marco histórico e arquitetônico de Veneza. Localizado na Piazza San Marco, serviu como residência do Doge, a mais alta autoridade da República de Veneza e sede do governo veneziano. Sua história remonta ao século IX, mas a estrutura atual foi construída entre os séculos XIV e XV.

O palácio era o epicentro do poder político veneziano, abrigando vários escritórios do governo, tribunais e apartamentos privados do Doge. Sua arquitetura é um belo exemplo do estilo gótico veneziano, caracterizada por sua fachada ornamentada, arcos elegantes e distintas janelas quatrefoil.

05- Ponte dos Suspiros

Ponte dos Suspiros Veneza

A Ponte dos Suspiros, ou Ponte dei Sospiri em italiano, é uma ponte famosa e romântica de Veneza que você precisa colocar no seu roteiro de viagem. Pertinho da Piazza San Marco, a ponte fechada de calcário atravessa o Rio di Palazzo e conecta o Palácio Ducal às prisões históricas. Ela foi construída em 1600, projetada pelo arquiteto Antonio Contino.

A construção da ponte fazia parte de um plano mais amplo para ampliar o Palácio Ducal e melhorar as instalações da prisão, que se tornaram superlotadas e insalubres. A ideia é que a ponte pudesse fornecer uma passagem segura e discreta para os prisioneiros transferidos entre os tribunais do Palazzo Ducale e as prisões.

Caracterizada por seu design barroco, com esculturas ornamentadas e delicadas janelas de treliça. O nome da ponte vem da crença de que os prisioneiros suspiravam ao vislumbrar pela última vez a bela cidade de Veneza através das janelas antes de serem conduzidos para suas celas.

Roma: História, Curiosidades,Vida Noturna e Dicas de Turismo

06- Basílica di San Marco

A Basílica di San Marco em Veneza é de um deslumbre magnífico. O ponto turístico, que foi construído em 832, sofreu forte influência do império bizantino, então você poderá perceber muitos detalhes sagrados incrustados no monumento.

Originalmente, a Basílica di San Marco abrigava os restos mortais do Apóstolo São Marcos, depois passou a ser um ponto importante onde os duques da cidade eram consagrados. E hoje é referência da vida pública e religiosa de Veneza, de enorme importância local.

Dica: No portão central existem signos do zodíaco incrustados. Tente encontrar o seu!

07- Tour pelo Grande Canal de Vaporetto

Quando pensamos em Veneza, o que vem à mente, logicamente, são os canais inundados de água por onde passam as charmosas gôndolas venezianas. Mas saiba que existe um de muita importância para o fluxo da cidade, que é o Grand Canal de Vaporetto.

O Grande Canal de Veneza, como também é chamado, possui 4 km de extensão e divide a cidade ao meio. É como se fosse uma grande avenida que permite a movimentação adequada de veículos aquáticos pelo território.

Você pode atravessar o canal pela ponte Rialto (que é a mais antiga da cidade) ou usar um Vaporetto, que é uma embarcação de nível médio levando os cidadãos e visitantes para outro ponto.

08- Burano, Murano e Torcello

Em Veneza existem algumas ilhas próximas que valem a sua visita. São as ilhas de Murano, Burano e Torcello. São três ricos destinos que quase passam despercebidos pelos turistas. 

Na ilha de Murano, que é a mais famosa, encontram-se os conhecidos Cristais de Murano. Já em Burano estão lindas vielas multicoloridas. E por fim, em Torcello, que já foi mais povoada que Veneza, você encontrará um ambiente calmo e com ótimos restaurantes.

Normalmente os passeios fazem uma tour pelas três ilhas de uma vez. Em todas elas estão monumentos e antigos edifícios da história veneziana.

09- Ponte Rialto

veneza por baixo

Como mencionamos, a Ponte Rialto é a mais famosa de toda Veneza. É por ela que cruzamos o Grande Canal de Veneza junto com centenas de outros visitantes. Mas não se engane, a ponte também é um grande centro comercial de alimentos e artigos de arte.

Além da Ponte Rialto, outras 4 permitem atravessar o canal. Mas esta possui uma história marcante e acaba chamando mais atenção. Seu design é outro ponto forte e rende belíssimas fotos para nunca mais esquecer o passeio.

Aproveite a manhã para saborear as delícias do Mercado Rialto. Uma ótima maneira de conhecer a cidade.

10- Igreja Santa Maria della Salute

Na beira das águas azuis de Veneza, descansa um imponente edifício com quase 400 anos de existência. Seu enorme nível de conservação faz deste ponto turístico irresistível de contemplar. É a Igreja Santa Maria della Salute, que venera o fim da peste na Itália.

