Estados Unidos

Tudo o Que Você Precisa Saber para Criar a Carta-convite EUA Perfeita

carta convite para trabalhar nos estados unidos

Muitas pessoas têm dúvidas acerca dos documentos necessários para viajar para o exterior principalmente quando se trata dos Estados Unidos.

A carta-convite é muito importante em todo o processo. Pensando nisso, preparamos um guia completo para que você consiga a sua de forma correta. De uma vez por todas você saberá o que é e como montar uma carta-convite perfeita para sua viagem. Confira!

Entenda o que é uma carta-convite EUA

A maioria não sabe o que é a carta-convite EUA e qual é a sua função, o que é natural porque não é um documento muito falado quando se pensa em um planejamento de viagem.

A carta-convite é literalmente uma espécie de carta, que deve ser redigida pelo o anfitrião de onde você vai se hospedar nos Estados Unidos. Ela deve existir se você for ficar na casa de algum parente ou amigo, ou até mesmo no caso de prestar algum serviço na casa de alguém em troca de hospedagem. 

A sua função é para a comprovação de onde você vai ficar no seu período de turismo no país. Sendo que sua existência é extremamente importante para a solicitação do visto e também para passar pela imigração estadunidense. Lembrando que se seu caso for de ficar em alguma rede de hotelaria, não é necessário possuir essa carta, somente o comprovante de reserva. 

America Chip: Conexão 5G nos EUA

America Chip Conexão 5G nos EUA

Dentro do seu planejamento de viagem, além da carta-convite, você precisa  ficar atento à sua conexão durante sua viagem aos Estados Unidos. Por isso, garanta o seu plano EUA com conexão 5G limitada ainda no Brasil.

Evite perrengues e compartilhe tudo com seus amigos e parentes com a melhor internet do mercado. Você ainda tem a opção de contratar o seu eSim, uma tecnologia que permite conexão 5G sem a necessidade de um chip físico. Aproveite e compre agora o seu!

Saiba como você pode conseguir uma carta-convite EUA

Conseguir uma carta-convite EUA não é algo difícil, principalmente se a pessoa que for te dar a carta já tiver algum tipo de relação com você. Seu processo de construção pode ser um pouco burocrático, mas em geral é bem simples também. 

O primeiro passo para obtê-la é comunicar a pessoa residente no país, que vai te hospedar, que ela vai precisar criar esse documento. Logo após isso, você deve listar todos os requisitos que essa carta precisa conter para ser válida e começar a criação. Confira tudo o que essa carta deve conter. 

Principais exigências para criação da carta-convite EUA

Existem coisas que sua carta-convite EUA precisa conter . São essas exigências que diferenciam essa carta como um documento válido de uma carta comum. 

Um dos principais requisitos é que essa carta deve ser escrita por um cidadão estadunidense ou então um morador legalizado do país. Sem contar que nela deve conter uma breve explicação da relação que existe entre você e a pessoa, por exemplo se são parentes ou amigos.

Números dos documentos( passaporte ou número de registro) dos envolvidos devem estar presentes também, como também a intenção da viagem e o período que a mesma será feita.

Dicas de como fazer uma carta convite

Para que fique ainda mais claro a elaboração da carta convite EUA, juntamos algumas dicas que podem facilitar a criação e  ainda deixar mais dinâmico todo processo. 

E fique despreocupado, temos certeza que seguindo esses passos, você fará a carta ideal.

O responsável por fazer a carta convite

É imprescindível que quem elabore sua carta seja um morador legal dos Estados Unidos. Além disso, se ele possuir níveis de estabilidade no país, com meses de residência, emprego e bons costumes, trará ainda mais credibilidade. O responsável pela carta, também deve ter mais de 21 anos.

Língua oficial do seu país de destino

Precisa de carta convite para entrar nos Estados Unidos

A carta-convite EUA precisa necessariamente ser escrita em inglês, já que é a língua oficial do país. Com letra o mais legível possível. Algo muito importante que se deve atentar, é que essa carta vai ser validada com uma documento e por isso não deve ser estrita de forma informal demais, deve conter o mínimo de formalidades nas palavras e conjugações. 

Manuscrita ou digitada?

Muitos ficam em dúvidas se a carta-convite EUA, deve ser manuscrita ou digitada, e a respostas é que não existe nenhuma norma específica para isso. Então, ela pode ser escrita das duas formas, porém o mais indicado é que ela seja na forma digitada. Isso porque facilita a compreensão e possui um aspecto mais documental.  

Reconhecimento em cartório

Para que a carta-convite se torne um documento é necessário que se faça o reconhecimento em cartório, isso porque somente assim o país pode fazer a validação. Mas lembre-se de que a carta-convite EUA deve ser registrada em cartório nos Estados Unidos. E assim você pede para que a pessoa te envie por correio para que consiga levar junto com os demais documentos para tirar o visto americano.

Informações necessárias na carta

A carta deve conter os seguintes dados dos envolvidos. Nomes completos, número de registro ou passaporte, data de ida e data de volta, história que comprove a ligação entre as pessoas e motivo para viagem. Essas informações são as mais básicas que não podem faltar de forma alguma na sua carta-convite EUA.  

Confira um modelo de carta-convite EUA

como fazer uma carta convite para um estrangeiro

E para facilitar a hora da sua criação da carta-convite, nós separamos um modelo para que você consiga se inspirar. Mas não se esqueça que ela deve ser escrita em inglês e preencher da forma que mais adequada a sua circunstância. 

  • Mês, dia, ano
  • Nome do anfitrião
  • Telefone
  • E-mail

Respectivo  a relação entre ( nome do viajante) de passaporte (xxxxxx)

Eu( nome do anfitrião),(idade),(nacionalidade),(profissão), número de identificação(xxxx), venho por meio desta carta confirmar a visita do meu( amigo, primo, irmão…)( nome do visitante mais passaporte),em minha casa. O qual convidei para passar a temporada  em minha residência de( dias de viagem), (na cidade e estado e país). Com o propósito ( de férias, eventos, vista familia…). Sendo assim, alego que ( nome do hóspede) ficaria hospedado em minha casa, nessa viagem de turismo arcando com todas as despesas financeiras.

Em anexo segue os documentos que comprovem a minha nacionalidade e endereço. Estou à disposição de qualquer informação adicional que for preciso. Atenciosamente (nome do anfitrião)

(assinatura do anfitrião)

Comentários:

296 thoughts on “Tudo o Que Você Precisa Saber para Criar a Carta-convite EUA Perfeita

  1. Lea S. says:

    Bom Dia!
    Sou residente permanente e moro em Utah, vou custear o visto assim como despesas de viagem da minha para vir nos visitar. Ela e aposentada. Documentacao minha sera carta de custeador notorizada, copia do green card, driver license, certidao de nascimente, carta do meu empregador. Nao gostaria de enviar por minha mae meu imposto de rende. Pergunto se estariamos bem preparadas com essa documentacao e se caso necessario posso enviar minhas financas diretamente ao consulado?
    Obrigada!!

    • Rodrigo Magalhães says:

      Olá Lea, tudo certo?Aqui está uma análise da documentação que você pretende fornecer:
      Carta de Custeador Notarizada: Este é um documento importante que mostra o seu compromisso em custear a viagem e a estadia de sua mãe nos Estados Unidos. Certifique-se de que a carta seja clara, detalhada e assinada, e que seja notarizada para adicionar autenticidade.

      Cópia do Green Card e Carta de Motorista: Estes documentos servem como prova de sua residência nos Estados Unidos e sua identidade. Eles são importantes para demonstrar sua relação com o país e sua capacidade de fornecer suporte financeiro.

      Certidão de Nascimento: A certidão de nascimento pode ser necessária para comprovar o relacionamento familiar entre você e sua mãe.

      Carta do Empregador: Esta carta pode ser útil para demonstrar sua estabilidade financeira e capacidade de custear a viagem de sua mãe. Certifique-se de que a carta seja oficial e contenha informações relevantes sobre sua situação de emprego e renda.Em relação ao envio de informações financeiras diretamente ao consulado, é melhor entrar em contato diretamente com o consulado para confirmar se isso é possível e quais são os procedimentos,recomenda-se que sua mãe também forneça documentos que comprovem seus vínculos com o país de origem,cada caso é único e que a decisão sobre a concessão do visto é tomada pelo oficial consular com base em uma variedade de fatores.Boa sorte e fecilcidades ao rever sua mãe!Abraços!

  2. Rosa says:

    Boa tarde Rodrigo, estou com uma dúvida sobre a carta convite.
    Minha irmã vai fazer uma para mim e minha filha levar no dia da entrevista no consulado.
    Preciso falar que tenho uma carta convite dela? Ou eles já vão me perguntar se ela fez para mim?

    Obrigado

    • Rodrigo Magalhães says:

      Olá, Rosa, tudo bem? Quando você for à entrevista no consulado, é importante fornecer todas as informações relevantes de forma proativa. Isso significa que você deve mencionar que tem uma carta convite preparada por sua irmã para apresentar durante a entrevista.

      Ao chegar ao consulado, os funcionários provavelmente lhe farão uma série de perguntas sobre sua viagem planejada, seu motivo de visita aos Estados Unidos, seu relacionamento com sua irmã e outros detalhes. Nesse momento, você deve mencionar que sua irmã preparou uma carta convite como parte do processo.

      Lembre-se de que a carta convite é um documento de apoio que pode ajudar a comprovar o propósito da sua visita e sua relação com a pessoa que está convidando você. Certifique-se de trazer uma cópia impressa da carta convite para apresentar durante a entrevista, juntamente com outros documentos relevantes que apoiem sua solicitação de visto.

      Seja honesto e transparente durante a entrevista e forneça todas as informações solicitadas pelos funcionários do consulado. Isso ajudará a garantir que seu processo de solicitação de visto ocorra da maneira mais suave possível. Boa sorte e sucesso !

  3. Rosa says:

    Boa tarde Rodrigo, estou com uma dúvida sobre a carta convite.
    Minha irmã vai fazer uma para mim e minha filha levar no dia da entrevista no consulado.
    Preciso falar que tenho uma carta convite dela? Ou eles já vão me perguntar se ela fez para mim?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Olá, Rosa, tudo bem? Quando você for à entrevista no consulado, é importante fornecer todas as informações relevantes de forma proativa. Isso significa que você deve mencionar que tem uma carta convite preparada por sua irmã para apresentar durante a entrevista.

      Ao chegar ao consulado, os funcionários provavelmente lhe farão uma série de perguntas sobre sua viagem planejada, seu motivo de visita aos Estados Unidos, seu relacionamento com sua irmã e outros detalhes. Nesse momento, você deve mencionar que sua irmã preparou uma carta convite como parte do processo.

      Lembre-se de que a carta convite é um documento de apoio que pode ajudar a comprovar o propósito da sua visita e sua relação com a pessoa que está convidando você. Certifique-se de trazer uma cópia impressa da carta convite para apresentar durante a entrevista, juntamente com outros documentos relevantes que apoiem sua solicitação de visto.

      Seja honesto e transparente durante a entrevista e forneça todas as informações solicitadas pelos funcionários do consulado. Isso ajudará a garantir que seu processo de solicitação de visto ocorra da maneira mais suave possível. Boa sorte e sucesso !

  4. marina crissi says:

    ola pessoal do americanchip, tudoo bem?? moro nos estados unidos a 5 anos e meus pais e irmao estao pra tirar visto, tenho a driver s license com meu endereco e algumas outras contas em meu nome, moro com meu namorado e nao tenho aluguel no meu nome, pode dar problema?

  5. marina de almeida crissi says:

    ola pessoal do americanchip, tudoo bem?? moro nos estados unidos a 5 anos e meus pais e irmao estao pra tirar visto, tenho a driver s license com meu endereco e algumas outras contas em meu nome, moro com meu namorado e nao tenho aluguel no meu nome, pode dar problema?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Olá Marina, tudo bem? Se você está nos Estados Unidos legalmente e tem uma carteira de motorista válida com seu endereço, juntamente com outras contas em seu nome, é um bom sinal para provar seu endereço e sua residência. No entanto, é importante entender que o processo de solicitação de visto para seus pais e irmão pode variar dependendo do tipo de visto que estão solicitando e de outros fatores individuais.

      A presença de documentos que comprovem seu endereço e residência pode ser útil para mostrar que você tem uma base estabelecida nos Estados Unidos e pode oferecer suporte à sua família. No entanto, os oficiais consulares analisam cada caso individualmente e podem solicitar documentos adicionais ou realizar entrevistas para verificar os detalhes da solicitação de visto.

      O fato de você morar com seu namorado e não ter um contrato de aluguel em seu nome pode não ser um problema, desde que você possa fornecer outros documentos que mostrem seu endereço e residência nos Estados Unidos. No entanto, é sempre recomendável fornecer informações precisas e completas durante o processo de solicitação de visto.

      Se você tiver dúvidas específicas sobre o processo de solicitação de visto para seus pais e irmão, é aconselhável entrar em contato com a embaixada ou consulado dos Estados Unidos para obter orientações específicas sobre os requisitos e procedimentos necessários para a solicitação de visto de visitante ou outro tipo de visto apropriado para eles. Boa sorte e abraços!

  6. Edson Ferreira da Costa Junior says:

    Eu já tenho visto de turismo, preciso de carta convite para entrar nos EUA? Vou viajar para lá e gostaria de ficar na casa da minha amiga.

    • Rodrigo Magalhães says:

      Olá Edson, tudo bem? Bem no seu caso,geralmente não precisa de uma carta convite para entrar no país. No entanto, ter uma carta convite pode ser útil para comprovar o propósito da sua visita e o local onde você pretende ficar hospedado.Embora a carta convite não seja obrigatória, é uma boa prática tê-la, especialmente se você planeja ficar na casa de um amigo ou familiar durante a sua estadia nos EUA. Boa viagem e aproveite bem ! Abraços !

  7. Emanuel Soares says:

    Ola Rodrigo, em 2021 namorava uma americana, ela veio duas vezes ao Brasil, uma delas na duração de 1 mês. tentei o visto B1B2, coloquei minha real intenção, de estar namorando uma americana e de que gostaria de conhecer a família dela pessoalmente, enfim, fui negado! Aconteceu varias coisas na minha vida e agora em 2024 estou a 1 ano e 6 meses morando em Portugal, com Autorização de residência, e em fase de legalização. Estou preenchendo o Formulário DS160 outra vez para tentar ir inicio do ano que vem 2025, no formulário tem uma parte para descrever como foi e porque fui negado no ultimo visto, então eu relatei isso que eu gostaria de ir conhecer a família da minha namorada, obviamente eles acharam que eu iria ficar de vez e me negaram, vale ressaltar que antes desse, eu tive outros dois vistos negados em 2018 e 2019. Acha valido de eu deixar esse relato nesse novo formulário que estou preenchendo?
    Estou indo ficar algumas semanas na casa de um amigo de infância americano naturalizado brasileiro, que esta a uns 3 anos morando nos EUA e em processo para conseguir o Green Card para os pais brasileiros…
    Ele vai me enviar a carta convite e os meus dados de estadia estão preenchido com as informações dele.