A igreja é uma homenagem à Virgem Maria, então você encontrará muitos detalhes sobre a santidade. Já na entrada você pode notar a cúpula e o salão octogonal que remete ao útero da Virgem Maria. Aprecie também a obra de  Josse Le Court de Nossa Senhora e seu Filho.

11 – Gôndolas de Veneza

As gôndolas de Veneza são uma das experiências mais icônicas e românticas que a cidade tem a oferecer, imersas em tradição e história.

Um passeio de gôndola precisa estar nos roteiros de viagem de quem vai a Veneza em casal (estejam os casais comemorando datas especiais ou não). Todavia, caso a sua viagem seja entre amigos, familiares ou a trabalho, não deixe esse passeio de fora do seu roteiro! Ele pode, sim, ser super romântico, mas não precisa necessariamente ser.

Explore canais escondidos e aprenda com os gondoleiros, que, muitas vezes, compartilham histórias e fatos sobre a cidade! A gôndola tem suas raízes na Veneza do século 11, e evoluiu ao longo dos séculos até se tornar o barco que conhecemos hoje. 

Historicamente, as gôndolas eram um meio de transporte para os ricos e poderosos de Veneza e, hoje, são um símbolo da cidade e fazem parte de sua identidade cultural – na Itália e fora dela.

Os passeios de gôndola costumam durar cerca de 30 minutos e os preços podem variar – mas ficam mais altos ao pôr do sol e à noite. Visitar Veneza e não fazer um passeio de gôndola significa perder uma parte importantíssima da experiência veneziana. Não perca a oportunidade de se conectar com a história da cidade!

Conheça também o Lago de Como, Itália: Vida Noturna, Hotéis e as 10 Melhores Atrações Turísticas

12 – Mercado Rialto

O Mercado Rialto de Veneza, que fica próximo à icônica Ponte Rialto, é único. Explore suas barracas, experimente o melhor da gastronomia local e, caso você fique hospedado em um Airbnb ou qualquer outra acomodação com cozinha, compre ingredientes frescos por aqui. 

Prove petiscos e pratos tradicionais venezianos em pequenos bares (bacari) e restaurantes próximos ao mercado, que, por sua vez, é dividido em duas seções: o mercado de peixe (pescheria) e o mercado de produtos frescos.

O Mercado Rialto nos leva de volta ao século 11, e sua localização estratégica no Grand Canal é uma de suas principais características. Originalmente, ele era um mercado flutuante, e a ponte e o mercado foram reconstruídos diversas vezes ao longo dos séculos.

Conhecer mais sobre a gastronomia de uma cidade/país diferente dos nossos nunca é demais. Sinta a energia (e os aromas) de Veneza no Mercado Rialto e mergulhe na essência da cidade! 

13 – San Giorgio Maggiore

San Giorgio Maggiore é uma das ilhas de Veneza, e conta com um forte significado religioso e cultural desde o século 8.

Visite a Igreja e o Mosteiro de San Giorgio Maggiore, suba no Campanário da ilha, explore a Fundação Giorgio Cini e os jardins da ilha que, apesar do seu pequeno tamanho, conta com diversos pontos turísticos.

San Giorgio Maggiore é um centro de rica história cultural e artística. A Igreja de San Giorgio Maggiore,  por exemplo, é considerada uma das obras-primas finais de Andrea Palladio, refletindo os princípios da arquitetura renascentista no seu melhor. A ilha e sua igreja também foram retratadas em obras de arte, especialmente nas pinturas do pintor veneziano Canaletto.

O passeio até San Giorgio Maggiore envolve um breve trajeto de vaporetto (barco público) partindo da Praça de São Marcos. Dê uma pausa nas áreas turísticas lotadas da cidade e fuja do óbvio em uma visita até essa ilha cheia de história!

14 – Ilha Murano

Falando em ilhas, conheça mais uma: a Ilha Murano de Veneza.

Murano fica na lagoa de Veneza, e é conhecida por sua longa tradição na arte de soprar vidro. A produção de vidro foi transferida de Veneza para Murano no século 13 para reduzir o risco de incêndios na cidade principal, causados pelas fornalhas de vidro.

Desde então, Murano tornou-se um centro conhecido pela fabricação de vidro, com técnicas e segredos passados de geração em geração. Assista a demonstrações de sopro de vidro, visite museus, igrejas, ateliês de vidro com séculos de história e tradições e explore as galerias e lojas da ilha quando estiver por aqui.

O termo “cristal de Murano” é um mito; na realidade, o vidro de Murano é feito de sílica, soda, cal e potássio. Chegar até a ilha é super fácil via vaporetto (barco público), partindo de Veneza.