    • Rodrigo Magalhães says:

      Olá Emanuel, tudo bem?Sim, é válido incluir essa informação sobre suas tentativas anteriores de obtenção do visto e as razões para a recusa, especialmente se a situação mudou desde então. No seu caso, parece que você está indo para uma visita temporária aos Estados Unidos, e não com a intenção de imigrar permanentemente. Explicar claramente sua situação atual e as circunstâncias da sua visita planejada pode ajudar os oficiais de imigração a entenderem suas intenções genuínas.Lembre-se de que, apesar de todas as informações fornecidas, a decisão final sobre a concessão do visto ainda cabe aos oficiais de imigração durante a entrevista.boa sorte e boa viagem !

  8. Renata Carneiro says:

    Oi Rodrigo, tudo bem?
    Poderia me esclarecer uma dúvida? Eu tenho visto B2, morei com uma família americana, legalmente, durante 6 meses no Texas. Aqui no Brasil, casei e tive filhos. Agora queremos visitar minha família americana. Estou preenchendo o DS-160 do meu marido para visto de turismo. A dúvida é sobre qual atitude facilitará conseguir o visto: preencho os dados com endereço dessa família no Texas (e carta convite), OU preencho como intenção de passeio na Disney por exemplo??? Dizem que o fato de eu demonstrar vínculo com Americanos não é vantajoso para conseguir o visto… Estou numa dúvida cruel. Agradeço a compreensão.

    • Rodrigo Magalhães says:

      Olá Renata, tudo bem? Ao preencher o DS-160 para o visto de turismo do seu marido, é importante fornecer informações precisas e honestas sobre a visita aos Estados Unidos. Aqui estão algumas considerações:
      Intenção da visita:
      Carta convite devidamente preenchida:
      Outras atividades planejadas:
      Vínculos com o Brasil:
      Documentação de apoio:
      Lembrando que a transparência e a consistência nas informações fornecidas são essenciais. Boa viagem e abraços!

  9. Maria says:

    Olá Rodrigo. Um ex namorado me convidou para passar 5 meses na casa dele nos EUA (tempo suficiente para que o visto não vença), ele tem interesse em me encontrar pessoalmente, convivermos uns meses e saber se daríamos certo novamente. Ele é legalizado e gostaria de saber se ,ele fazendo essa carta convite e colocando esses fatores, atrapalharia na aplicação de um visto de turista, tendo em vista que eu estou indo revê-lo, se eles poderiam enxergar isso como uma forma de ficar de vez. Ele mora há 12 anos nos EUA. Realmente não pretendo ficar ilegal no país, e se esse relacionamento der certo, voltaria alguns meses depois afim de legalizarmos a união. O que me aconselha?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Olá Maria, tudo bem? É importante abordar essa situação de maneira honesta e transparente ao solicitar um visto de turista para os EUA. Seu plano de visitar um ex-namorado que mora lá pode gerar algumas preocupações para os oficiais consulares durante o processo de visto, especialmente se houver a possibilidade de reacender um relacionamento e permanecer por um período prolongado.Segue algumas dicas:
      Carta convite:
      Documentação de apoio:
      Entrevista consular:
      Plano de retorno:
      Flexibilidade de datas:
      A concessão do visto é decisão discricionária do oficial consular, e cada caso é avaliado individualmente. Se houver alguma dúvida ou preocupação sobre suas intenções, isso pode afetar a aprovação do visto. Boa sorte e até! Abraço

    • Florbela says:

      Bom dia, o meu namorado está a fazer doutoramento na california mas está um pouco doente e não consegue ficar sozinho, há alguma maneira de eu poder ir viver para lá com ele até ele terminar os estudos? Obrigada

      • Rodrigo Magalhães says:

        Olá Florbela, tudo bem? Existem várias opções que você pode considerar para viver com seu namorado na Califórnia enquanto ele conclui seu doutorado:
        Obtenção de visto de estudante ou trabalho, Visto de visitante prolongado, Programa de intercâmbio ou estudo, Trabalho remoto, independentemente da opção escolhida, é importante entender os requisitos de visto e as regulamentações imigratórias dos Estados Unidos. Considere consultar um advogado de imigração para obter orientação específica para a sua situação. Boa sorte e sucesso !

  10. Poco says:

    Oi Rodrigo! Tudo certo?
    Eu e meu namorado estamos indo visitar uma amiga em NY. Ele é cidadão italiano e meu passaporte é brasileiro. Ambos temos vistos americanos e passagens de ida e volta compradas.
    Preciso pedir para nossa amiga fazer duas cartas separadas, um por pessoa, ou uma carta que abrange nós dois como casal? O que seria melhor?
    Outra dúvida, estou muuuito envergonhada de ter que pedir para ela ir até um cartório lá registrar…posso simplesmente levar a carta não registrada ou registrar a carta eu mesma aqui no Brasil?
    Obrigada!

    • Rodrigo Magalhães says:

      Olá Poco, tudo bem? É uma boa prática ter uma carta convite. No seu caso, como você e seu namorado estão viajando juntos, a abordagem mais comum seria que cada um de vocês recebesse uma carta convite separada.Quanto à autenticação ou registro da carta, isso pode depender das políticas específicas da Embaixada ou Consulado dos Estados Unidos que processa os vistos. Em geral, ter uma carta convite autenticada ou registrada pode fornecer uma confirmação adicional da autenticidade do documento. No entanto, muitas embaixadas e consulados não exigem esse procedimento e aceitam cartas não registradas.Lembre-se de que as regras e procedimentos podem mudar, por isso é sempre bom verificar as informações mais recentes antes de sua viagem.E abraços !
      Olá Joyce, tudo bem?Se você está morando nos EUA há dois anos e está aguardando o ajuste de status, já deve ter algum tipo de documentação, como um ID da Flórida, que pode ser usado como comprovante de residência, ter uma carta convite ainda pode ser uma medida prudente para ajudar a demonstrar o propósito da visita, verifique as orientações específicas do Consulado dos EUA no país de origem delas para garantir que estejam cientes de todos os requisitos e documentos necessários para a visita. Em alguns casos, a carta convite pode não ser obrigatória, mas ter uma pode facilitar o processo de entrada nos EUA.Boa viagem e abraços!

    • Claudia says:

      Conheci um homem pela internet ele vai fazer carta convite p ir conhece lo e se relacionarmos .irei ficar 30 dias na casa dele . Qual tipo de visto tenho que pedir

      • Rodrigo Magalhães says:

        Olá Claudia, tudo bem? Bom,nesse caso o recomendado é solicitar um visto de turista.O processo pode levar algum tempo, portanto, é aconselhável iniciar o processo de solicitação de visto com antecedência. No mais, boa sorte e boa viagem! Abraços.

  11. Katya says:

    Olá Rodrigo! Gostaria de saber, se mesmo já tendo o visto, eu ainda tenho que comprovar vínculos com o Brasil. Pois gostaria de ir passear porém trabalho por conta própria

    • Rodrigo Magalhães says:

      Olá Katya, tudo bem?As exigências para vistos e viagens podem variar devido mudanças constantes de normas, porém muitos países solicitam que os viajantes demonstrem vínculos com seu país de origem para garantir que não tenham a intenção de permanecer ilegalmente no destino.
      Ter um visto é um passo importante, mas algumas autoridades de imigração podem ainda solicitar evidências de vínculos fortes com o Brasil. Esses vínculos podem incluir:
      – Vínculos de emprego .
      – Propriedade(s).
      – Vínculos familiares.
      -Conta bancária e atividades. financeiras.
      -Itinerário de viagem.

      • Rodrigo Magalhães says:

        Olá Margareth, tudo bem? Sim, é altamente recomendável iniciar o processo de solicitação de visto com antecedência, pois o tempo necessário para a obtenção do visto pode variar significativamente de acordo com o país e o tipo de visto solicitado.Certifique-se de consultar o site oficial da embaixada ou consulado do país de destino para obter informações específicas sobre os prazos e os procedimentos de visto. Boa viagem e sucesso! Abraços.

  12. Monique Oliveira says:

    Bom dia, Rodrigo
    Pode me tirar uma dúvida, por gentileza..?
    Pretendo ir visitar minha irmã em breve, ela é aupair e vive com a família americana. O chefe dela vai fazer uma carta convite para que eu possa tentar ao menos tirar o visto. Ele pode enviar por e-mail e eu autentico aqui?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Olá Monique, tudo bem?A carta convite não é um requisito formal para solicitar um visto de turista para os Estados Unidos, mas pode ser útil para fornecer informações adicionais sobre a natureza da sua visita.Em relação à autenticação da carta, o processo pode variar. Os procedimentos exatos dependem das políticas específicas da Embaixada ou Consulado dos EUA no Brasil. Geralmente, uma carta eletrônica pode ser aceitável, mas a autenticação pode ser necessária para verificar a autenticidade do documento.A autenticação normalmente é feita através de reconhecimento de firma em cartório. Se o chefe de sua irmã puder assinar a carta, e essa assinatura for reconhecida em cartório, isso pode ser suficiente.Certifique-se de fornecer todos os documentos necessários e esteja preparado para explicar claramente o motivo da sua visita durante a entrevista no Consulado ou Embaixada dos EUA.Boa viagem abraços e até mais !

      • fernando says:

        Rodrigo, boa noite!
        No ano de 2014 tentei pela primeira vez tirar meu visto, ainda na faculdade, resumindo não fui aprovado, confesso que não tinha muitos vínculos. esperei 8 anos para tentar novamente , ” Só lembrando que em 2014 me questionaram por que minha esposa não foi comigo” ai fui com a esposa e filha . Eu servidor publico “policial” minha esposa proprietária de salão , eu fazendo outra faculdade, carro, moto, estabilidade, preciso pedir permissão para sair do pais etc. A irmã da minha esposa esta lá a mais de 14 anos casada com americano, filha tudo legalizada. O irmão da minha esposa já foi vaias vez para lá, minha sogra também , ai fomos em 2022 tentar e negado de novo sem analisar nenhum documento. Não teria uma forma de entrar em contato para saber o motivo da negação? obrigado pela atenção

        • Rodrigo Magalhães says:

          Olá Fewrnado, tudo bem? Então,sobre suas dificuldades com o visto. Infelizmente, o processo de obtenção de visto para os Estados Unidos pode ser complexo e, às vezes, frustrante. Aqui estão algumas sugestões sobre o que você pode fazer após uma negação de visto:

          Revisão da Carta de Negação:

          Normalmente, ao receber uma negação de visto, você deve receber uma carta explicando os motivos da recusa. Leia atentamente essa carta para entender as razões específicas.
          Contato com o Consulado:

          Se a carta de negação não for clara ou se você precisar de mais informações, entre em contato com o consulado ou a embaixada dos EUA. Eles podem fornecer esclarecimentos adicionais sobre a decisão.
          Reavaliação da Aplicação:

          Dependendo dos motivos da negação, você pode optar por corrigir ou fornecer informações adicionais para reforçar sua aplicação. Isso pode incluir documentos adicionais que comprovem laços familiares, vínculos empregatícios, estabilidade financeira, entre outros.
          Assistência Legal:

          Se você continuar enfrentando dificuldades, considere buscar a ajuda de um advogado de imigração especializado em vistos dos EUA. Eles podem orientá-lo sobre como melhorar sua aplicação e ajudar na comunicação com as autoridades competentes.
          Reaplicação:

          Se você acreditar que os problemas foram abordados e resolvidos, pode tentar reaplicar no futuro. No entanto, é crucial entender os motivos da negação anterior para evitar os mesmos problemas.
          Programar uma Consulta Consular:

          Algumas embaixadas ou consulados oferecem a opção de agendar uma consulta consular para discutir a negação em pessoa. Verifique se essa opção está disponível para você.
          Lembre-se de que as leis e políticas de visto podem mudar, e cada caso é único. Recomendo consultar as informações mais recentes no site oficial do Departamento de Estado dos EUA ou buscar a orientação de um profissional de imigração qualificado para obter conselhos personalizados. Boa sorte, feliz ano novo a todos e abraços!

        • Joyce says:

          Olá Rodrigo
          Tudo bem? Moro no eua há 2 anos porém aguardando o ajuste de status (tenho ID da Flórida porem a espera do social e os demais documentos ). Minha irmã e minha sogra vem me visitar em breve porque estou grávida. Eu faço mesmo assim essa carta convite para elas ou não há necessidade? Desde já obrigada

          • Rodrigo Magalhães says:

            Olá Joyce, tudo bem?Se você está morando nos EUA há dois anos e está aguardando o ajuste de status, já deve ter algum tipo de documentação, como um ID da Flórida, que pode ser usado como comprovante de residência, ter uma carta convite ainda pode ser uma medida prudente para ajudar a demonstrar o propósito da visita, verifique as orientações específicas do Consulado dos EUA no país de origem delas para garantir que estejam cientes de todos os requisitos e documentos necessários para a visita. Em alguns casos, a carta convite pode não ser obrigatória, mas ter uma pode facilitar o processo de entrada nos EUA.Boa viagem e abraços!

        • Rodrigo Magalhães says:

          Olá Monique, disponha sempre que precisar! Obrigado, feliz ano novo, felicidades e sucesso ! Até mais e abraços !

    • Jonas Americo says:

      Estou indo para Philadelphia em fevereiro. A princípio eu iria me hospedar em hotel mas uma amiga que tem cidadania americana e mora la, me convidou pra ficar na casa dela. A passagem já está comprada desde novembro. A carta convite ainda vale se ela fizer, ou teria que ter feito antes de comprar as passagens?

      • Rodrigo Magalhães says:

        Olá Jonas tudo bem? A carta convite ainda pode ser válida mesmo que tenha sido feita após a compra das passagens. No entanto, é importante considerar que a carta convite é um dos documentos de suporte que você pode apresentar ao solicitar um visto de turista ou ao entrar nos Estados Unidos, mas não é garantia automática de aprovação.
        Certifique-se de ter outros documentos de apoio, como a passagem de volta, comprovantes financeiros, informações sobre seu emprego ou atividades no Brasil, entre outros. Durante a entrevista consular, seja claro e transparente sobre a natureza da sua viagem e suas intenções de retorno ao Brasil.Boa sorte e até ! Abraços

  13. Nathan says:

    Olá, tudo bem? Eu já tenho o visto americano de turista e agora fim do mês estarei indo pela primeira vez para visitar minha irmã que mora lá, eu vou me hospedar durante a viagem na casa dela, é necessário que ela faça uma carta convite para mim passar na imigração? Ela está lá com visto de estudante, ou seria melhor algum amigo dela que seja cidadão americano fazer?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Olá Nathan, tudo bem! Sim,uma carta convite não é estritamente necessária. No entanto, pode ser útil ter alguns documentos adicionais, tais como:
      -Carta de Convite (opcional): Sua irmã ou um amigo cidadão americano podem escrever uma carta convidando você para visitar
      – Comprovantes de Vínculos com o Brasil: Leve consigo documentos que comprovem seus vínculos com o Brasil e sua intenção de retornar após a visita.
      -Cópia do Visto da Sua Irmã: Se possível, leve uma cópia do visto de estudante da sua irmã.
      – Comprovante de Meios Financeiros: É aconselhável ter comprovantes de que você tem meios financeiros suficientes para cobrir suas despesas.
      Lembre-se de que a decisão sobre a entrada nos Estados Unidos é tomada pelo oficial de imigração no ponto de entrada, caso tenha dúvidas específicas ou queira garantir uma viagem tranquila, é sempre recomendável entrar em contato com o Consulado ou Embaixada dos EUA. Boa viagem, aproveite tudo e até mais !

  14. guilherme says:

    Boa tarde Rodrigo, minha noiva esta fazendo doutorado nos Eua, ela mora de aluguel, e na minha DS160 eu coloquei que ficarei na casa dela endereço tudo completo, seria interessante ela me enviar esta carta convite? irei passar natal e reveillon lá.

    • Rodrigo Magalhães says:

      Olá Guilherme, tudo bem? Bem a carta convite é muito útil , pois ela evidencia as suas informações, porém não é oficialmente reconhecida pelo governo dos EUA. Você já deu um passo positivo ao preencher o DS-160, certifique-se da documentação de vínculo com o Brasil, comprovação de renda, roteiro da viagem e carta pessoal. Boa Viagem e até ! Abraços

      • Renira Araújo da Silva says:

        Olá boa noite! Gostaria de saber se há alguma forma ou projeto do governo dos EUA para os Brasileiros trabalharem legalmente no país.

        • Rodrigo Magalhães says:

          Olá Ramira,tudo bem?Então, não existe uma especificação exata de algum programa, porém existem programas de imigração e vistos específicos que podem se aplicar a trabalhadores estrangeiros, incluindo brasileiros, que já estão nos Estados Unidos e desejam permanecer ou buscar outras oportunidades.Alguns pontos a serem considerados:
          * Mudança de Status: Se você já está nos Estados Unidos com um determinado status (por exemplo, estudante ou turista) e deseja mudar para um status de trabalho, é possível que você precise solicitar uma mudança de status. A elegibilidade dependerá do seu caso específico e do visto que você detém.
          * Renovação de Visto de Trabalho: Se você já possui um visto de trabalho nos Estados Unidos, a renovação desse visto pode ser uma opção, dependendo do tipo de visto que você possui.
          *Green Card (Residência Permanente): Se você estiver interessado em permanecer nos Estados Unidos de forma permanente, pode considerar a obtenção de um Green Card (residência permanente). Existem várias categorias de Green Cards, incluindo aqueles baseados no emprego.
          *Naturalização: Para aqueles que desejam se tornar cidadãos americanos, a naturalização é uma opção. No entanto, existem requisitos específicos, incluindo residência contínua e presença física nos Estados Unidos.
          Lembre-se de que as políticas de imigração podem mudar, e é aconselhável consultar o site oficial do Serviço de Cidadania e Imigração dos EUA (USCIS).Abraços e boa sorte.

  15. Danilo Domingos says:

    Olá, boa tarde!

    tenho que termina de preencher o formulário DS160 estou travado na OPÇÃO numero de referencia.
    eu tenho o numero na carta convite mais não sei usar pode ajudar ?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Olá Danilo, tudo bem? Então, verifique se seu aplicativo foi iniciado, tente voltar um estágio para recomeçar no estágio seguinte, caso não consiga prosseguir, clique em “Não”, você será redirecionado para a opção “Criar novo aplicativo ” e preencha os campos obrigatórios.Ciente que o preenchimento do DS 160 é apenas o início de uma jornada. Boa sorte e abraços!

  16. Maria Laura says:

    Ola Boa Tarde. Semana passada minha filha completou 20 anos e teve que passar por entrevista no consulado, seria uma renovação. Já fomos uns 3x para os EUA, a ultima vez 2019 ficou 5 meses e nesse periodo estudou na high school, fomos visitar minha tia (cidadã americana) e eu e meu marido voltamos e ficou(mas nao excedeu o tempo permitido) porém ficou com status de turista .. o visto foi negado (devido a não alteração do status p estudante). O agente consulador nao deu muita chance para ela..não solicitou nenhum docto. Não levou a carta..pois vi muitos comentários e eles não pedem,. Mas agora para tentar novamente minha tia e o marido (ele americano)podem fazer a carta e no momento da entrevista já pode mostrar ? para comprovar q vai fazer turismo mesmo..somente visita a minha tia? Sera que facilitaria o processo?

  17. Leticia says:

    Olá Rodrigo, tudo bem? Eu e meu esposo estamos em processo de residência (holding de documentação) aguardando social. Minha mãe e sogra tem agendamento de entrevista para 21/09 e viagem em dezembro para nos visitar. Elas são aposentadas, tem imóveis e vínculos com Brasil, elas mesmas vão pagar a viagem, mas ficarão em nossa casa em Miami. É obrigatório a carta convite ou esse é um procedimento que auxilia na aprovação do visto delas de turismo ?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Olá Leticia, tudo bem? Bem, a carta convite pode ajudar na veracidade de informações diante das autoridades da imigração, mas não é obrigatório.Porém recomenda se que elas tenhas pois pode influenciar positivamente. É importante que elas se preparem para fornecerem todas as informações requeridas pelo consulado. Espero ter ajudado, boa viagem e feliz encontro a vocês! Abraços!

      • Felizarda Castro Alfredo Catingue Madeira says:

        oi tudo bem e possivel me ajundar a entrar nesse pais para trabalhar e escola dos meus dois filhos

        • Rodrigo Magalhães says:

          Olá Felizarda, tudo bem? Entrar nos Estados Unidos para trabalhar e proporcionar uma educação para seus filhos envolve vários passos e considerações. Aqui estão algumas diretrizes gerais, mas lembre-se de que as leis e regulamentações de imigração podem ser complexas e mudar, portanto, é altamente recomendável consultar um profissional de imigração para orientações específicas ao seu caso:
          Escolha do Visto,Procura de Emprego,Oferta de Emprego e Petição,Petição de Visto,Solicitação de Visto,Considere os requisitos de matrícula e documentos necessários para a inscrição dos seus filhos,Documentação Adicional,
          Lembre-se de que os procedimentos específicos podem variar dependendo do tipo de visto e de sua situação pessoal. Consultar um advogado de imigração é altamente recomendado para garantir que você está seguindo os procedimentos corretos e atendendo a todos os requisitos. Boa viagem e sucesso a vocês! Abraços!

  18. Glauber Gonçalves says:

    Oi, tudo bem?

    Por favor, em vez de reconhecimento em cartório a carta pode ser assinada digitalmente pela empresa que está me chamando para um FAM tour?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Olá Glauber, tudo bem? Sim, a forma de assinatura digital da carta pode ser aceita, porém em alguns casos as leis do país onde irá trabalhar podem variar segundo sua constituição. É importante ressaltar que na carta devem constar as informações direcionadas ao FAM Tour especificamente.No demais, boa viagem e sucesso! Abraços.

      • Danilo says:

        Ola Rodrigo tudo bem? Tenho passaporte italiano e ja realizei o ESTA, vou ficar na residência de meu amigo a carta convite sendo assinada digitalmente é válida?

        • Rodrigo Magalhães says:

          Olá,Danilo, tudo bem!
          O ESTA (Sistema Eletrônico de Autorização de Viagem) é um sistema de isenção de visto para cidadãos de países elegíveis, como a Itália, que desejam viajar para os Estados Unidos a turismo, negócios ou trânsito por até 90 dias. A carta convite não é um requisito oficial do ESTA, mas pode ser útil para a imigração dos EUA como uma evidência adicional do propósito da sua viagem.
          Quanto à assinatura digital na carta convite, geralmente, a assinatura digital é aceita em muitas situações, mas as regras específicas podem variar. Recomendo que você entre em contato com o consulado ou embaixada dos Estados Unidos na Itália para confirmar se a assinatura digital é aceitável para a carta convite no contexto da sua viagem.
          Além disso, é sempre bom verificar as informações mais recentes e as diretrizes do governo dos Estados Unidos para garantir que você esteja ciente de todos os requisitos e procedimentos antes de viajar. Boa viagem e abraços!

  19. ROSANA ESTEVES says:

    Boa noite, Rodrigo!
    Na imigração de Boston posso apresentar cópia da carta convite enviada pela minha amiga por e-mail?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Olá Rosana, tudo bem? É essencial sempre apresentar documentos originais, embora muitos países já aceitam documentos digitalizados, mas ter uma cópia impressa, inclusive da carta convite, é sempre uma boa alternativa. Para que tudo ocorra bem análise todos os pedidos dos órgãos de imigração. No demais, boa viagem e forte abraço!

  20. SUELI TAPIGLIANI BAPTISTA says:

    Ola Rodrigo .. quanto a necessidade para passar na imigração nos EUA é necessário que essa carta convite esteja registrada em cartório americano ?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Olá, Sueli tudo bem? Não, a carta convite pode ser enviada e certificada em cartório aqui no Brasil, apenas garanta sua originalidade e fidelidade de suas informações, pois isso que vale para o oficial, no momento de sua análise. Boa viagem e abraços !

  21. Gabriela says:

    Olá Rodrigo, tudo bem?
    No meu caso estou indo viajar e vou ficar na casa de um amigo nos EUA. Ele é residente aqui no Brasil, a casa nos EUA é de veraneio.
    A carta, para autenticação pode ser levada no Cartorio aqui no Brasil?
    Qual o procedimento nesse caso?

    Obrigada.

    • Rodrigo Magalhães says:

      Olá Gabriela, tudo certo? Sim você deverá autenticar sua carta em cartório desde de que siga algumas prévias tais como: Peça ao seu amigo para redigir a carta formal tomando o cuidado de ser clara e detalhada, se a carta estiver em inglês é necessário sua tradução caso seja necessário a pedido do orgão autenticador, forneça documentos de identidade válidos, pague as taxas, certamente lhe pedirão outros documentos, lembre-se de que os requisitos podem variar é sempre necessário que você obtenha um apoio jurídico caso haja algum impedimento . No demais , boa viagem e até !

  22. Adyr Rodrigues says:

    Ola Rodrigo, eu sou cidadão americano e estou morando nos estados unidos a um ano, vc sabe me dizer se eu posso enviar essa carta-convite para minha namorada, visando maior rapidez e facilidade para que ela possa obter o visto ? o visto K1, infezlimente demora demais para ser aprovado, queria algo que levasse menos tempo.

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Adyr, tudo bem, com certeza você pode fazer a carta para ela e isso pode ajudar no processo, mas infelizmente não acho que vai agilizar. O processo é bem burocrático e bem demorado principalmente depois da pandemia que atrasou tudo ainda mais. Boa sorte. Grande abraço!

      • Carla says:

        Rodrigo, eu moro nos EUA a 4 anos, este ano me casei, e meu filho nasceu aqui ano passado, estou pensando em fazer uma carta convite para a minha mãe e meu irmão que estão com a entrevista do visto marcada para o mês que vem, minha preocupação é a questão de eu ter ficado ilegal e agora ainda estou no processo de legalização. Meu marido faria a carta tranquilamente com todos os requisitos necessário, você acha que vale a tentativa, ou as vezes é melhor não dizer que tem parente aqui?

        • Rodrigo Magalhães says:

          Olá Carla, tudo bem? Essa situação é um pouco delicada, sua mãe e seu irmão devem enviar todas as informações, entretanto o seu processo de legalização pode comprometer o visto deles sim.Então o ideal é que seu esposo faça essa carta. É recomendável que seus parentes procurem assessoria jurídica para ajudar no processo e assim esclarecer outras dúvidas mais burocráticas. Abraços!

    • Antonio Carlos Guimarães Costa says:

      Bom dia, Rodrigo!
      Eu tenho o visto dr turista e passarei 44 dias em LA de férias e ficarei na casa de uma amiga. E claro que tenho o e-ticket de volta. É necessário carta convite enviado por ela por e-mail?

      • Rodrigo Magalhães says:

        Olá Antonio, tudo bem? Sim, a carta convite ajuda na imigração, pois indica que você onde ficar durante sua viagem. A reserva em um hotel teria o mesmo papel. Grande abraço!

        • Márcia Fonseca da Silva Vieira says:

          Olá, Rodrigo Magalhães tudo bem? Desejo que sim.
          Me chamo Márcia e estou namorando um americano, ele vem pra o Brasil em dezembro, logo após dentro de alguns meses pretendo ir aos estudos unidos, como devemos digo eu e meu namorado fazer para que corra tudo bem? Ficaremos noivos em dezembro!!! desde de já agradeço.

          • Rodrigo Magalhães says:

            Olá Marcia, tudo bem? Realmente, ficar noiva de um estrangeiro é muito emocionante e cheio de desafios a serem vencidos. Primeiramente devo ressaltar que você terá pela frente um longo caminho a ser percorrido a respeito da documentação. Certifique-se de que discutir com ele panos e expectativas de modo bem sincero,conheça todos os requisitos como: tipo de visto disponível, conhecido como K1 é frequentemente utilizado no seu contexto. Reúna todos os documentos, pois você precisará de todas as informações possíveis e legítimas para que tudo transcorra bem. Preencham o formulário 1-128 F com total transparência. Aguarde aprovação do USCIs e ocorrendo tudo bem entraram em contato com você para agendamento da entrevista. Lembre-se de que as leis de imigração podem variar, fique bem atenta e caso necessite procure orientação jurídica. Boa sorte e felicidades!

    • Patrícia Meira says:

      Ola Rodrigo, eu tenho o visto americano e estou indo visitar meu namorado americano , devo falar que vou visitar um namorado ? Seria interessante ele me enviar essa carta convite como amigo ou como namorado ?

      • Rodrigo Magalhães says:

        Olá Patricia, tudo bem? É sempre muito importante você ser o mais transparente possível em suas declarações, inclusive de sua relação de namoro. Seu visto será o B2 de turista, na carta convite que ele te enviar deve constar o relacionamento de vocês, quanto mais genuína carta for, melhor será o processo de aprovação.Boa viagem e aproveite bem!

      • Gabriel Mendes says:

        Ola, boa noite, eu venho conversado com um cidadão nativo americano pela internet por 8 meses e nos aproximamos muito mesmo, cogitamos de eu ir para os eua algum dia e eu poder ficar hospedado na casa dele por um tempo, ter essa relação somente pela internet sem ter visto a pessoa pessoalmente antes, pode ser um fator negativo na hora de explicar a minha relação com o cidadão americano que me mandou a carta convite? E atrapalhar a aprovação do visto?