15 – Libreria Acqua Alta

onde fica veneza

A Libreria Acqua Alta, em Veneza, é uma das livrarias mais incomuns e encantadoras do mundo. 

A livraria ganhou o nome de “Acqua Alta” (Água Alta) devido à famosa condição de inundação que afeta Veneza. Ela foi aberta por Luigi Frizzo na década de 2000 e, rapidamente, ficou famosa por sua forma nada convencional de armazenar livros, que também serve como uma medida prática contra as inundações.

A decisão de usar gôndolas e banheiras para armazenar livros é uma medida prática (e funcional) contra as frequentes inundações que invadem a cidade, e a livraria é também o lar de vários gatinhos, que deixam o ambiente ainda mais acolhedor.

16 – Bairro Dorsoduro

Dorsoduro é um dos seis sestieri (bairros) de Veneza. Dorsoduro é, tradicionalmente, um bairro de estudantes, artistas e pescadores. A área deve seu nome à sua terra firme (“dorso duro”), o que a tornava menos propensa a inundações e, portanto, um local desejável para o desenvolvimento inicial.

Dorsoduro oferece uma experiência afastada das multidões encontradas em outras partes da cidade. Visite a Galeria da Academia, a Peggy Guggenheim Collection, a Basílica de Santa Maria della Salute e passeie no Zattere, o calçadão de Dorsoduro.

A Universidade Ca’ Foscari de Veneza também fica aqui, além de diversas galerias de arte e ateliês, igrejas históricas, alguns dos melhores bares e restaurantes da cidade e o Squero di San Trovaso, um dos poucos estaleiros remanescentes onde ainda são construídas e reparadas as tradicionais gôndolas venezianas.

17 – Basílica di Santa Maria della Salute

A Basílica de Santa Maria della Salute fica na ponta do “sestiere” de Dorsoduro, onde o Grand Canal se encontra com o Canal da Giudecca.

A igreja foi construída como um oferecimento para a libertação de Veneza da praga de 1630, que dizimou um terço da população da cidade. Sua construção durou mais de 50 anos, começando em 1631 e sendo finalizada apenas em 1687.

A escolha de Maria como protetora é importantíssima, e reflete a devoção da cidade a ela, com a esperança de saúde (“salute” em italiano) e proteção contra futuras pragas.

Não deixe de ler: A Bela Cinque Terre: História, Curiosidades e os 15 Melhores Pontos Turísticos

Confira dicas sobre os ingressos das atrações de Veneza

Quando se trata de aproveitar ao máximo a sua viagem a Veneza, se planejar com antecedência faz toda a diferença – principalmente quando os ingressos para as principais atrações da cidade estão em jogo.

Muitas das principais atrações de Veneza, como o Palácio Ducal e a Basílica de São Marco, por exemplo, permitem a compra de ingressos online. Isso não só economiza tempo, evitando longas filas, mas também pode garantir a sua entrada quando há limitações de visitantes.

Considere adquirir o City Pass, que oferece acesso a várias atrações, museus e transporte público em Veneza e, se você reservar um horário para visitar uma atração, certifique-se de chegar a tempo. Veneza pode ser confusa – é fácil subestimar o tempo de deslocamento entre diferentes locais.

Algumas atrações e museus fecham em dias específicos da semana, geralmente às segundas-feiras. Planeje o seu itinerário com base nisso, verificando antecipadamente os dias e horários de funcionamento.

Melhores restaurantes de Veneza

Veneza é repleta de excelentes opções gastronômicas, que vão de restaurantes com estrelas Michelin a charmosas trattorias familiares. Aqui estão algumas sugestões para experimentar a verdadeira culinária veneziana:

  • Impronta;
  • Osteria Alle Testiere;
  • Ristorante Riviera;
  • Antiche Carampane;
  • Osteria Fanal Del Codega;
  • Al Covo.

Saiba por que Veneza foi construída sobre a água

Os canais de Veneza são um dos maiores marcos dessa localidade. Os passeios de gôndola são a maior atração da cidade italiana, sendo quase uma atividade obrigatória para os turistas. Com certeza, você já pensou em ir a Veneza e aproveitar os seus canais, mas, sabe o porquê dessa cidade ter sido construída sobre a água? Se não, descubra agora! 

A construção da cidade de Veneza não começou da forma como ela é conhecida hoje. No princípio, essa localização não estava sobre água. Porém, ao longo da Idade Média, o povo veneziano precisou se mudar, para fugir de invasões de outras populações. 

Com isso, eles chegaram até o Grande Canal e fundaram a Veneza que é tão popular atualmente. Nessa época, o nível da água não era tão alto quanto o de hoje em dia. Quando esse nível passou a aumentar, a população veneziana decidiu que deveria permanecer e se adaptar, ao invés de procurar novos territórios, criando a cidade sobre a água.