        • Rodrigo Magalhães says:

          Olá Gabriel,tudo bem! A relação que você desenvolveu pela internet pode, de fato, impactar a análise do seu pedido de visto para os Estados Unidos. Os oficiais de visto geralmente examinam cuidadosamente a natureza do relacionamento e os motivos da sua viagem. Aqui estão alguns pontos que podem ser considerados:
          Natureza do Relacionamento: Se a sua relação é puramente virtual e não há evidências substanciais de um relacionamento genuíno, isso pode levantar preocupações. Os oficiais de visto podem questionar a autenticidade do relacionamento.
          Propósito da Viagem: O motivo da sua visita aos Estados Unidos deve ser claro e justificável. Se a visita estiver relacionada a turismo, trabalho ou estudo, é importante que essas intenções sejam claras e respaldadas por documentação adequada.
          Carta Convite: Uma carta convite pode ser um elemento importante, mas ela deve ser bem redigida e incluir informações específicas sobre a natureza da sua visita, o período de estadia, a relação entre você e o anfitrião, e como os custos serão cobertos.

    • Carla souza says:

      Olá boa noite o meu marido já está nos estados unidos a 4 anos e já tem documentos e eu vivo em Portugal tenho 3 filhos com esta carta posso visitar ele durante 90 dias

      • Rodrigo Magalhães says:

        Olá Carla, tudo bem? Bem, vai ser necessário você tirar o visto de turista B-2, mesmo estando na Europa.Necessariamente você terá de ter em mãos todas as informações do DS-160, documentação de residência em Portugal, condição financeira, tempo estimado entre ida e volta. Consulte o site da embaixada para obter informações atuais para não correr o risco de ter de refazer algum documento, pois as leis podem mudar sem prévio aviso.No demais boa viagem e abraços !

  23. Adri says:

    Olá Rodrigo, já tive o viste americano de 10 anos, em 2003 excedi minha estadia no país e sai, qdo voltei tive problemas na entrada e fui deportada. Hoje, moro no Brasil, sou estilista, pps graduanda e trabalhão como figurinista no audiovisual. Tenho tb uma marca de roupas e tenho parceria com uma amiga naturalizada americana com a qual fiz uma collab. O lançamento dessa collab sera em novembro e eu gostaria de estar presente nesse lançamento que ocorrerá em Miami. Gostaria de saber se a carta convite poderia ser uma ajuda a mais para conseguir um visto de negócios. Obrigada

    • Rodrigo Magalhães says:

      Olá Adri, tudo bem? Acredito que você vai conseguir este visto. Muita coisa mudou em sua vida e a situação hoje é outra. Sim a carta convite pode ajudar em muito para sua reinserção no país, forneça também um documento que demonstre seus vínculos fortes com seu país de origem, cumpra todas as regulamentos de visto, demonstre claramente seu propósito comercial também: Detalhes da empresa: Descrição do trabalho: Duração de sua colaboração. Enfatiza a necessidade de você estar presente: Compromisso de retorno: Assinatura e carimbo da empresa: Comprovante de sua ligação com a empresa que vai colaborar e lembre-se de se atualizar nos requerimentos que podem sofrer variações, para que bem satisfatória a decisão do oficial da imigração a seu favor. Boa viagem e sucesso é você! Forte abraço!

      • Emilly Vithoria says:

        É obrigatório o reconhecimento em cartório? Sou menor de idade e minha tia que mora nos estados unidos pretende mandar uma carta dessa, porém não sabíamos que era necessário reconhecimento em cartório, isso pode afetar em grande escala? (Ela quem vai pagar toda a viagem)

        • Rodrigo Magalhães says:

          Olá Emily, tudo bem? Sim, geralmente é necessário fazer registro em cartório para pedidos formais de visto, podendo variar de acordo com cada regulamento do país em questão. Mesmo sua tia te enviando uma carta convite seus responsáveis legais aqui no Brasil podem tratar de sua situação de viagem, para autenticação de documentos,dependendo da finalidade.Lembre-se de que os regulamentos podem mudar, por isso é sempre válido verificar as atualizações e sempre contar com a ajuda de seus responsáveis legais ! Boa viagem e aproveite bem!Abraços.

  24. Fernanda says:

    Olá Rodrigo!
    Eu já tenho o visto americano, nesse caso a carta convite seria mesmo para comprovar estadia caso questionado pela imigração… mesmo assim ela deve ser registrada em cartório e enviada fisicamente? Um arquivo em pdf serviria para esse propósito?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Olá Fernanda, tudo bem? Independentemente do seu visto, é necessário ter a carta convite e apresentá-la ao oficial da imigração de modo físico. Vale ressaltar que quanto mais informações dentro das normas exigidas, isto também vai te ajudar caso haja alguma mudança nova na lei geral de iomigração. Se você ficar em hotéis, por exemplo, a reserva serve como comprovante de estadia. E sim, a carta precisa ser registrada. Sucesso e forte abraço!

  25. neila wolkmer says:

    Olá Rodrigo, Boa tarde!
    Estou com uma situação atípica e preciso de sua orientação para resolver.
    Um casal de brasileiros está nos USA desde 2018, pelo motivo de asilo político (o marido foi sequestrado no Brasil). Já deram entrada no Gren Card e ainda estão no processo. O esposo tem uma empresa na américa, presta serviço e paga legalmente todos os impostos. Eles podem pedir uma carta convite para os pais da esposa? Eles gostariam de passar o natal com eles neste ano?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Olá Neilla, tudo bem? Acredito que a situação de exilado não se caracteriza como situação de iliegal que impediria a realização da carta. O fato dele ter empresa e pagar imposto, mostra que ele tem uma vida civil correta no país. Mas, por sua situação ser muito peculiar, por garantia, verifique no consulado, ok? Grande abraço!

  26. MILENA DO NASCIMENTO EVANGELISTA says:

    Boa tarde rodrigo.
    Meu pai será meu parceiro de viagem, entretanto ele ja possui o visto e ja ate conhece os estados unidos. Eu estou em processo de tirar meu visto. Meu amigo me fará uma carta convite, e neste caso a carta tem que estar em meu nome e do meu pai ou apenas no meu?

    • Rodrigo Magalhães says:

      lá Milena,tudo bem? A carta convite não diz respeito ao processo de visto. A imigração irá solicitar a carta para que você comprove que tem onde ficar. Poderia ser a reserva em um hotel. Se seu pai for ficar na casa dos mesmos amigos ele também precisará de visto. Grande abraço!

  27. Rômulo says:

    Hi Rodrigo, me chamo Rômulo e moro a 12 anos em Toronto no Canadá, seu site tem muito mérito, no meu caso gostaria de te fazer algumas perguntas mais diferentes para obter um resultado diferente. Sei que você é uma pessoa dedicada ao seu trabalho, portanto te rogo para que entre em contato comigo por através do meu e-mail : [email protected], desde já agradeço tua ajuda .

    • Rodrigo Magalhães says:

      Olá Romulo, tudo certo? Obrigado pelo feedback. Caso queira pode entrar em contato pelo whatsapp que está no site. O acesso mais dinâmico e rápido. Terei prazer em respondê-lo.
      Forte abraço.

  28. Marcella says:

    Oi Rodrigo, tudo bem?
    Minha empresa me convidou para passar 5 dias nos EUA, aproveitei que compraram a passagem e estendi para ficar 2 meses la para aproveitar e visitar minha host family que fiquei em 2019.
    O que seria essencial falar na imigração, que vou a turismo ou contar isso que vou trabalhar 5 dias e o resto vou passar com a minha host family?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Olá Marcella, tudo bem? Para estar nos Estados Unidos legalmente você precisa ter um visto relacionado ao objetivo da viagem. No caso de trabalho, visto de trabalho, no caso de passeio visto de turismo.
      Se você foi por um motivo, no caso trabalho e ficar por outro motivo, pode ser que seja impedida de ficar, até mesmo os 5 dias. Aconselho a conseguir o visto de turismo também assim conseguirá fazer tudo o que deseja. Grande abraço!

  29. Vandalice M C Berni says:

    Olá RODRIGO,
    Achei interessante sua matéria sobre a carta convite americana, não tinha esse conhecimento sobre a carta americana, conheci somente a carta-convite em Portugal, tenho um filho de 17 anos que foi participar de um summer camp americano, por ser menor entrei com ele na entrevista, realmente, os vistos são negados por não conter informações necessarias e verdadeiras, vi que não adianta mentir, é muito explicito a mentira das pessoas lá, pq lá a gente vê as entrevistas dos guichês ao seu lado, tem que levar todos os documentos necessários e sua informações na entrevista tem que estar de acordo com os documentos, e um dos itens principais o seu tipo de pedido de visto pode estar errado com seus interesses, só expliquei isso que pode ajudar pessoas tbem, mas a finalidade do meu comentário, é sobre suas resposta com dedicação a todos no site, excepcional seu site, parabéns

    • Rodrigo Magalhães says:

      Olá Vandalice, tudo bem? Fico muito feliz com seu retorno sobre as respostas e sobre o conteúdo. E quando se trata de visto, com certeza, ser verdadeiro é a melhor alternativa. Obrigado mesmo pelo seu retorno. Todos os conteúdos são feitos com um grande carinho. Abraços!

  30. Lidiane Lima says:

    Ola Rodrigo! Boa Tarde! Estou em processo de asilo e ja tenho o work permit e o social. Meus pais virão me visitar e permanecer por 4 meses. Gostaria de saber se posso fazer a carta convite para eles? Se sim, qual documento devo citar na carta convite? Tenho duvidas se poderia ser o passaporte. Obrigada!

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Lidiane tudo bem?
      Sim, você pode fazer a carta para seus pais. A carta deve conter os nomes completos de todos os envolvidos, bem como o número de registro ou passaporte, data de ida e volta, hostória que comrpove a ligação entre as pessoas e motivos para viagem. Essas são informações básicas que não pdoem faltar. Grande abraço e boa sorte!

  31. Letícia Oliveira says:

    Boa noite, tudo bem ? Gostaria de tirar uma dúvida… meu pai mora nos Estados Unidos a mais de 20anos, ele tem cidadania americana. Eu nunca fui pra lá, e agora como vou casar, tenho vontade de passar a lua de mel em las Vegas. No meu visto eu posso por, que lua de mel seria em Las Vegas e iria aproveitar e visitar meu pai, conhecer a casa dele, conhecer a cidade dele que é Boston ? E ele pode mandar a carta visita ?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Olá Leticia, tudo bem?
      Sim, com a carta convite emitida pelo seu pai você pode sim visitar Las Vegas, pois seu visto de turista valerá por todo território Estadunidense, porém você deve ficar atenta aos prazos de retorno ao país de origem e as normas do serviço de cidadania e imigração dos EUA,(USCIS ). Busque informações sobre atualizações de informações.
      Boa viagem, aproveite bem e um forte abraço !

    • Rodrigo Magalhães says:

      Olá Gustavo, tudo bem?
      Então… o responsável pela carta, também deve ter sim mais de 21 anos. Sucesso e boa sorte!

      • Alessandra maestrello says:

        Oi bom dia eu fix uma carta convite p uma pessoa no Eua eu qye tenho que pagar p esta vindo p o brasil isto é verdade

        • Rodrigo Magalhães says:

          Oi Alessandra, tudo bem? Não entendi muito bem sua pergunta. A carta convite e de você para uma pessoa que vai ficar em sua casa? Ou você escreveu para alguém que mora nos Estados Unidos, porém a carta é para você ficar na casa dele? Me desculpe, realmente não entendi.

  32. Luana Martins De Oliveira says:

    Ola Rodrigo. Uma amiga fez o visto porque a agência fez o pedido errado como propósito de negócios e era para ser turismo. Na hora da entrevista a história não bateu e teve o visto negado. Ela é o cursada
    do MP, já foi concursada do DETRAN e tem casa no nome dela. Eu disse que vou ajudar a fazer o visto. Nos vamos viajar juntas e ficar na casa do meu chefe.
    Posso pedir para ele fazer a carta convite? O pedido foi negado em fevereiro. Se fizermos outro pedido agora com as informações corretas seria arriscado ser negado novamente ou devemos esperar mais?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Luana, tudo bem?
      Sim, com certeza o seu chefe pode fazer a carta para ela. Se você tiver mais tempo para realizar essa viagem seria prudente sim esperar mais um pouco. Mas se há urgência na viagem, aconselho a arriscar.

      • Rodrigo Magalhães says:

        Olá Mateus, tudo bem? Então, a prática mais comum é o envio do documento pelos correios.

        Ela só precisa ser enviada pelo correio se as leis do país que você for entrar exigirem isso. Na maioria dos casos, peça para a pessoa escanear a carta e imprima ela aqui colorida.

    • Rodrigo Magalhães says:

      Olá Weington, tudo bem?
      Bem, ao solicitar o visto você e passar pela imigração, é comum os oficiais pedirem provas que o visitante tenha recursos financeiros suficientes para sua subsistência no país que irá visitar. Sendo assim a carta convite não substitui a obrigatoriedade da apresentação de informações de cunho financeiro.
      Forte abraço!

  33. Raquel says:

    Oi! Tudo bem?
    Já fui a EUA em 2015, tenho visto até 2025, fui convidada para ficar na casa de um amigo por 6 meses (sou servidora pública aqui no Brasil), minha dúvida com relação a carta, se devo mencionar minha profissão, e os dias eu coloco 180 dias, ou preciso colocar data de ida e volta?
    Obrigada! Raquel

    • Rodrigo Magalhães says:

      Olá Raquel, tudo bem?
      Então, ao redigir a carta convite você deverá inserir informações claras e precisas, tais como:
      – Sua identificação
      – Propósito da viagem
      – Duração da estadia
      – Comprovação financeira
      – Compromisso de retorno
      Lembre-se de assinar corretamente sua carta, fidelidade das informações para passarem corretamente pelo crivo do oficial da imigração.
      Boa viagem e um forte abraço !

  34. Ernandes sousa says:

    Olá
    Eu já tive um visto negado em 2019. De lá pra cá, muita coisa mudou. Eu moro com meu irmão, já comprei e vendi meu ape, trabalho numa empresa americana (que comprou a antiga empresa que eu trabalhava), já visitei a Europa e irei novamente (demonstrando que tenho perfil de turista) a pergunta é: tenho um amigo americano que foi meu professor aqui no Brasil e hoje mora em Orlando. Você acha que com a carta convite dele irá facilitar ainda mais a aprovação do meu visto?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Ernandes, tudo bem?
      Pelo que você me informou você está em excelente condições para conquistar o seu visto. Com certeza a carta convite será mais um item importante. Boa sorte e grande abraço!

      • Jaciele Souza says:

        Olá, Rodrigo.
        Eu posso usar O seu exemplo de carta convite, colocando as minhas informações pessoais?

        • Rodrigo Magalhães says:

          Oi Jaciele, tudo bem?
          Claro! Nossa intenção foi realmente facilitar para vocês.
          Grande abraço!

        • Amanda says:

          Olá boa tarde
          Que top seu site , Parabéns!!

          Será que conseguiria me tirar uma dúvida !!

          Estou indo para o EUA com meu filho ( 17 anos) ele tem passaporte português.
          Eu não.

          Então o visto seria só para mim , vamos ficar na casa da minha tia ela é Americana vamos fazer a carta convite ela deve constar os meus dados e do meu filho tbm ?
          Meu marido e minha filha não vão ir .
          O que deve levar de documentos na entrevista?

          • Rodrigo Magalhães says:

            Olá Amanda, tudo bem ? Fico feliz que tenha gostado do conteúdo, é feito com muito carinho.
            Então, solicite um visto para você, pois a carta convite é um documento separado da solicitação de visto, e não é obrigatória a obtenção do visto de turista. Se optar pela carta convite ela deve sim constar os requisitos da sua tia , detalhes da visita e tempo estimado e propósito da viagem.E não será necessário a integração dos dados de seu filho, pois ele já é considerado cidadão português.
            Forte abraço e boa viagem !

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Stefanie, tudo bem?
      Sim, com certeza, em uma busca simples pela internet você encontra alguns. Certifique-se, no entanto, de serem sérios e de qualidade, ok? Grande abraço!

  35. LEONARDO FELIPE MACHADO says:

    Ola a carta convite so será valida se ele for aprovado no visto ……ou tem chance de não ser aprovado

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Leonardo a carta convite é mais um documento que auxilia no processo para tirar o seu visto americano. Ele comprova que você tem onde ficar enquanto estiver nos EUA. Porém, ele não é a garantia que você irá tirar o seu visto, pois depende de vários outros fatores. O processo é bem burocrático. Grande abraço e boa sorte.

  36. Brunna Chrusciak says:

    Olá tudo bem? Estou organizando os papéis para a minha irmã e mãe tirarem o visto. Meu esposo possui o green card mas logo fará sua cidadania. Eu estou com o processo até a metade ainda, optamos por esperar até a cidadania dele sair. Mas queria saber se ele poderia tranquilamente fazer essa carta a ela e se caso ela tenha que ser em
    Inglês e português ou apenas um idioma já basta.
    Somos casados a 5 anos e estou grávida, o motivo da viajem delas seria para me visitar e ver o bebê, estar aqui no nascimento dele.

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Brunna, tudo bem?
      A carta-convite EUA precisa necessariamente ser escrita em inglês, já que é a língua oficial do país. Apenas em inglês basta.
      Parabéns pelo herdeiro que está a caminho!

  37. Yony says:

    Bom dia!
    Por gentileza vocês poderiam me tirar uma
    dúvida?
    Tenho cidadania
    americana, e gostaria de fazer uma carta convite para o visto, para minha mãe de 77
    anos e minha irmã.
    Gostaria de saber se eu posso fazer apenas uma carta para as duas ou precisa ser uma carta
    para cada?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Tony, faça uma carta para cada pessoa com nomes e justificativas separados, pois ao apresentar as documentações elas são feitas de forma individual. Boa sorte, grande abraço!

  38. Neide Romani says:

    Rodrigo, bom dia. Parabéns pela matéria. Eu e meu marido temos entrevista para o visto na segunda semana de abril. Pretendemos visitar nossa filha que mora com a família (marido e uma filhinha) legalmente nos Estados Unidos há mais de 1 ano. Considerando a relação pais-filha, a carta-convite tem que ser necessariamente em inglês? Pode ser autenticada em cartório brasileiro? Outra coisa: meu marido é paciente oncológico e faz tratamento no Brasil. Um relatório médico pode ajudar?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Neide tudo bem
      A carta-convite EUA precisa necessariamente ser escrita em inglês, já que é a língua oficial do país. Com letra o mais legível possível.
      Não tenho informações que problemas relacionados à saúde possam beneficiar. Porém, vínculos com o Brasil como trabalho, bens, matrículas em escola ou faculdade, isso sim auxilia você a tirar o seu visto. Boa sorte, espero que dê tudo certo! Abraços!

      • Gustavo Martins says:

        Olá! Tenho visto de turismo em dia. Esse visto ja é o suficiente para passar alguns dias na casa de uma amiga americana?

      • Daniela Aparecida de Souza Martins says:

        Olá, minha irmã tem a cidadania americana, estou renovando o visto da minha filha ( q tinha 4 anos qdo tirou a 1ª vez) sei que a carta ajuda porém minha irmã está aqui no Brasil e pode fazer a carta mas não tem como autenticar lá pois a entrevista já está marcada para começo de junho. Ela pode explicar isso na carta e autenticar no cartório daqui?

        • Rodrigo Magalhães says:

          Olá Daniela, tudo bem?
          Bem, é possível que ela explique a impossibilidade de autenticar a carta por estar no Brasil, em um cartório daqui fornecendo alguma forma de autenticação; Vale ressaltar a variação das exigências da carta convite, dependendo da avaliação do oficial no momento da entrevista. É recomendável entrar em contato com a embaixada para verificação de alguma atualização de informações de requerimento. Boa viagem e um forte abraço !

          • PAula Rocha says:

            Boa tarde Rodrigo!
            Fui com meu filho de 8 anos tirar o visto e ele foi negado. Íamos com minha tia para disney, levar o pequeno. Eu trabalho aqui no Brazil e Moro com meus pais idosos. Meus outros filhos têm vistos válidos e minha mae tmb. Chegou nossa vez de ir com a tia e não conseguimos. Creio que por minha causa, consigo remarcar somente o visto do meu filho ? Ele tem 8 anos, estuda regularmente, e mora comigo e com meus pais, mas ai ia somente ele, e meu sonho espera mais um pouco. Ate que eu consiga comprovar vinculo com o Brasil. Foi negado 214b.

          • Rodrigo Magalhães says:

            Olá Paula, tudo bem?
            Então , para reverter essa situação é necessário algumas diretrizes, avalie o motivo da negação, entre com um recurso de reconsideração junto a embaixada, consulte um profissional da imigração, replique o pedido com documentação adicional e verifique as atualizações das informações a serem requeridas. Pense que o não você já tem, busque pelo sim. Vai dar tudo certo! Boa sorte e forte abraço!

  39. Lorrany viana says:

    oi tudo bem?
    Então sou militar da fab e tenho visto de turismo e queria passar 3 meses em Washington D.C, Tenho uma Tia e Prima que mora mais de 10 anos. então queria saber se ela tem que fazer uma carta convite ou só mostrar o endereço onde vou ficar ?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Lorrany, tudo bem?
      Então a carta convite é um excelente documento para comprovar que você tem onde ficar no país. Ajuda muito sim. Seja com o comprovante de reserva no hotel ou com a carta convite, o foco é comprovar que você tem onde ficar no país. Grande abraço e boa sorte em tudo!

  40. Kátia says:

    Estou no início do processo k1. Você me mencionou em uma resposta que o tempo está sendo em média de 9 a 12 meses. Mas a verdade é que o tempo para k1 jantou muito. Conheço algumas pessoas com linha do tempo de até 1 ano e 9 meses até a aprovação de visto. Então é um tempo consideravelmente longo. Minha pergunta é: Posso tentar visto de turista( com carta convite do meu noivo, ou sem ela) para visita-lo enquanto aguardarmos o processo de visto ? Hoje 17/03/2023 o tempo de processamento de visto k1 no site está em 15.4 meses. Mas isso fora a data de entrevista, que hoje tem sido um grande problema. O que pode levar mais alguns meses para conseguir data para a entrevista. É um processo de quase 2 anos. É válido tentar visto de turista sendo muito honesto sobre ter um noivo lá?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Katia, tudo bem?
      Sim, o prazo aumentou muito. Você pode tentar o visto de turista, porém ao olharem seu processo e verem que você já está tentando o k1 , você pode ser negada, pois podem entender que você pode querer ficar ilegalmente. É um risco. Boa sorte!

  41. Nelia says:

    Ola Bom Dia .
    Minha irma e esposo tiveram o visto negado ano passado. Na epoca perguntaram se eles tinham parente aqui, responderam que NÃO ( a mandado da agencia de
    turismo). Detalhe eu e meu esposo estavamos em processo de legalização, que meu filho de 21 anos nos deu o green card por ser cidadão americano e a agencia nao deixou falar que eles tinham parente aqui no eua, pq podiam negar p eles e atrapalhar tb nosso processo na época.
    Se eles tentarem o visto dinovo e dizer que hoje tem parente aqui, sobrinho americano e uma carta convite, vc acha que tem chance?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Nelia, tudo bem?
      Eu sempre acho que a verdade é a melhor saída. Ter parentes nos EUA é algo bem normal e muitas pessoas vão visitar os seus a passeio. A carta convite serve apenas para mostrar que você tem onde ficar.
      O problemas é quando você não tem bons vínculos com o Brasil como vínculos profissionais, comprovação de posses, vínculos familiares ou vínculos estudantis. Isso pode representar que você pretende fica com parentes ilegalmente.
      Espero ter ajudado, grande abraço!

  42. Nelia santos says:

    Ola Bom Dia .
    Minha irma e esposo ti eram o visto negado ano. Na epoca perguntaram se eles tinham parente aqui, responderam que NÃO ( a mandado da agencia de
    turismo). Detalhe eu e meu esposo estavamos em processo de legalização

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Nelia, tudo bem?

      Eu sempre opto pela verdade. Acredito que seja o melhor caminho para tudo. Não há problemas em dizer que tem parentes por lá, desde que sejam legalizados. Eles inclusive podem te mandar uma carta-convite dizendo que vocês ficaram com eles.

      A questão é sempre mostrar que vocês têm vínculos no Brasil e por isso não pretendem ficar no país ilegalmente. Boa sorte e grande abraço!

  43. Felipe Cantalice says:

    Boa noite Rodrigo, no caso a carta deve ser para mim separadamente da esposa e das minhas 02 filhas, 01 carta para cada ?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Felipe, tudo bem?
      Eu aconselho que se faça uma carta individualmente para cada pessoa, uma vez que todos tem seus documentos de viagem individualmente. Desta forma cada um pode levar sua carta consigo. Grande abraço!

  44. Mari says:

    Olá Rodrigo. Me casei em agosto 2022 com americano e apliquei para o GC, tudo nos conformes. Minha mãe que está no Brasil vai ao consulado para tirar o visto de turista agora em março, a carta de convite, seria apenas minha ou do meu marido também? Qual a melhor forma para garantir a aprovação?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Mari, tudo bem?
      A carta convite é apenas um documento que comprova que ela tem onde ficar, poderia ser uma reserva em hotel. Ela não dá a garantia de aprovação, mas ajuda. Ela deve ser emitida porque quem irá recebê-la em casa no caso poderia ser você ou seu marido. Boa sorte!

  45. Sabrina says:

    Oi Rodrigo, bom dia!
    Estou indo visitar um casal de amigos que estão nos EUA como imigrantes ilegais a cerca de 1 ano, eles podem redigir essa carta convite ou devo por precaução reservar um hotel? Irei ficar 10 dias.

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Sabrina, tudo bem?
      A carta deve ser criada por americano ou estrangeiro legalizados. Sugiro que comprove estadia com a reserva em um hotel. Abraços e boa sorte!

  46. Karol says:

    Ola, se eu tentar tirar o visto de turista e for negado, isso pode prejudicar meu visto k1 no futuro? E se eu estiver no processo do visto k1 eu consigo visitar meu noivo retirando outro visto de turista ou eu tenho que permanecer no Brasil até a finalização do k1?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Karol, tudo bem?
      Vou te dar um conselho meu agora, provavelmente não vai ver isso em nenhum site oficial. Sabemos que os processos de concessão de visto dos EUA são bem complexos, sejam de turista ou o visto k1.

      Eles sempre recusam os vistos sempre que suspeitam que a pessoa pretende ficar ilegalmente no país. Você pode ter problemas tanto para tirar o visto de turista quanto no seu visto ki, mas é claro isso é uma interpretação pessoal minha.

      Se eu fosse você aguardaria o visto k1 sair, seria mais seguro.
      Da uma segurada na paixão e na saudade em breve vocês estarão juntos em definitivo! Boa sorte!

  47. Jayme leite dos santos junior says:

    Oi bom dia .senhoe meu dilho e americano tem 23 anos queremos saber si podemos visitá-lo nos eatados unidos os nosso visto expirou ja tem mais de 10 anos ja moramos la 2 anos como turistas e agora eatamso morando em portugal ja a 4 messes gostaria de saber si ele pode solicita o visto pra gente eu e a mae dele

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Jayme, tudo bem?
      Claro que você pode visitá-lo, mas como seu visto expirou terá que começar do zero e passar por todo o processo. A única coisa que está demorando são as entrevistas que atrasaram em virtude da Covid. Se organize, levante todos os documentos e comece o quanto antes o processo. Vai dar certo. Grande abraço!

  48. Laura says:

    Olá Rodrigo. Gostaria primeiramente de parabenizar as respostas aos comentários e dizer que são de grande ajuda!
    Meu noivo é brasileiro e faz mestrado nos EUA há 1 ano e meio. Sua formatura será em maio e eu gostaria muito de estar presente. Fui aprovada na solicitação de entrevista de emergência pelo consulado, como turista, com agendamento em abril. Ele fará uma carta convite e solicitará um convite da própria faculdade também. Meu maior receio é em decorrência da minha profissão e vínculo no Brasil, pois sou nutricionista autônoma, e atendo de forma independente. Me formei em setembro do ano passado e atuo desde então, ou seja, não declarei imposto de renda anteriormente e não possuo vínculo empregatício. Meu único comprovante hoje seria o extrato bancário com os valores das consultas que recebo. Você acredita que é suficiente, ou preciso de maiores vínculos?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Laura, tudo bem?
      Além da renda existem outros vínculos que podem comprovar sua relação com o Brasil como, propriedade em seu nome, vinculo estudantil, familiares no país tudo isso ajuda.

      O que você precisa comprovar é que não deseja morar nos EUA ilegalmente e que tem motivos para voltar. Fico aqui na torcida, vai dar certo!

    • Flordeci Gonçalves Ohnesorge Savergnini says:

      Oi Rodrigo meu nome é Flordeci Gonçalves Ohnesorge Savergnini estou indo no próximo dia 29/09 pra entrevista e meu filho me mandou a carta convite, gostaria de saber se me aconselha colocar ela junto com o passaporte na hora que vou entregar.desde já agradeço

      • Rodrigo Magalhães says:

        Olá Flordeci, tudo bem? Não necessariamente, mas é importante ressaltar que você tenha a carta em fácil acesso para apresentação, caso seja solicitada pelo agente da federação local ou na hora da entrevista.Desejo tudo de bom, boa viagem e aproveite bem! Abraços.

  49. Rodrigo Magalhães says:

    Oi Marcia, tudo bem?
    Você precisa comprovar que tem onde ficar seja com a carta convite ou reserva em hotel. Desta forma a carta convite será necessária sim. Grande abraço!