Documentação necessária para visitar Veneza

porque veneza fede

Antes de visitar Veneza, não deixe de conferir se todos estes documentos abaixo estão em dia:

Visto ETIAS

Você não está errado. Para viajar a Itália realmente não é necessário visto e apenas o passaporte. Contudo, a partir de 2024, será necessário a autorização através do Visto ETIAS. Será uma obrigatoriedade para países que não precisam de visto para a Europa.

Esta é uma nova medida de segurança para evitar atos de terrorismo no continente europeu.

Passaporte Válido

O passaporte é o principal documento para se levar em uma viagem para o exterior. É a principal maneira de se manter em segurança. Por isso, lembre-se de verificar se o documento está em dia.

Comprovante de hospedagem

Apesar de não ser necessário nenhum visto para entrar em Veneza, existem diversas normas de segurança para turistas. E algumas delas são em relação ao andamento da viagem. Nesse sentido, certifique-se de reservar uma hospedagem antes de embarcar.

Conclusão

Veneza tem enfrentado desafios relacionados ao excesso de turismo e à preservação da cidade. É que sua beleza cativante e história rica, promete uma experiência inesquecível para os visitantes que viajam para Itália.

Por isso, tente planejar sua viagem com calma para poder mergulhar totalmente nas maravilhas desta cidade flutuante e criar memórias que durarão a vida toda. Vale muito a pena visitar Veneza, pois ela é uma cidade única e encantadora que oferece uma riqueza de história, arte e cultura. Seu charme distinto e atmosfera romântica o tornam um destino de visita obrigatória para viajantes de todo o mundo, especialmente casais.

Aproveite ao máximo sua viagem pela Itália e passe pelo menos uma noite em Veneza!

Comentários:

2 thoughts on “Apaixone-se por Veneza: História, Curiosidades, Atrações e Guia de Viagem Completo

    • Rodrigo Magalhães says:

      Olá tony, muito obrigado pelo seu feedback!Sim,morar na Itália você desfruta de uma rica cultura histórica,
      com sua culinária excepcional,e não podendo deixar de ressaltar seu acesso a paisagens deslumbrantes e um estilo de vida exuberante. Um abraço e até!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pesquisar

eSIM Grécia: Como Contratar, Valores, Planos e Alta Conexão

Vai Viajar? Simule seu plano de internet

arrow-dropdown.png
arrow-dropdown.png
arrow-dropdown.png
arrow-dropdown.png

eSIM Bélgica: Como Contratar, Planos e Benefícios Imperdíveis

eSIM Inglaterra: Planos Personalizados, Alta Cobertura e Contratação

Leia mais

Seul é uma cidade sul-coreana repleta de atratividades para os turistas, possibilitando os mais variados tipos de experiências culturais, históricas e turísticas.  E, como toda viagem pode se tor(...)

Leia mais

Connecticut é um belíssimo estado dos Estados Unidos, oferecendo aos seus visitantes muitas paisagens de tirar o fôlego, pontos turísticos, cultura e história. Uma viagem para esse destino é sens(...)

Leia mais

Viaje tranquilo com o eSIM Grécia: internet ilimitada, suporte 24 horas e ativação instantânea! Não é da noite para o dia que se planeja uma viagem à Grécia, mas é em segundos que se adquire um e(...)

Leia mais

Colorado é um dos 50 estados estadunidenses e possui uma beleza natural fantástica, que encanta a qualquer pessoa. Se você está pensando em visitar esse belo destino, pode ter a certeza de que nã(...)

Leia mais

Uma visita à Albânia é uma vivência inesquecível e que foge das tradicionais relacionadas à Europa. Esse pequeno país é uma grande fonte de diversão, história e cultura, proporcionando uma experi(...)

Leia mais

Uma viagem à Turquia é uma mega experiência cultural, oferecendo diversas aventuras idiomáticas, gastronômicas, interpessoais e turísticas de modo geral.  Mas, para ela ficar ainda melhor, você p(...)

Leia mais

Viajar para a França já é, por si só, uma experiência fantástica e, sem dúvidas, inesquecível. Mas, com o auxílio de um bom eSIM internacional, essa jornada consegue ficar ainda melhor!  Esse equ(...)

Leia mais

Diga adeus aos chips físicos e olá ao futuro com o eSIM Espanha da AmericaChip – simplicidade na palma da mão. Ao longo da história, a tecnologia tem simplificado nossas vidas (e nos conectado de(...)

Leia mais
Clique aqui e tire suas dúvidas 24h