  50. Juliana Laves says:

    Meu filho nasceu nos EUA mas só fiquei lá 50 dias. Estou qireendo voltar nos EUA somente para passear. Na hora de passar pela imigração sei wue devemos permanecer na fila de estrangeiros mesmo meu filho sendo americano. Gostaria de saber se alguém ou algum conhecido já passou por essa situação de voltar aos EUA com o bebê América e como foi na imigração?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Juliana, tudo bem?
      Não tenho nenhum conhecido que tenha passado por essa situação. Se algum dos nossos leitores já tiver passado por esta situação, por favor compartilhem essa experiência aqui conosco.
      O que posso te dizer é que fique tranquila se toda a documentação estiver correta, tudo dará certo.
      Grande abraço!

  51. Katrim says:

    Olá é seguro permitir que minha filha vá com o pai e é possível que eu consiga uma carta pra visitar ela os avós paternos moram lá a anos legalmente?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Katrim, tudo bem?
      Não sei se entendi a pergunta. Mas creio que sim, é seguro ir com o pai, já que ele é responsável por ela. Quanto a carta dos avós será extremamente importante no processo. Grande abraço!

  52. Dara says:

    Oi, tenho uma dúvida, para o momento da entrevista de visto, ter apenas a cópia da carta (escaneada e impressa) pode ser o suficiente, portando a original apenas na viagem? O receio é da carta não chegar a tempo até o dia da entrevista

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Dara, tudo bem.
      Acredito que sim, porém lembre-se de que deve quem te conceder a carta deve autenticar em cartório. Boa sorte!

    • Débora Imbassahy says:

      Uma carta convite é paga conheci um indivíduo nas redes sociais ele disse que viria para o Brasil me conhecer mas para que isso fosse possível eu teria que mandar meus dados e endereço e telefone e os gastos desta carta seria cinco mil reais porque ele estava no campo de guerra na ONU trabalhando como médico humanitária. Esse valor procede?

      • Rodrigo Magalhães says:

        Olá Débora, tudo bem ?
        Não, a carta convite emiitida do Brasil para o exterior é livre de pagamentos, porém é necessário entrar em contato com embaixada antes de qualquer envio de dinheiro e documentos, sendo que isso pode ser usado por pessoas de má fé. Procure por “ consulado americano no Brasil e certifique-se. Abraços!

  53. Ewerton Lúcio says:

    Oi bom dia vou ficar na casa de um amigo meu mas ele tem apenas 20 anos isso irá causar algum problema?
    Já que é mais pra saber onde irei ficar no estados unidos
    OBS: Possuo tenho o visto e já fui uma vez no estados unidos com a família e agora irei sozinho

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Ewerton, tudo bem?
      Acredito que a idade do seu amigo não vá interferir, como disse a carta serve somente para comprovar que você tem onde ficar. Certifique-se somente que seu amigo esteja nos EUA de forma legal. Isso é muito importante.
      Grande abraço!

      • Heloisa Lopes Aleixo says:

        Ola! Rodrigo, meu filho tem 17 anos, já tem o visto e está querendo ir na formatura de uma amiga que mora lá.
        A carta convite para apresentar lá nos EUA precisa ser a original ou pode ser uma cópia de PDF ?

        • Rodrigo Magalhães says:

          Oi Heloisa, tudo bem?
          Conforme orientei no artigo, a carta-convite precisa ter reconhecimento em cartório, isso porque somente assim o país pode fazer a validação. Lembre-se de que a carta-convite EUA deve ser registrada em cartório nos Estados Unidos. E assim você pede para que a pessoa te envie por correio para que consiga levar junto com os demais documentos para tirar o visto americano.
          Grande abraço!

  54. Marco Antonio says:

    Boa tarde, Rodrigo
    Você tem como confirmar se para entrar nos EUA ainda é necessário esses itens:
    – Teste negativo de Covid para todos a partir dos 2 anos de idade.
    – Comprovante de vacinação completa (até 14 dias antes do embarque)
    Eu achava que não era mais cobrado desde junho/2022.
    Obrigado

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Marco, tudo bem?
      O governo dos Estados Unidos suspendeu a necessidade de apresentar um teste negativo de covid-19 antes de entrar no país.
      Todos os viajantes com mais de 18 anos precisam apresentar um comprovante de vacinação para entrar. Menores de 18 anos não precisam apresentar comprovante de vacinação. O viajante é considerado completamente vacinado 14 dias após a aplicação da segunda dose ou da dose única da vacina.
      Grande abraço!

  55. CELINA SILVA E SILVA says:

    Minha pergunta: Estou com processo de visto K1 é enquanto aguardo é possível conseguir permissão para viajar para EUA é visitar meu noivo.Não tenho visto para entrar nos EUA.

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Celina, tudo bem?
      De qualquer forma você precisará de um visto nem que seja o de turista para entrar e esse visto, em virtude da Covid 19 e os atrasos no processo, está demorando em média dois anos para sair. Creio que o seu visto K1 pode sair até antes.
      Grande abraço!

  56. gisely borges mancini diop says:

    Ola boa tarde tudo bem gostaria de saber se e facil conseguir emprego na area culunaria ai nos eus

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Gisely, tudo bem?
      Acredito que não. Os EUA são realmente a terra das oportunidades, porém há de se ter um certo esforço para conquistar uma vaga e você pode fazer a busca ainda no Brasil.

      Sair daqui já empresa vai te dar mais segurança. A dica é procurar por oportunidades em sites de emprego americanos. Ter um Linkedin em inglês também vai te ajudar. Tenho certeza que o tempero brasileiro tem o seu lugar por lá. Boa sorte!

  57. Peterson Martins says:

    Eu já tenho Visto. Eu preciso desta carta tb, visto que irei agora pros EUA e ficarei na casa de amigos?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Peterson, tudo bem?
      A carta convite é para comprovar que você tem onde ficar nos Estados Unidos e pode ser pedida na imigração dos EUA.
      Boa sorte, abraço!

  58. Lara says:

    Olá , boa tarde!

    Rodrigo, me tira uma dúvida por gentileza, eu dei entrada no visto de conjugue agora em dezembro de 2022 , e estamos esperando o processo ser analisado, meu esposo é militar , o tempo de espera é um pouco longa, mas gostaria de saber se eu quisesse ir visita-lo , teria alguma maneira de eu ir passar alguns dias, com alguma autorização , ja que meu visto esta em analise?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Lara, tudo bem?
      Outra maneira de entrar seria com visto de turismo, porém o processo está ainda mais demorado que o processo de cônjuge. Em média 24 meses. O visto de urgência é somente para questões de saúde, trabalho ou estudo. Creio que você terá realmente que esperar o processo terminar.
      Grande abraço e boa sorte!

  59. Gilvan says:

    Olá Rodrigo, primeiro agradeço muito pelo seu conteúdo, muito feliz de o ter encontrado.
    Não tenho visto americano, e devo precisar fazer uma visita técnica a trabalho em uma empresa norte americana. Nesse caso a empresa pode gerar uma carta convite? Ou o fato de eu ter uma visita de negócios muda a característica do visto e o procedimento também?

    Outra dúvida é, sempre é necessário arriscar-se comprando passagem (e definindo datas exatas) mesmo sem saber se terá o visto emitido? Ou existe possíbilidade de conseguir o visto e depois comprar passagens?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Gilvan, tudo bem?
      Sim a empresa pode realizar essa carta para você. Caso for ficar em um hotel, a reserva do hotel pode ser utilizada com comprovante de estadia.
      Quanto a passagem, existe sim possibilidade de conseguir o visto e depois comprar passagens? Porém , se estiver muito em cima da data de viagem você corre o risco de não achar passagens ou ainda encontrar com valores muito altos.
      Há também a possibilidade de comprar antecipadamente, ou seja antes do visto sair, mas neste caso, segundo a ANAC a alteração de data é possível desde que haja disponibilidade de vaga para a nova data e horário desejados.
      Há um risco em ambas situações. Boa sorte, grande abraço!

  60. Carolina Pedreira says:

    Ola novamente! Obrigada por ajudar. Eu acho q não fui clara com minha pergunta! Eu já tenho a renovação de visto pq vou para os eua todo ano de férias mas ficando no máximo 15 dias. Agora quero ficar pelo menos 3meses então minha pergunta é a carta convite cobre todas as perguntas da imigração na hora da entrada? Ou terei problemas com o tempo que eu quero ficar? Tem mais algum documento da parte dele (americano) que pode ajudar?

  61. Carolina Pedreira says:

    Ola Rodrigo, eu preciso ir visitar meu namorado e minha intenção é de ficar pelo menos 3 meses. Minha pergunta é a carta convite é suficiente para garantir minha entrada?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Olá Carolina, tudo bem?

      A carta convite é apenas um dos itens importantes, mas com certeza ele não é único. Se você ainda não tem visto, terá que passar por todo o processo de obtenção de visto americano. Os documentos necessário para visto são:

      – Passaporte válido
      – Visto válido para entrar nos EUA
      – Teste negativo de Covid para todos a partir dos 2 anos de idade.
      – Comprovante de vacinação completa (até 14 dias antes do embarque)
      – Formulário CDC preenchido, uma via por viajante, incluindo menores de idade (responsáveis assinam pelos menores).

      Boa sorte e grande abraço!

      • Deborah pina says:

        Olá, tudo bem?
        Já estive quatro vezes nos
        Estados unidos, meu Visa é
        Válido ate 2028.
        Precisaria de carta convite
        para retornar aos E.U.A?
        Essa carta tem custo, para
        um amigo ameri ano ?

        • Rodrigo Magalhães says:

          Oi Deborah, tudo bem?
          Acredito que se você já tem visto, não precisaria desta carta. A carta convite no caso é somente para comprovar que você tem onde ficar nos EUA, poderia ser no caso uma reserva em um hotel. Quanto ao seu amigo seria para ele emitir ou receber a carta? Se houver taxa seria somente para registro no cartório. Boa sorte!

  62. Jenifer Borges says:

    Boa noite Rodrigo, no caso a carta deve ser para mim separadamente das minhas 02 filhas, 01 carta para cada ?
    Como minha filha é bebê tem 4 anos ainda não fiz o passaporte dela, faço primeiro a carta convite e depois solicito o passaporte?

    • Felipe Cantalice says:

      Olá também tenho amnésia questão. Rodrigo como fica essa situação? É um documento para cada ou no mesmo poderá citar os outros membros da família?

      • Rodrigo Magalhães says:

        Oi Felipe, tudo bem?
        Quando se trata de documentação para uma viagem internacional todos os documentos são individualizados. Se são quatro membros da mesma família, todos devem apresentar documentos separados. A mesma premissa se aplica a carta. o ideal é fazer uma carta para cada pessoa. Assim vocês terão acesso aos documentos de forma individualizada.

  63. Andy Simon says:

    Oi Rodrigo, tranquilo? Se possível me tirar uma dúvida, eu sou nativo norte-americano, resido no Brasil, e pretendo retornar aos EUA esse ano junto com a minha namorada (brasileira). Qual seria o procedimento para legaliza-la ?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Andy, tudo bem?

      Se ela pretende morar definitivamente nos EUA com você, ela teria que solicitar um visto de imigrante. Entre as categorias existes para essa solicitação estão:

      Imigrantes com Base em Laços Familiares
      Noivo(a) de Cidadão Americano
      Imigrantes com Base em Emprego
      Imigrantes de diversidade – Loteria de Vistos
      Imigração para Viúvos, Investidores e Exilados

      Creio que a mais tranquila para ela seria o visto de Noiva. Meu conselho para você é compre uma aliança, se ajoelhe e peça em casamento. Logo em seguida entre com o processo. O amor é lindo e vai dar tudo certo! Grande abraço!

    • Patricia Morris says:

      Olá Andy! Gostaria de dividir com você como foi o procedimento, tempo de processamento do meu visto de imigrante.
      Eu sou brasileira, natural de Recife, PE. Meu ex-marido é norte-americano, natural de Salt Lake City, UT. Na época (julho/2003), ele viajou ao Brasil e eu dei entrada nos papéis para casarmos no Brasil. Levou quase 3 semanas pra casar. Em seguida, com a certidão de casamento em mãos, fomos direto ao Consulado Americano em Recife. Meu marido deu entrada imediatamente no visto de imigrante pra mim e minha filha (8anos). Dois formulários, taxas, tudo separado, embora ter sido um só processo. Foi a forma mais barata e rápida. Em média de 9 meses pra ter nossos passaportes carimbados com visto de imigrante. Não precisei traduzir nenhum documento, pois como o visto foi dado entrada no Brasil, a documentação podia ser em português ou inglês. Quando cheguei aos Estados Unidos, procurei um escritório de imigração em Los Angeles para traduzir a certidão de casamento no Brasil (você mesmo traduz e assina, afirmando que toda informação traduzida é verdadeira. Assim feito, o meu casamento foi reconhecido aqui nos Estados Unidos. Espero que a minha experiência possa te ser útil .
      Um abraço e boa sorte!

  64. Sérgio says:

    Boa tarde Rodrigo muito boa a sua matéria, tenho uma dúvida mesmo com a carta convite eu tenho que tem o visto aprovado ou eu tenho que apresentar ela na hora de fazer a entrevista para o visto?? Abraços meu amigo

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Sérgio, tudo bem?

      A carta convite pode ser apresentada na hora da entrevista consular, porém apenas se for solicitado pelo agente consular.
      Caso precise do apoio de uma assessoria no seu processo, conheço o pessoal da Faço Seu visto. Eles são muito bons e podem te ajudar. Segue o site deles: https://facoseuvisto.com.br/

      Grande abraço!

  65. Edizângela Meira says:

    Olá! Tenho uma amiga que está nos EUA com permissão de permanência como estudante. Nesse caso, também seria necessário carta convite? Como ficaria na casa dela, não teria reserva de hotel. Obrigada!

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Edizângela, tudo bem?

      Se sua amiga tem uma casa e vai te abrigar, ela mesma pode fazer a casa para você sem problemas. Grande abraço!

  66. Juscilene says:

    Bom dia Rodrigo! Minha familia esta planejando me visitar nas ferias de julho, pois estou gravida e vou precisar de suporte quando o bb nascer, devo mencionar isso na Carta? E são no total 5 pessoas, devo enviar uma Carta para cada um ou apenas uma Carta para todos?
    Desde já obrigada!
    Happy holidays

    • Rodrigo Magalhães says:

      Olá Juscilene, tudo bem?

      Sim, você pode mencionar o motivo ou propósito da visita, no caso: férias, eventos, vista familiar. No caso de visita familiar, mencione o nascimento da criança.
      Cada pessoa deve ter a sua carta, pois todos precisam comprovar que tem estadia garantida.
      Grande abraço!

  67. Niedson Lira says:

    Rodrigo tudo bem?

    Uma dúvida,vamos eu, a minha esposa e o meu filho ficar na casa de uma amigo que trabalha e mora em Dallas, a carta convite pode ser única?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Niedson, tudo bem

      O processo de visto corre em separado para todos você. O ideal é que cada um tenha a sua carta individual.
      Grande abraço!

  68. Adriana says:

    Olá Rodrigo

    Minha irmã vai se casar nos EUA em 2023, gostaríamos de ir a cerimônia, neste caso existe alguma carta específica de convite de casamento, ou ela é a mesma que carta convite apenas? Estou pesquisando e n encontro nada que fale especificamente de convite de casamento.

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Adriana, tudo bem?
      Não. No caso seria a mesma carta convite mesmo. Porque o foco é comprovar que você tem onde ficar independentemente do motivo que te leve aos EUA.
      Abraços!

  69. Camila says:

    Olá Rodrigo tudo bem? Minha amiga vai passar 20 dias nos Estados Unidos e o irmão dela mora lá há 20 anos e já tem o GreenCard pois casou com uma americana.

    Ela iria ficar hospedada em outro local que não a casa dele, pois irá encontrar o irmão na Disney. Ela precisa da carta convite? Seria melhor dizer que vai ficar na casa do irmão? Estamos em dúvida nisso. Pois temos medo de acharem que se ela não levar a carta convite, possa estar escondendo algo que seria o irmão lá.

    Muito obrigada

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Camila, tudo bem?
      Você pode enviar o comprovante da reserva do hotel, pois o foco é comprovar que você tem onde ficar. Ter um irmão lá não seria problema, uma vez que você vai ficar na casa dela. Você ficar ou não na casa de um parente ou conhecido é escolha sua. O que precisa sempre é comprovar que tem onde ficar,seja com reserva em hotel ou carta convite.
      Grande abraço!

  70. Marcelo Oliveira says:

    Olá Rodrigo, minha mãe tem visto de turista e vira me visitar aqui nos EUA por 60 dias. Moro legalmente nos EUA em residência própria e minha esposa e eu temos visto L1 e L2.
    Ainda assim seria bom minha mãe apresentar a carta convite?
    Obrigado!

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Marcelo, tudo bem?
      Sim, com certeza, se ela fosse ficar em um hotel teria que apresentar o comprovante de reserva, como vai ficar em sua casa deve apresentar a carta.
      Grande abraço!

  71. Lenilza Alves says:

    Olá Rodrigo parabéns pelo seu conteúdo ele consegue ajudar muitas pessoas que tem dúvida em relação à visto para os EUA assim como toda a viagem! Eu gostaria de saber qual o visto devo aplicar , uma vez que eu tenho namorado americano onde já viajamos para Panamá e agora ele vem ao Brasil onde ele está disposto a se casar, eu poderia viajar com ele ou teria que esperar todo o processo ? A carta convite me ajuda na aprovação do visto? O visto para noivo demora o processo? Eu queria viajar com ele quando retornar aos EUA, agradeço desde já pela sua ajuda , lembrando também que ele presta serviços para o governo dos EUA se isso ajuda em alguma coisa !! Obrigado meu querido , espero sua resposta ! Deus te abençoe!!!

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Lenilza, tudo bem?
      Então… Se um cidadão americano está envolvido com um cidadão estrangeiro, ele pode solicitar ao que sua noiva venha aos Estados Unidos para se casar. A noiv entrará nos Estados Unidos com um carimbo de visto K1 no passaporte. O visto K1 é comumente conhecido como visto de noivado.

      Todo o processo leva aproximadamente 9 a 12 meses. O visto K1 é válido para uma única entrada durante um período de 6 meses.
      Quanto a carta convite, sim ela irá te ajudar pois irá comprovar que você tem onde ficar nos EUA.
      Grande abraço e boa sorte!

  72. Luana Ramalho says:

    Oi Rodrigo, obrigada pelas explicações, tenho uma duvida, estou em Orlando com visto de turista (eu e minha irma), pedimos extensao para mais 6 meses de turista por isso alugamos um apartamento, minha mae vem semana que vem, podemos fazer essa carta para ela apresentar na imigracao quando chegar no aeroporto? Eu estando como turista mas alugando um apto posso fazer a carta pra minha mae? Estou perdida e ja falta pouco pra ela chegar. Obrigada e fica com Deus.

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Luana, tudo bem?
      Não. A carta deve ser emitida por nativo ou brasileiro que tenha residência fixa no país. No caso, ela pode apresentar a reserva do hotel mesmo. O foco é comprovar que ela tenha onde ficar.
      Grande abraço!

  73. Camila da Silva Ribeiro says:

    Oi, Rodrigo,

    Tudo bem?

    Estou indo para o EUA na próxima semana e ficarei um mês na casa de um amigo. Residente lá.

    Ele fará uma carta convite assinada, mas será preciso registro em cartório?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Camila, tudo bem?
      Sim, a carta precisa ser registrada, faz parte do processo.
      Grande abraço e boa viagem!

  74. isabella says:

    Ola, tudo bem? Estou indo daqui a 10 dias visitar meu namorado americano. Elaboramos uma carta convite para comprovar a estadia, no caso não teremos tempo de oficializar num cartório e nem de enviar, ele me mandara por email ainda será considerada válida?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Isabella, tudo bem?

      Sim será desde que seja registrada em cartório. Vai dar tudo certo! Boa sorte!

  75. Alessandra says:

    Olá Rodrigo, tudo bem?
    Essa carta convite serve somente para ir como turista? Ou posso fazer uma carta convite para trabalhar nos Estados Unidos por um determinado período? Se sim, somente empresas podem emitir a carta convite? E tem algum custo para o empregador emitir a carta?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Alessandra, tudo bem?
      A carta tem como objetivo comprovar que você tem onde ficar independente do motivo da sua viagem, seja turismo ou trabalho. Se vai ficar na casa de amigos ou parentes essa carta pode sim ser feita por eles. Grande abraço!’

  76. Wilson Manuel De Almeida says:

    Olá, Rodrigo !
    Será que possível o meu padrinho enviar a carta convite para mim e minha parceira ?
    Obs: será que é necessário apenas uma carta para ambos ?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Wilson, tudo bem?
      O ideal seria uma carta para cada, uma vez que a documentação é apresentada individualmente.
      Grande abraço e boa sorte!

  77. Rafaelly says:

    Olá , eu tenho uma dúvida. Meu namorado é americano e ano que vem vou visitar ele e conhecer a familia dele. Ficarei na casa dele 1 mês. A carta convite me ajudará ou não? Nao irei para morar , apenas para visitar e conhecer sua familia. Obrigada ?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Rafaelly, tudo bem?
      Sim, com certeza ajuda. Você precisa comprovar que tem onde ficar nos EUA. Você deve apresentar reserva em hotel se for ficar em um hotel ou carta convite se for ficar em casa de amigos ou parentes.
      Abraços!

  78. Talita says:

    Olá Rodrigo,
    Estou indo para o Brasil com meu esposo e filho americano e gostaria de já levar a carta convite, mas as entrevistas de meus pais estão agendadas para abril e maio. Tem algum problema a carta ser feita agora em dezembro?
    Aguardo resposta e desde já, agradeço!

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Talita Larissa, tudo bem:
      Acredito que não. Porém, precisa já estar definido e contar na carta o tempo de estadia em sua casa definido.
      Grande abraço!

  79. Luzia wolf says:

    Oi Rodrigo me exclarece u me a dúvida.Eu sou brasileira e tenho muita vontade de conhecer o Paquistão.tenho amidos lá mas quero ficar hospedada em hotel. Como.faco essa reserva .Como o hotel vai me enviar o comprovante de reserva.Vai ser por email.Eu posso fazer o pagamento quando chegar lá ou terei que pagar antes

  80. Plinio Andrade says:

    Rodrigo, parabéns pela matéria. Minha dúvida é a seguinte. Meu genro e minha filha moram em Newtown, nos Estados Unidos e farão a Carta Convite para mim e minha esposa. Mas eles estarão de férias no Brasil quando eu e minha esposa chegarmos nos Estados Unidos, pois pretendemos passar uns 10 dias em Nova Iorque em um hotel e depois, quando eles estiverem de volta, vamos pra casa deles. Será que a imigração pode barrar, pois nosso anfitrião não estará nos Estados Unidos quando chegarmos?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Plinio, tudo bem?
      Fico feliz que tenha gostado da matéria. A dica é: no período que estiver no hotel, apresente a reserva do hotel. Ele tem o mesmo peso que a carta da carta. O foco é comprovar que você tem onde ficar. E apresente a carta para o período que vai ficar na casa do seu genro e da sua filha.
      Grande abraço e boa sorte!

  81. Carla chaves says:

    Rodrigo meu noivo irá solicitar essa carta para mim e eu possuo um dependente ele deve ser citado na carta? ( se ele for em outra data isso daria algum problema?)

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Carla, tudo bem?
      Então…você deve citar somente se ele for viajar com você. Se ele for em outra data com outra pessoa providencie uma carta específica para ele. Acredito que assim você não terá nenhum problema. Grande abraço!

  82. Sandra says:

    Olá! Eu tenho visto Americano de turismo, pretendo ir passar o Natal e Reivellon nos EUA. Estou indo pela primeira vez. Estou na dúvida se solicito uma carta convite de um amigo ou se reservo hotel. Qual melhor opção? Minha dúvida é que eu sou solteira e meu amigo também, se isso pode ser motivo de não conseguir entrar se for com a carta convite.

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Sandra, tudo bem?
      Tanto a carta quanto a reserva no hotel tem, no caso, o mesmo peso. O Importante é comprovar que você tem onde ficar nos EUA. Quanto ao seu amigo, acredito que isso também não será problema. Boa sorte e grande abraço!

  83. Aline says:

    Estou em processo de visto K1. Posso usar a carta convite para entrar no USA antes de sair meu visto para visitar meu noivo?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Aline, tudo bem?
      Sim. Se você deseja visitar o país e ficar na casa de amigos e parentes antes do seu visto K1 chegar a carta pode te ajudar.
      Grande abraço!

  84. Jessyck ressutti says:

    Olá Rodrigo a carta convite digitalizada já registrada e tudo mais pode ser enviado por e-mail para chegar mais rápido ou tem que ser mesmo a original enviada via correio?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Jessyck , tudo bem?
      De preferência, peça ao seu anfitrião para enviar a carta original pelo correio e você terá o documento original em mãos na hora de cruzar a fronteira.
      Se não deu tempo para receber a original, leve uma cópia digital e uma cópia do documento de identidade do seu anfitrião, ok?
      Grande abraço!

  85. Agripina says:

    Olá Rodrigo, e a carta convite eu posso fazer junto no meu nome(tenho green card) com o meu marido(americano) para minha irmã?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Agripina, tudo bem?
      Sim, com certeza se você mora legalmente nos EUA e vai receber sua irmã, pode sim fazer a carta convite. Será importante para ela conseguir o visto.
      Grande abraço!

  86. Agripina says:

    Rodrigo como saber qual data de ida e volta colocar na carta convite se não sei para que dia vão fazer a entrevista e eu gostaria q ela viesse assim que conseguisse o visto?
    ● Eu posso fazer para ela ficar todos os 180 dias de visita comigo? (Caso a resposta for sim, ela poderia voltar antes dos 180 dias?)
    ● Quando ela vai precisar dessa carta? Durante o processo ou só na entrevista?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Agripina, tudo bem?

      Com relação à data da carta, espera a entrevista sair, e só depois envie pelo correio, caso não dê tempo de chegar leve uma cópia digital e uma cópia do seu documento de identidade.
      A carta pode sim ser para 180 dias se ela voltar antes não haverá problemas.
      A carta deve estar diposnivel para apresentação na entrevista.
      Espero te ajudado. Grande abraço

  87. Agripina says:

    Olá Rodrigo tudo bem?!
    Tem como eu fazer a carta convite junto, em meu nome(tenho green card) e do meu marido(americano) para minha irmã? ela ficaria em nossa casa (no caso eu não trabalho, só ajudo meu marido com os negócios)

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Agripina, tudo bem?
      Sim, claro, sua carta será muito útil. Pois o objetivo é provar que quem vai viajar tem onde ficar.
      Grande abraço!

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Leticia, tudo bem?
      Não sei entendi bem sua pergunta, mas vamos lá! A carta convite EUA tem como objetivo provar que você tem um lugar para ficar no país, independente do motivo que te leva a viajar para os EUA. Seja intercâmbio, estudantil, turismo ou a participação de envolto por exemplo.
      Espero te ajudado, agrande abraço!

  88. Gabriela says:

    Já tenho visto e fui pros EUA 3 vezes. Tenho amigos e namorado cidadãos, uma carta convite deles facilita minha passagem pela imigração? Como eu vou direto sempre dá um frio na barriga, não sei se pra quem já tem visto isso ajuda em algo

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Gabriela, tudo bem?
      Se você vai ficar na casa desses amigos e parentes, então, sim, a carta ajuda. O foco é provar que você tem onde ficar nos EUA. Fique tranquila, vai dar tudo certo! Grande abraço!

      • Jaciele dos Santos Souza says:

        Olá, Rodrigo, preciso de uma carta convite, teriam algum problema eu pegar esse modelo da sua carta e colocar só os dados da minha tia e O meu?

        • Rodrigo Magalhães says:

          Oi Jaciele, tudo bem?
          De forma alguma. Pode pegar sim. Este é um modelo padrão.
          Grande abraço!

  89. Lino Leal says:

    Boa tarde Rodrigo.

    A minha dúvida é se essa carta convite não pode criar o efeito contrário? Assim, se você tem onde ficar, a probabilidade de não voltar é enorme certo?! Diferente de ter que gastar com hotel durante 1 mês, por exemplo.
    Ainda mais considerando que o amigo em questão é americano.

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Lino tudo bem?
      Não, fique tranquilo. A carta é um documento válido, pois muitas pessoas vão aos EUA para ficar em casa de parentes e amigos e isso é normal, as autoridades sabem disso. Tanto a reserva em hotel, quanto a carta tem como foco mostrar que você tem onde ficar.
      Agora comprovante de vínculos com o Brasil como trabalho registrado, matrícula em faculdade, empresas em seu nome é que comprovam que você precisa voltar e por tanto não pretende ficar.
      Grande abraço!

  90. Elaine says:

    Oi Rodrigo se eu ajudar minha tia , com a carta e ela não ficar na minha residência , ficar em outro Estado com outras pessoas , isso traria problemas pra mim ? ( eu tenho medo porque seria falsas informações)

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Elaine, tudo bem?
      Eu sou pela verdade, sempre. Acho que a mentira sempre causa problemas. No caso se a sua tia vai ficar em outro lugar ela vai ter que pagar um hotel, então ela pode apresentar a reserva do hotel que tem o mesmo peso da carta. No caso de fica na casa de outras pessoas, essas pessoas podem gerar a carta para ela. O que ela precisa comprovar que tem onde ficar, ok?
      Grande abraço!

    • Rodrigo Magalhães says:

      Olá Sônia, tudo bem?
      Excelente sugestão. Faremos essa atualização no texto essa semana ainda. Obrigada!
      Abraços!

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Bruno, sim com certeza. Pois você demonstra que possui local para ficar, dando estabilidade a sua viagem.
      Grande abraço,

  91. Jacqueline Cardoso says:

    Olá Rodrigo.
    Moro nos EUA e quero fazer a carta convite para minha mãe, mas em que momento apresenta essa carta? Pois na hora da entrevista eles mal pedem os documentos, a pessoa não pode mostrar, só mostra o que pedem e eles já negam sem nem falar o porque e sem deixar a pessoa apresentar os documentos. Consegue me axiliar?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Jacqueline, tudo bem?
      É bem complicado, mesmo, mas a carta é entregue no momento da entrevista. A dica é quando eles pedirem os documentos insere a carta em meio aos demais. A pessoa pode falar também que está com a carta e deseja apresentar.
      Espero realmente que tudo dê certo, Jacqueline. Grande abraço!

  92. Leticia Cristina says:

    Rodrigo,
    Tenho uma carta convite para intercambio cultural. Neste caso preciso que na carta especifique isso?
    Trocarei hospedagem por ajuda com serviços para a familia.

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Leticia
      Se no caso você fizer um intercâmbio cultural “Host Family”, você precisará especificar isso. Grande abraço Letícia, espero que dê tudo certo.

  93. Lavínia k says:

    Boa tarde,
    Neste caso, poderia me explicar melhor o que seria a Carta de Boa Moral, que alguns amigos/ familiares tem que escrever para tal, que foi para os EUA?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Lavínia, tudo bem?
      No que tange a comprovação de hospedagem a carta convite EUA solicita que você especifique apenas o seu nome completo, número de registro ou passaporte, data de ida e data de volta, história que comprove a ligação entre as pessoas e motivo para viagem. Não sei se entendi muito bem sua pergunta. espero ter te ajudado. Abraços!

  94. Gabriele Rauch says:

    Oi Rodrigo, tudo bem? minha duvida é se na mesma carta posso fazer para meus dois filhos, ou se devo fazer uma para cada?

    obrigada

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Gabriele, tudo bem?
      Não encontrei informações específicas sobre carta para filhos que irão com os pais. Porém, para evitar problemas eu faria uma carta para cada pessoa. No caso se seus filhos forem menores, mencione na casa deles que eles irão com você, estão sob sua tutela e irão para ficar na casa do parente ou amigo seu.
      Abraços!

  95. Thiago says:

    Rodrigo bom dia tudo bem !
    Esta carta convite no caso tem q inidentificável meu documento e da minha esposa e filhas que são de menores na mesma carta ! E tem q conter a data prevista da viajem mesmo que seja quase 1-anos após , caso o visto seja concedido ??

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Thiago, tudo bem?
      Acredito que quanto mais completo em termos de informações mas essa carta irá beneficiar e facilitar na hora de tirar o visto. O período da viagem, data de chegada e retorno é realmente necessário. Abraços!

  96. Zelia do céu de Souza says:

    Boa tarde, além da carta convite , quais documentos são necessariós pra levar no consulado no dia da entrevista?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Zelia, tudo bem?
      Além da carta você deve levar:

      Passaporte atual + anteriores caso tenha;
      Agendamento;
      Formulário DS-160 finalizado;
      Duas fotos coloridas (5×7) com fundo branco;
      Carta de custeio (caso utilize patrocinador);
      Boa sorte!

  97. Thaís Gomes dos Santos says:

    Olá, Rodrigo!
    Boa noite!
    Tudo bem?
    Rodrigo por favor, eu quero saber se precisa colocar a data de ida e volta e se precisar, eu realmente tenho que voltar na data específica que está lá ou posso voltar quando eu desejar?
    E a outra dúvida é que minha mãe fará a carta -convite para mim, minhas filhas e meu marido também irá, ela pode incluí-lo na mesma carta ou tem que fazer outra apenas pra ele? Por favor!

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Rejane, tudo bem?
      Então… a carta-convite EUA precisa necessariamente ser escrita em inglês, já que é a língua oficial do país.
      Abraços e boa sorte!

  98. Thaís Gomes dos Santos says:

    Olá,
    Como vai?
    Minha mãe mora em Miami a 3 anos é casada e já tem o Green card. Ela fará a carta convite. Porém eu tenho duas filhas, minha dúvida é se ela coloca o nome das meninas na carta também ou não? Pois elas irão comigo.

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Thaís, tudo bem?

      Creio que uma carta só será o suficiente se as duas filhas forem menores. E sim, ela precisará colocar todos que irão com você. Porém, se suas filhas forem maiores de idade, creio que será mais garantido se ela fizer uma carta para cada pessoa. Ok? Boa sorte.

  99. Gab says:

    Olá! Tenho passaporte italiano, vou entrar nos EUA pelo visto do ESTA. Preciso da carta ainda assim para apresentar na chegada na imigração? Se sim, precisa ser autenticada em cartorio americano? Obrigada!

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Gab, tudo bem?

      A carta convite irá lhe auxiliar no processo de aprovação do visto, garantindo que você tem um lugar certo para ficar no país e sim, a carta-convite EUA deve ser registrada em cartório nos Estados Unidos. Boa sorte, abraços!

  100. carolina romero says:

    Oii Rodrigo, tudo bem? Estou indo visitar uma amiga em orlando, mas nao entendi: a mesma carta que a minha amiga escreveu deve estar comigo em mãos? ela deve enviar a carta para o brasil por fedex? ou eu mesma imprimo ela? abraço

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Carolina, tudo bem?
      Sua amiga deve, criar a carta, registrar em cartório nos Estados Unidos e enviar por sedex para você, uma vez que você precisa do original registrado em cartório. Burocrático, mas vai te ajudar a conseguir o visto. Boa sorte!

  101. leticia says:

    no meu preenchimento pro visto coloquei que ficaria em orlando mas mudei meus planos e vou ficar com minha namorada em miami. ela é estadunidense. ela pode me fazer uma carta e eu levá-la no dia da entrevista junto com os outros documentos? eu dou a carta ou espero eles pedirem? já que ela quem vai arcar com tudo eu preciso levar contracheque ainda?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Leticia, tudo bem?
      Acredito que você deva entregar a carta juntamente com o restante dos documentos. Quanto ao comprovante de renda, na verdade sim. Isso vai ajudar você a conseguir o visto. Ter uma renda te dá estabilidade para se manter nos EUA. Em caso de imprevisto, você tem como se manter.
      Grande abraço e boa sorte!

  102. Ariz says:

    Tudo bem gostaria de saber que assim eu tenho um namorado e eles se encontra nos Estados Unidos e ele quer que eu vá morar lá tem alguma opção sem muita burocracia para mim viajar para o país com a carta da precisa de colocar o tempo determinado qual o prazo com a carta de convite e como que eu faço para morar lá sendo que eu sou brasileira e nunca saí do país o que eu devo fazer…

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Ariz, tudo bem?

      O Estados Unidos é bem rigoroso com a imigração, lamento dizer que o processo não é nada simples mesmo que você tenha onde morar. O fato de ser namorada e não casada também dificulta um pouco as coisas.

      Para morar nos EUA é preciso Green Card, trata-se de um visto de residência permanente. Esse visto é conseguido em casos de: Parentesco com alguém que mora lá, Trabalho com vínculo comprovado com empresa americana, Visto EB-5 comprovando que gerou pelo menos 10 empregos para os americanos ou residentes legais ou casamento.
      Boa sorte e grande abraço!

  103. Claudia says:

    Olá Boa tarde
    Essa carta auxilia no processo do visto ou não? No caso de levar menos tempo para tirar o visto.
    Obrigada

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Claudia, tudo bem?
      Sim, com certeza a carta auxilia no processo do visto. É importante mostrar que você tem onde ficar.

  104. Maik Pereira says:

    Ótimo post, tenho uma dúvida.

    Vou para os Estados Unidos para participar de uma Feira de Negócios, a NRF. Vou pela empresa que trabalho, existe algum modelo de documento que meu empregador tenha que seguir para eu mostrar no dia da entrevista?
    A empresa vai custear as passagens, transfer, estadia, alimentação,…

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Maik, tudo bem?

      Você deve solicitar o Visto Americano de Negócios que serve para o viajante participar de eventos relacionados ao seu trabalho aqui do Brasil, como reuniões, palestras, Workshops, feiras, eventos específicos entre outros.

      A partir do momento de entrada no processo do Visto Americano de Negócios, normalmente as pessoas que tiverem o Visto Americano concedido o receberão em sua residência em aproximadamente 20 dias. O Consulado Americano pede 10 dias para enviar o Passaporte com o Visto Americano ao solicitante após a entrevista, porém a maioria dos solicitantes dizem que recebem o Visto Americano de Negócios no prazo de 6 e 10 dias.
      Boa sorte, abraços!

  105. Rafael says:

    Ola Rodrigo, tudo bom?
    Aqui existe algum problema de exceder o tempo do qual foi informado da volta para o país de origem? Ou teria o limite de 6 meses do tempo do visto de turismo…

    • Rodrigo Magalhães says:

      Olá Rafael, tudo bem?
      Então… como você sabe o visto Americano de Turista (B-2) é válido por 180 dias, prolongar sua permanência de turista é ficar na informalidade, isso não é exatamente um crime, mas uma situação irregular. As principais penas nesses casos são a remoção e a deportação.
      Boa sorte e grande abraço!

      • Regiane S. Rosa says:

        no caso de passar o tempo de permanência da carta convite, prejudica a pessoa que redigiu a carta de alguma forma? por exemplo eu informo que irei ficar 1 mes e acabo ficando 2 meses.

        • Rodrigo Magalhães says:

          Oi Regiane, tudo bem?
          Acredito que não, até porque os planos podem realmente mudar e qualquer coisa você faz uma outra carta com o tempo real. Grande Abraço!

  106. Márcia cararo Fischer says:

    Boa tarde Rodrigo.. minhã filha e meu genro moram no Estado unidos.eu estou inda pra lá .só que minha carta convite não está registrado em cartório.e tirei o visto com ela,terá algum problema eu viajar assim?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Márcia, tudo bem?
      Segundo informações prestadas no site do Ministério das Relações Exteriores do Brasil, a carta convite deve ser autenticada em um cartório brasileiro. Além disso, o órgão também informa que é preciso apresentar o documento original na imigração.

      Espero ter entendido a sua pergunta e ter auxiliado com a resposta. Grande abraço!

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Matheus, tudo bem?
      Sim com certeza, pois comprova que você tem onde ficar no período que estiver no país. Grande abraço e boa sorte!

  107. Acsa Larisa Ribeiro Gomes says:

    Olá Rodrigo boa tarde! Somos residentes de Portugal, e uma amiga nos convidou para passar as férias com ela em Orlando Flórida, sabe quanto tempo tem de duração uma carta convite? É necessário ser feita com quanto tempo de antecedência?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Olá Acsa, tudo bem?
      Então entre as regras consta que você precisa colocar na carta as datas de chegada e retorno. Não informando o tempo de duração. Creio sim que a duração é realmente o seu tempo de estadia que deve constar na carta. Espero ter esclarecido sua dúvida. Grande abraço!

  108. Victor Gomes says:

    Caso a pessoa estiver indo junto com um residente, onde ficará hospedada, ainda assim necessita da carta convite?

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Victor, sim
      Com certeza, pois a carta é um documento que será entregue e ficará para análises. Não depende de quem irá viajar com você.

  109. Orlando says:

    Rodrigo boa tarde. Estamos em 3 adultos da mesma família indo para NY em outubro, de férias, para ficar na casa de um amigo no Brooklin. Pelo que li na sua publicação acima, será preciso que ele faça uma carta convite para nós e necessariamente à reconheça em cartório em NY, correto?
    outra pergunta: temos que fazer o teste pra Covid de 24 hs antes para ir a América ou já foi descartado essa necessidade?
    As informações por aqui estão meio confusas. Temos uma conhecida brasileira que mora em MIAMI e veio no inicio deste mês rever a família e foi exigido dela o teste para entrar e sair do país. por isso a pergunta, já que tinham me falado que não era mais necessário este exame oque achamos ótimo, já que é bem caro, ainda mais sendo para três. Aguardo sua resposta. obrigado pela atenção
    Orlando

    • Rodrigo Magalhães says:

      Oi Orlando, como vai? Peço desculpas pela demora no retorno! Sim a carta deve ser registrada em cartório nos Estados Unidos.

      Quanto ao teste, os Estados Unidos deixaram de exigir testes de Covid-19 pré-embarque para passageiros que viajam de avião para o país. A exigência deixou de valer a partir de 12/06. Essas informações são oficiais. Porém, não sei se existe alguma lei estadual na Flórida que possa estar mantendo essa exigência. Grande Abraço!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pesquisar

Portland, EUA: Descubra os Principais Pontos Turísticos e Atrações Imperdíveis

Vai Viajar? Simule seu plano de internet

arrow-dropdown.png
arrow-dropdown.png
arrow-dropdown.png
arrow-dropdown.png

O Melhor da Pensilvânia: Cultura, Curiosidades, Praias e 10 Atrações Turísticas

Colorado, EUA: Curiosidades, Vida Noturna, Esquiar em Vail e 17 Atrações Turísticas

Leia mais

Conheça Portland, a peculiar cidade do Oregon que une paisagens naturais únicas e uma cidade cheia de vida.  Uma cidade onde rios se entrelaçam por toda sua extensão não poderia criar um cen(...)

Leia mais

Conheça o melhor da Croácia conectado com o melhor 5G da Europa, proporcionado pelo Chip de Celular Croácia da America Chip.  A Croácia é o destino dos sonhos de milhares de viajantes ao red(...)

Leia mais

Mergulhe no universo dos sobrenomes italianos, desvendando suas origens, significados e entendendo como eles podem ser a chave para a solicitação da cidadania italiana. A Itália carrega sobrenome(...)

Leia mais

Conheça o Chip de Celular Bélgica da America Chip e garanta que a sua próxima viagem internacional seja ainda mais inesquecível. É fácil fazer com que uma viagem internacional e, principalmente, (...)

Leia mais

Imagine só: visitar a Alemanha conectado com o melhor 5G do país, acesso ilimitado à internet e um plano personalizado feito especialmente para você? Descubra como através do Chip de Celular Alem(...)

Leia mais

O Chip de Celular Escócia fará toda a diferença na sua próxima viagem ao Reino Unido – mas, para que isso aconteça, você precisa conhecer a America Chip. O Reino Unido é um destino imperdív(...)

Leia mais

Descubra tudo por trás dos sobrenomes franceses – e saiba quais benefícios um sobrenome francês pode proporcionar a quem o tem. Com certeza, você conhece (ou já ouviu falar de) alguém com u(...)

Leia mais

Trabalhar em Portugal é o sonho de muitos brasileiros. Porém, com o aumento do custo de vida, será que ainda vale a pena? Desde o dia 1º de janeiro de 2024, o salário mínimo em Portugal é de € 82(...)

Leia mais
Clique aqui e tire suas dúvidas 24h